Franceses correm para se vacinar após reforço de restrições

USACE Europe District / Flickr

Mais de 1,7 milhão de franceses agendam imunizações contra a covid nas últimas 24 horas após governo anunciar que passe sanitário será exigido para frequentar bares e restaurantes durante o verão.

Mais de 1,7 milhão de franceses agendaram a primeira dose da vacina nas últimas 24 horas, numa reação ao anúncio do governo francês de que será exigido um passe sanitário para frequentar restaurantes e bares.

O governo de Emmanuel Macron anunciou as medidas na segunda-feira (12/07), em reação a um aumento de casos de covid-19. Além da exigência do passe sanitário para certas atividades, Macron anunciou que a vacinação será obrigatória para profissionais de saúde.

“A vacinação não é obrigatória para todos, mas vamos estender a obrigação do passe sanitário ao máximo, para levar as pessoas a se vacinarem”, disse Macron.

Após o discurso do presidente, uma plataforma de agendamento de vacinação passou a registrar tráfego recorde, ainda durante os anúncios de Macron.

“Registramos 20 mil consultas por minuto, um recorde absoluto desde o início da campanha”, disse o diretor do site Doctolib, Stanislas Niox-Chateau, à rádio BFM.

O passe sanitário na França consiste em apresentar um comprovante de vacinação ou um teste PCR ou antigênico negativo com menos de 24 horas. Um teste positivo à covid-19 será também válido se a doença tiver sido detectado há mais de duas semanas e menos de seis meses.

Até o anúncio, o passe sanitário era obrigatório na França apenas para viagens de avião e eventos com mais de mil pessoas. A partir de agora, vai ser estendido na maior parte das atividades fora de casa, incluindo grandes espaços comerciais como centros comerciais.

Ainda no âmbito das medidas para incentivar a vacinação, testes PCR feitos sem receita vão deixar de ser reembolsados a partir do outono.

Durante esta terça-feira, o governo francês anunciou detalhes das medidas, que vão entrar em vigor a partir de agosto. Segundo o governo, haverá tolerância até o final do verão na utilização do passe sanitário para as crianças entre 12 e 17 anos.

A partir de agora, a vacinação completa vai ser reconhecida em França já uma semana após a segunda dose, em vez de duas, anunciou o ministro da Saúde, Olivier Véran.

No momento, 7.076 pessoas com covid-19 seguem internadas nos hospitais franceses e há 933 pacientes nas unidades de cuidados intensivos, 24 a menos do que na véspera. O número de casos vem subindo. Foram detectados 6.950 novos casos na segunda-feira e 54 mortes.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

EUA e Reino Unido teriam dado 'luz verde' a Israel para retaliar Irã após ataque a petroleiro

Irã rejeitou o envolvimento do país no ataque contra o petroleiro Mercer Street no mar Arábico que ocorreu na quinta-feira (29), condenando as acusações lançadas pelo governo israelense. Tel Aviv teria recebido "luz verde" de Washington …

Incêndios causam mortes e devastação no sul da Europa

A União Europeia EU) enviou ajuda para a Turquia nesta segunda-feira (02/08), e voluntários se juntaram a bombeiros na luta contra fortes incêndios que já duram seis dias e mataram oito pessoas no país. Em …

Golpe militar em Mianmar completa seis meses e já resultou em quase mil mortes de civis

Aterrorizados pela repressão da junta militar e pela propagação do coronavírus, poucos birmaneses se atreviam a ir às ruas para protestar neste domingo (1º), quando completam-se seis meses do golpe de Estado que mergulhou …

Governo italiano vende casas a 2 euros na região da Sicília

Mais uma vez o governo italiano está vendendo casas em áreas rurais da Itália, após o sucesso da campanha para repovoamento de áreas abandonadas. Além de promover a ocupação por meio de incentivos para jovens e …

Bolsonaro admite não ter provas de fraudes eleitorais

Em live para a qual convocou veículos de imprensa, Bolsonaro exibiu uma série de teorias falsas, cálculos equivocados e vídeos antigos, já verificados e desmentidos, mas que ainda circulam na internet, como supostas evidências de …

A incrível civilização antiga que mumificava os mortos 2 mil anos antes dos egípcios

"As mais antigas evidências arqueológicas conhecidas de mumificação artificial de corpos", segundo a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco), estão presentes na América do Sul, na costa árida …

Delta pode causar covid-19 mais grave, alerta agência americana

Documento interno do órgão de prevenção de doenças dos EUA indica que a variante delta do coronavírus é tão contagiosa quanto a catapora e pode ser transmitida mesmo por indivíduos vacinados. "A guerra mudou", diz …

Vendas de vacinas anticovid impulsionam lucros de laboratórios

A empresa farmacêutica AstraZeneca anunciou nesta quinta-feira (28) que as vendas de sua vacina contra a Covid-19 alcançaram US $ 1,17 bilhão no primeiro semestre do ano. Este número corresponde à entrega de aproximadamente …

Cientistas transformaram água pura em metal pela primeira vez

Cientistas transformaram, pela primeira vez, água pura em metal. A pesquisa poderia permitir um estudo detalhado das condições de extrema alta pressão dentro de grandes planetas. A água pura é um isolante quase perfeito. Sim, a …

Imagens do satélite Amazonia-1 já estão disponíveis — e qualquer um pode acessar

O Ministério da Ciência e Tecnologia comunicou, nesta semana, que as imagens do Amazonia-1 já podem ser acessadas pelo público. O satélite Amazonia-1 foi lançado em fevereiro de 2021 e, desde então, já avançou por etapas importantes, …