Gravidez reduz massa cinzenta e altera cérebro das mulheres

Um estudo europeu realizado em duas universidades sugere que a gravidez reduz a massa cinzenta em áreas específicas do cérebro das mulheres para auxiliar a mãe a criar laços com o bebê e se preparar para as demandas da maternidade.

A pesquisa, da Universitat Autonoma de Barcelona em parceria com a Leiden University, da Holanda, foi publicada na revista científica Nature Neuroscience e é baseada em imagens de ressonância magnética feitas do cérebro de 25 mulheres antes, durante e dois anos após a primeira gravidez.

Os pesquisadores então compararam essas imagens com as de cérebros de 19 pais de primeira viagem, 17 homens sem filhos e 20 mulheres que nunca engravidaram.

A análise sugere uma redução significativa de massa cinzenta nos cérebros das gestantes. Essas mudanças foram identificadas justamente em áreas do cérebro responsáveis pelas interações sociais – a região que acionamos quando pensamos ou sentimos algo por alguém, ou as chamadas tarefas da “teoria da mente”.

Segundo os pesquisadores, as transformações trariam vantagens às novas mães como ajuda para identificar as necessidades do bebê, ficar mais atenta a potenciais ameaças sociais e se aproximar mais do neném.

As mudanças são tão evidentes que os computadores foram capazes de identificar quais mulheres já haviam engravidado somente com a análise das imagens dos cérebros.

Adaptação

Para chegar a estas conclusões, os pesquisadores fizeram várias atividades com as mulheres.

Em uma das tarefas, a atividade cerebral das mães era monitorada enquanto elas olhavam fotos de seus bebês e de outras crianças. Os pesquisadores observaram que as partes do cérebro ativadas quando elas viam as imagens dos filhos eram muito próximas daquelas áreas onde a massa cinzenta havia sido reduzida ou “afinada” durante a gravidez.

Mas essas mesmas regiões cerebrais não eram acionadas quando as mães olhavam fotos de outros bebês.

“Nós podemos especular que o volume de reduções (de massa cinzenta) observado na gravidez representa um processo de especialização para a futura maturidade dessa rede de teoria da mente que, de alguma forma, serve como uma espécie de adaptação para a maternidade”, afirma a autora do estudo Elseline Hoezkzema, pesquisadora do pós-doutorado do Instituto de Psicologia da Leiden University.

Ainda de acordo com a pesquisa, todas as mulheres são afetadas da mesma forma, independentemente da forma como engravidam – naturalmente ou com fertilização in vitro.

Apesar das mudanças evidentes dos cérebros das mulheres, os pesquisadores analisaram imagens dos homens que se tornaram pais pela primeira vez e não identificaram alterações na massa cinzenta ou na massa branca do cérebro deles.

A pesquisa afirma que a gravidez é caracterizada por intensas correntes de hormônios sexuais e envolve mudanças drásticas tanto físicas quanto emocionais. Durante nove meses, as mulheres passam por uma avalanche de estrogênio maior do que elas passarão pelo resto da vida.

O estudo sugere que essas mudanças estruturais no cérebro das mulheres durante a gestação são semelhantes às transformações que ocorrem na adolescência e afetariam as gestantes até dois anos depois do parto. Apesar disso, elas não afetariam a memória das mulheres.

Muitas mulheres afirmam que “esquecem” de coisas facilmente ou que se sentem mais emotivas durante a gestação e geralmente citam a gravidez como responsável – o que parece estar em sintonia com o resultado do estudo.

// BBC

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Ausência nas eleições poderá ser justificada pelo celular

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) anunciou nesta quarta-feira (30) que a justificativa de ausência nas próximas eleições - cujas votações ocorrerão em 15 de novembro (1º turno) e 29 de novembro (2º turno) - poderá …

"Mafalda" perde seu criador, Quino, aos 88 anos

O criador de Mafalda, o cartunista argentino Quino, morreu aos 88 anos. O icônico ilustrador e humorista marcou a vida argentina e do mundo todo com a criação da pequena menina com grandes ideias que …

Muito além de Netuno: objeto binário choca cientistas por ter partes orbitando muito perto

Um objeto transnetuniano (TNO, na sigla em inglês) binário foi detectado por uma rede de observação nos EUA. Objetos transnetunianos consistem em pequenos corpos gelados que orbitam o Sol a uma distância longínqua, para além …

Acusados de financiar terrorismo na Síria com bitcoins são detidos na França

A Procuradoria Nacional Antiterrorista (PNAT) da França anunciou a detenção nesta terça-feira (29) de 29 pessoas acusadas de transferir recursos a jihadistas na Síria graças a um circuito sofisticado no qual foram utilizadas criptomoedas. A …

Donald Trump e Joe Biden travam debate caótico

Xingamentos e interrupções marcam primeiro duelo direto. Trump se recusa a condenar racistas, e Biden chama presidente de palhaço e mentiroso. Democrata sinaliza que pretende retaliar Brasil por devastação ambiental. Faltando pouco mais de um mês …

Flight Simulator tem um bug com buraco bizarro no mapa do Brasil

Vejam só: encontraram um bug respeitável na edição 2020 de Flight Simulator, o respeitado simulador de voo da Microsoft. E, para o nosso orgulho, a falha se localiza especificamente no Brasil. Se você sobrevoar as coordenadas …

Médica fez viagem institucional para impedir aborto de criança vítima de estupro e Damares teria atuado nos bastidores

Uma reportagem da Folha de São Paulo afirmou que uma das médicas que trabalhou para impedir o aborto legal de uma criança de 10 anos que foi estuprada em São Mateus, ES, confessou, em entrevista, …

COVID-19: produção de vacina pode causar morte de meio milhão de tubarões, alertam especialistas

Óleo natural feito a partir do fígado dos tubarões é um componente-chave entre os ingredientes utilizados por vários candidatos a vacina contra a COVID-19. A Shark Allies, uma organização de defesa aos tubarões, da Califórnia, EUA, …

Quem é Amy Barrett, a indicada de Trump para Suprema Corte?

Se aprovada pelo Senado, atual juíza federal e católica devota poderá influenciar a vida pública dos EUA por décadas e mover de vez a composição da Corte para uma orientação conservadora. Se no Brasil o presidente …

Uber ganha 18 meses de licença para atuar em Londres

Após uma longa batalha jurídica, a Uber ganhou uma licença para restabelecer suas operações em Londres pelos próximos 18 meses. Em novembro de 2019, a empresa havia sido impedida de atuar na capital inglesa, depois que …