Educação e confiança fazem da Dinamarca país menos corrupto do mundo

Imagine poder almoçar tranquilamente num restaurante ou fazer compras enquanto deixa o seu bebê no carrinho, estacionado do lado de fora na calçada. Essa cena, que faz parte do cotidiano dos dinamarqueses, só é possível graças a um atributo básico daquela sociedade: a confiança.

É por essa e outras características que o país continua no topo do ranking dos países mais íntegros do mundo, conforme o relatório da Transparência Internacional de 2019, divulgado nesta quinta-feira (23).

A RFI investigou porque o país escandinavo de 5,603 milhões de pessoas é um exemplo entre os 180 analisados no Índice de Percepção da Corrupção (IPC), com 87 pontos.

O ranking é calculado numa escala de 0 a 100 e quanto menor a nota, maior é a percepção da corrupção no país. Os pesquisadores internacionais levam em consideração 13 fontes de dados do mundo empresarial e de instituições como o Banco Central e o Fórum Econômico Mundial.

“Temos muitas instituições internacionais e uma mídia livre e independente”, explica Natasha Linn Félix, chefe do Conselho da Transparência Internacional da Dinamarca, que trabalha como voluntária da ONG.

“O aumento dos salários e aposentadorias dos funcionários públicos também teve um grande impacto no combate à corrupção no país, já que assim os servidores não precisam roubar ou se corromper”, completa. “Mas o curioso sobre confiança é que leva anos para construir, mas pode desabar muito rapidamente”, alerta.

Dois terços dos 180 países tiveram pontuação abaixo de 50 e o índice médio foi de 43. O país nórdico da Europa setentrional, composto por uma grande península e 443 ilhas, ficou a frente de Nova Zelândia, Finlândia e Singapura.

Títulos para se orgulhar

“Países como a Dinamarca e a Suécia têm um histórico longo de democracia e tiveram a oportunidade de consolidar os seus estudos e as suas leis para garantir o acesso à informação aos cidadãos e mecanismos de controle”, explica Guilherme France, coordenador de pesquisa da Transparência Internacional do Brasil.

“Existe um nível de confiança em relação à atuação dos funcionários públicos e do governo, o que acaba se refletindo em práticas administrativas mais probas”, completa.

Com uma economia mista capitalista e um estado de bem-estar social, a Dinamarca orgulha-se de ostentar o mais alto nível de igualdade de riqueza do mundo e o menor índice de desigualdade social, além de ser apontada como um dos países mais felizes.

Educação e cultura são importantes na sociedade e garantidos pela independência dos setores públicos”, afirma Natasha Linn Félix. “Contudo, vemos uma mudança porque isso vem sendo cada vez mais politizado”, lamenta.

// RFI

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Fortnite dá desconto por fora, é banido pela Apple e caso vai parar na justiça

A Epic está processando a Apple pela retirada de Fornite da App Store. Após um embate jurídico entre as duas companhias, o jogo foi bloqueado na loja do iOS, criando reação imediata da desenvolvedora. A história, …

Com 1000 anos, maior cidade pré-colombiana da região dos EUA fica sob a cidade St Louis

Por mais que tenhamos sido ensinados que a história do continente americano começa pela chegada por aqui dos navegadores europeus – e o próprio nome de tal território sublinha essa recorrente doutrinação – o fato …

Asteroide Psyche poderia ser núcleo de planeta que não se formou, dizem cientistas

Cientistas examinaram um asteroide que deve ser visitado por uma missão da NASA em 2022, encontrando provas que suas propriedades atraíram sucessão de outros asteroides. Após realizar diversas simulações em 2D e 3D usando um supercomputador, …

Essa “formiga-diabo” pré-histórica ataca sua presa há 99 milhões de anos

Uma linhagem extinta há tempos, nomeada afetuosamente de “formiga do inferno” ou “formiga-diabo”, foi encontrada presa em âmbar há 99 milhões de anos atrás, com sua mandíbula em formato de foice agarrada firme na presa. No …

Mataram um crocodilo de meia tonelada e 4,5 metros depois de 50 anos de perseguição

Notícia triste para quem luta pela preservação do meio ambiente. Conhecido como Demônio, um crocodilo de meia tonelada e 4,5 metros, que segundo moradores aterrorizava vilarejos na ilhas Bangka Belitung (Indonésia), foi morto na semana …

China diz que encontrou traços de coronavírus em frango brasileiro

Carga de asas de frango que chegou a Shenzhen, no sul do país asiático, foi confiscada. Funcionários da alfândega que entraram em contato com alimentos foram testados, mas exames deram negativo. Traços do novo coronavírus foram …

Vacinação em SP começa em janeiro, segundo diretor do Butantan

Com a pandemia, inúmeras empresas estão dedicadas ao desenvolvimento de uma vacina que possa ajudar na luta contra a COVID-19. Nesta quarta-feira (12), o diretor do Instituto Butantan, Dimas Tadeu Covas, afirmou que o estado …

Descoberto "Stonehenge de madeira" de 4.500 anos em Portugal

A estrutura de madeira achada é a "única na pré-história da Península Ibérica", explicou o arqueólogo que lidera as escavações. Durante uma escavação no sítio arqueológico de Perdigões, arqueólogos descobriram uma estrutura para fins cerimoniais de …

Coronavírus reaparece na "protegida" Nova Zelândia e gera alerta

A detecção de quatro casos de transmissão local do novo coronavírus, depois de mais de 100 dias sem o vírus, levou as autoridades da Nova Zelândia a restaurar a quarentena em Auckland, cidade mais populosa …

Viagem aos anos 90: Airbnb abrirá reservas para pernoites na última Blockbuster

Quem viveu o boom das locadoras nos anos 90 sabe que ir até uma Blockbuster ou redes semelhantes de VHS e DVDs era um verdadeiro programa de final de semana: a experiência de assistir a …