É estupidamente fácil vencer a Terceira Guerra Mundial

(dr) Policy Exchange

Submarino militar nas proximidades de um cabo submarino de comunicações

Graças à nossa dependência da internet e tendo em conta que estamos em uma época de guerras cibernéticas, uma possível Terceira Guerra Mundial seria “estupidamente fácil de ganhar”.

De acordo com o repórter do The National Interest, Steve Weintz, bastaria cortar os cabos de fibra ótica que passam pelo fundo do oceano para causar uma séria destruição nas comunidades inimigas.

A maioria dos dados são transferidos através destes cabos de fibra submarinos, explica o autor, apontando que, na realidade, só uma pequena parte dos dados passa pelos sistemas de satélite.

Para exemplificar os efeitos devastadores recorrentes da perda da internet e das demais comunicações, o colunista menciona um acontecimento nas ilhas Marianas, no oceano Pacífico. Naquela época, uma queda de rochas rompeu o único cabo de fibra ótica que conectava o arquipélago com a rede internacional.

Como consequência, todos o voos foram cancelados, os caixas eletrônicos não funcionavam nos estabelecimentos e não havia qualquer conexão via internet ou celular. Posteriormente, um navio especializado em Taiwan consertou o cabo, mas o incidente mostrou os inúmeros problemas que uma perda de conexão pode causar.

Por tudo isso, Weintz está convencido que, em caso de um conflito, um dos lados pode vencer o inimigo cortando os cabos de alta velocidade. Esta ruptura pode ser feita nas profundezas no mar ou nos lugares onde os cabos passam na costa, tornando-os assim especialmente vulneráveis.

Segundo o colunista, para fazer o corte são necessários apenas submarinos equipados que cheguem às profundezas do oceano.

A União Soviética trabalhou arduamente para desenvolver sua capacidade de desenvolver operações em águas profundas. Consequentemente, a Rússia herdou suas conquistas. De acordo com o jornalista, uma das mais recentes demonstrações neste sentido foi a exploração do fundo do Ártico com a consequente implantação de uma bandeira russa a 4 mil metros de profundidade.

Steve Weintz nota que a Rússia detém a maior frota para águas profundas tripuladas do mundo. “Juntamente com sua crescente frota de resgate submarino e forças especiais marítimas, a Rússia agora tem uma capacidade de guerra submarina híbrida muito poderosa”, concluiu.

Não é a primeira vez que uma suposta ameaça russa aos cabos de internet é discutida. No entanto, e apesar das declarações alarmistas, os especialistas em comunicações dizem que a possibilidade disso acontecer acaba sendo muito menos assustadora do que o imaginário militar.

Quanto à possível “ameaça russa”, os analistas apontam que a destruição de cabos de computador seria uma desvantagem muito mais significativa para o país, já que muitos conteúdos dos EUA estão disponíveis em servidores locais na América do Norte.

Por isso, seria improvável que os próprios russos fossem desconectados.

Ciberia // Sputnik / ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Startup brasileira oferece curso gratuito sobre estratégias do Vale do Silício

Um novo curso à distância promete ajudar os empresários brasileiros a descobrirem os segredos do sucesso do Vale do Silício. Oferecido pela Qulture.Rocks, startup de tecnologia para gestão de desempenho empresarial, o curso sobre OKRs (Objectives …

Se não pararmos de comer carne, vamos acabar com o planeta

Cada cidadão deverá reduzir em 75% o seu consumo de carne de vaca, 90% de carne de porco, comer metade da quantidade de ovos e triplicar o consumo de sementes e frutas secas. Segundo um estudo, …

TSE remove inserção de Haddad com informação falsa sobre Bolsonaro

O ministro Sergio Banhos, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), determinou que a campanha do presidenciável do PT, Fernando Haddad, cesse a divulgação de uma propaganda eleitoral segunda a qual o candidato do PSL à Presidência, …

Igreja Ortodoxa rompe com Constantinopla: maior cisma do Cristianismo em 1.000 anos

A Igreja Ortodoxa Russa decidiu nesta segunda-feira (15), durante o Sínodo que realiza em Minsk, em Belarus, romper todos os vínculos com o Patriarcado de Constantinopla, anunciou o arcebispo metropolitano Hilarion. "O Santo Sínodo decidiu romper …

Menino morre após ser atingido por disparo de arma feito por garoto de 12 anos

Um menino de 11 anos foi morto em Guarantã do Norte, no Mato Grosso, depois de outro garoto, de 12 anos, usar uma arma. De acordo com informações da Polícia Judiciária Civil, o fato aconteceu …

Clube Republicano: Trump com uma Coca-Cola Light ao estilo dos cães jogando pôquer

Há um novo quadro nas paredes da Casa Branca: “Clube Republicano”, no qual Donald Trump aparece à mesa com outros dez presidentes republicanos. O que se bebe? Coca-Cola Light. Andy Thomas, o artista de Missouri que, …

Governo decide manter começo do horário de verão em 4 de novembro

O Palácio do Planalto informou nesta terça-feira (15) que o início do horário de verão será mantido no dia 4 de novembro, cancelando um novo adiamento. Geralmente, o horário começa em outubro, mas foi adiado …

Bolsonaro diz que "quem vai mandar no Brasil serão os capitães"

O candidato do PSL à Presidência da República, Jair Bolsonaro, visitou nesta segunda-feira (15) a sede do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) da Polícia Militar do Rio de Janeiro. Bolsonaro chegou ao quartel, em …

A Teoria do Cabelo Macio: o último artigo publicado de Stephen Hawking

Artigo sobre entropia dos buracos negros e a Teoria do Cabelo Macio foram completados dias antes da morte do físico, em março. De acordo com o The Guardian, o último artigo do físico Stephen Hawking foi divulgado pelos físicos …

Cientistas descobrem do que são feitos os exoplanetas semelhantes à Terra

Cientistas da Universidade de Zurique analisaram a composição e estrutura de exoplanetas distantes usando ferramentas estatísticas. A análise indica se um planeta é parecido com a Terra, se é composto por rocha pura ou um …