Afinal, não é a gula que explica a obesidade

A fome hedônica “não conta a história toda”, é o que defendem os cientistas do mais recente estudo que conclui que o prazer que temos no ato de comer não é o fator de risco no aumento de peso.

Um recente estudo realizado por cientistas do Centro Champalimaud (CC), em colaboração com outros centros portugueses, refere que o prazer que se retira do ato de comer não é o fator de risco no aumento de peso.

“A questão de base já faz parte da psicologia popular: ouve-se frequentemente dizer que a obesidade ‘é como uma dependência’”, diz Albino Oliveira-Maia, psiquiatra e neurocientista do CC que liderou o estudo, publicado nos Scientific Reports.

Segundo o Diário de Notícias, o especialista garante que não há provas claras de que a fome hedônica, a vontade de comer por prazer, esteja relacionada com o peso.

Gabriela Ribeiro, nutricionista clínica e primeira autora do artigo, acrescenta ainda que o prazer de ingerir alimentos “é um comportamento natural e saudável que, na obesidade, adquire contornos particulares”.

A especialista não esconde o fato de o prazer alimentar contribuir para o excesso de peso, “mas o que mostramos é que isso não explica a maioria dos casos de obesidade”.

O estudo foi baseado na análise de três “amostras” de adultos: 123 doentes clinicamente obesos (com índice de massa corporal superior a 30), 278 estudantes do ensino profissional ou superior e 865 pessoas globalmente representativas da população portuguesa, para, segundo o DN, confirmar as conclusões em um grupo maior.

A equipe recorreu à escala PFS (Power of Food Scale) que, a partir de um questionário, permite atribuir à fome hedônica de cada pessoa um valor de 1 (mínima) a 5 (máxima).

Analisando a relação entre peso e fome hedônica, os cientistas perceberam que do grupo das pessoas que tinham obtido 1 ou 2 pontos na escala FPS, apenas 10% eram obesos, enquanto entre as que tinham 4 e 5 pontos, o número de obesos subiu para 40%.

Além disso, a análise mostrou que em cada aumento de um ponto na escala, a probabilidade de ser obeso quase duplicava.

Os resultados comprovaram que o prazer pela comida explica a obesidade, porém os cientistas mostraram que a fome hedônica explica “menos de 10% da variabilidade do IMC.

“A recompensa alimentar não é a principal explicação da obesidade. Portanto, a dependência da comida não conta a história toda”, salienta Oliveira-Maia.

No conjunto, a idade, o nível de instrução e o gênero podem ser preditivos de apenas 6% da variabilidade do peso, pelo que os 10% atribuídos à escala PFS podem ter alguma importância. “Ainda temos de procurar os outros 84%“, diz o cientista.

Os resultados do estudo são importantes na visão dos cientistas na medida em que “devemos basear nossas decisões relativas à saúde em resultados reais e não em opiniões”.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Estudo de terapia com MDMA é tão poderoso que 67% dos voluntários foram curados de trauma

Um teste clínico em humanos inovador alcançou resultados extremamente estatisticamente significativos e uma excelente taxa de segurança, demonstrando que a terapia psicodélica assistida por MDMA pode ser um tratamento eficaz para transtorno de estresse pós-traumático …

Bolsonaro diz que pessoas que cumprem isolamento são "idiotas"

Presidente critica apelos para que brasileiros restrinjam os contatos sociais em meio à pandemia, que já provocou 435 mil mortes no país. "Tem alguns idiotas que até hoje ficam em casa", diz. O Presidente Jair Bolsonaro …

EUA vão fornecer 20 milhões de vacinas contra Covid-19 para outros países

Os Estados Unidos fornecerão 20 milhões de doses adicionais de vacinas contra a Covid-19 para outros países até o final de junho, elevando o total destinado ao exterior para 80 milhões de doses. O …

Demi Lovato vai comandar programa de TV investigativo sobre OVNIs

A atriz e cantora Demi Lovato está prestes a se aventurar em um desafio de outro mundo. A artista anunciou na última semana a sua participação em uma série limitada para a plataforma de streaming …

CPI da Covid: como 'isolamento vertical' pode virar arma contra Bolsonaro

Uma das linhas de investigação da CPI da Covid apura se o governo federal adotou a estratégia da imunidade de rebanho, ou seja, a obtenção da imunidade coletiva por meio da infecção da população, no …

Astrônomos continuam encontrando inexplicáveis anéis circulares misteriosos no céu

Nos últimos anos, astrônomos avistaram vários objetos de rádio gigantescos e quase perfeitamente circulares no universo distante. Embora ninguém tenha uma explicação para essas entidades misteriosas ainda, uma equipe adicionou recentemente outra ao seu catálogo, …

Conflito tem seu dia mais sangrento em Gaza

Bombardeios israelenses deixam pelo menos 42 palestinos mortos e elevam total de vítimas a 188. Netanyahu diz que ataques continuarão. Sem um cessar-fogo à vista, o atual conflito entre Israel e Hamas teve neste domingo (16/05) …

Apple é acusada de enganar usuários através de aplicativos fraudulentos na App Store

A Apple segue batendo recordes financeiros. No entanto, escândalos um atrás do outro aumentam a preocupação em torno da App Store. Após chamar a atenção internacional com as recentes revelações sobre a existência de cassinos ocultos …

Chile escolhe representantes para elaborar nova Constituição

O domingo foi o último dia de votação no Chile para a escolha dos redatores da nova Constituição do país. Os 155 representantes eleitos terão a tarefa de mudar o texto herdado da ditadura. …

China consegue pousar veículo não tripulado em Marte

A China conseguiu neste sábado pousar um veículo autônomo não tripulado em Marte. A fase final da operação Tianwen-1 aconteceu sem falhas, informou a TV estatal chinesa, que transmitiu um programa especial chamado Alo …