Disney+ chegará à América Latina em novembro

(dr) Disney+

Ao divulgar que ultrapassou a marca de 60 milhões de assinantes, a Disney também reforçou uma informação que traz esperança a muita gente: o Disney+ deve mesmo chegar à América Latina em novembro.

A informação foi dada pelo diretor executivo da empresa, Bob Chapek, em conferência que apresentou os resultados relacionados ao segundo trimestre de 2020.

A notícia não acompanhou os detalhes mais esperados sobre o lançamento, principalmente no Brasil, que já havia sido confirmado para novembro. Preços e uma data específica para chegada do Disney+ em nossas terras não foram revelados, mas, de acordo com o executivo, a América Latina se torna o próximo mercado no qual a empresa lançará seu olhar após lançamentos bem-sucedidos na Europa e na Índia.

O país, inclusive, é considerado um dos centros da operação do Disney+ na Ásia e foi citado como um grande alavancador da marca de 60,5 milhões de assinantes anunciada pela empresa. O número trouxe um motivo adicional de comemoração, com a plataforma de entretenimento conseguindo em menos de um ano o que esperava obter apenas em 2024.

Em seu relatório financeiro, a empresa citou grandes franquias e títulos como alguns dos principais alavancadores desse crescimento, mencionando o sucesso da série O Mandaloriano, baseada no universo de Star Wars, e o lançamento do musical Hamilton como grandes atrativos. Além disso, a pandemia do novo coronavírus e a busca maior das pessoas por entretenimento em casa motivou um aumento considerável nas assinaturas.

Novamente, os grandes filmes, principalmente animações e infantis, motivaram muita gente a assinar o Disney+ para as crianças, enquanto os mais velhos também contam com uma bela seleção de longas da Marvel, seriados e filmes licenciados ou não. Diante do cenário, a empresa também adiantou o lançamento do mais recente Star Wars, A Ascensão Skywalker, na plataforma.

Outros lançamentos do cinema também tiveram sua disponibilização adiantada, como foi o caso de Frozen 2 e Dois Irmãos: Uma Jornada Fantástica, que chegou à plataforma de streaming semanas depois de seu lançamento nas telonas. E enquanto as salas permanecem fechadas, a empresa continua a tomar atitudes desse tipo, inclusive, gerando controvérsias como a que envolve a chegada de Mulan, longa originalmente planejado para os cinemas que estreará em streaming com uma mecânica diferente, exigindo um pagamento extra além da assinatura para ser assistido.

Apesar do sucesso aparentemente imediato, a Disney manteve suas previsões iniciais de crescimento para o serviço. Originalmente, a ideia era que a plataforma tivesse entre 60 milhões e 90 milhões de assinantes até 2024, com a meta máxima permanecendo a mesma enquanto os trabalhos continuam em termos de expansão territorial e lançamentos.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Colômbia é o 1º país latino-americano a receber vacinas da iniciativa COVAX

Nesta segunda-feira (1º), um lote de 117 mil doses da vacina da Pfizer/BioNTech chegou à Colômbia por meio da iniciativa COVAX. O país é o primeiro na região a receber os imunizantes do consórcio da …

Twitter vai tolerar até cinco posts antes de banir por desinformação sobre covid-19

O Twitter resolveu endurecer suas políticas de uso e vai pegar mais pesado contra quem dissemina fake news a respeito da COVID-19, tal como a eficácia e segurança das vacinas que visam combater a doença. Em …

EUA: "Trump tenta manter opções em aberto" para eleições presidenciais de 2024

Não demorou muito para Donald Trump se recuperar de sua derrota - que, aliás, ele ainda não reconhece. No domingo (28), o ex-presidente encerrou a Conferência de Ação Política Conservadora em Orlando, na Flórida. Diante …

Japão nomeia ministro da solidão para enfrentar o isolamento social no país

Os sintomas diretos da Covid-19 sobre nossa saúde já são bastante sabidos, entre febre, cansaço excessivo, dores no corpo, tosse seca e problemas respiratórios, mas uma série de efeitos indiretos vem sendo percebidos – se …

Estudo de esqueletos de 200 gerações revela como humanos evoluíram para lutar contra germes

Estudiosos analisaram cerca de 70 mil esqueletos de 200 gerações a fim de entender como a humidade passou por pandemias anteriores. Os estudos foram feitos acerca de doenças infecciosas como tuberculose, treponematose e hanseníase. Os pesquisadores …

Médica adverte sobre síndrome inflamatória multissistema em pacientes que superaram covid

A médica-chefe de um hospital de Moscou, Mariana Lysenko, declarou em uma entrevista ao canal RT que alguns dos pacientes que superaram a COVID-19 podem desenvolver uma síndrome inflamatória multissistema. De acordo com a médica, a …

Militares abrem fogo contra manifestantes em Mianmar

Forças de segurança reforçam repressão aos protestos contra golpe de Estado e deposição do governo democraticamente eleito. Relatos de mortes surgem de várias cidades. ONU condena violência e o uso de força excessiva. As forças de …

LEGO lança quiz online para educar a criançada sobre cyberbullying

O sentido educacional que os brinquedos da LEGO oferecem ganha nova e ainda maior dimensão com o lançamento do Safer Internet Day (ou Dia da Internet mais Segura, em tradução livre), um quiz virtual desenvolvido …

Covid-19: Peru prorroga suspensão de voos do Brasil até 14 de março

O governo do Peru anunciou neste domingo (29) a prorrogação até 14 de março da suspensão de voos procedentes do Brasil. A medida preventiva visa evitar a entrada de passageiros que podem estar infectados …

Ex-funcionários do McDonald's revelam "estratégia de espionagem" da rede de fast-food

A revista Vice analisou testemunhos de supostos trabalhadores anônimos do McDonald's que tinham conhecimento direto da vigilância, e vazou documentos que explicam as táticas de espionagem. Uma equipe de analistas de inteligência da cadeia de fast-food …