Erupção solar pode acabar com a humanidade – daqui a apenas 750 anos

NASA

Um grupo de pesquisadores da Universidade de Harvard teria calculado o tempo restante até a próxima erupção solar de alta intensidade que pode destruir economia, comunicações e o meio ambiente na Terra.

Um grupo de astrofísicos da Universidade de Harvard determinou o prazo para a próxima “super fulguração” na superfície do Sol, cujos efeitos devastadores poderiam acabar com a civilização humana.

Segundo a pesquisa publicada pela Universidade Cornell, a catastrófica erupção solar pode ocorrer dentro de 750 anos.

Os cientistas exploraram os efeitos das “super fulgurações” na história evolutiva da Terra e outros planetas do sistema solar. O estudo analisa como as erupções de alta intensidade podem levar a processos de extinção, enquanto que as mais moderadas, pelo contrário, são um fator de formação de componentes orgânicos chave para a origem da vida.

Na pesquisa, os autores explicam que a magnitude dos danos econômicos e tecnológicos que a próxima erupção provocaria seriam tão devastadores que poderiam significar o fim da humanidade. “Os riscos das ‘super fulgurações’ têm sido subestimados”, concluem os astrofísicos.

As manchas solares de grande intensidade são capazes de inutilizar satélites e sistemas elétricos. No entanto, o maior risco destes fenômenos solares é o da provocação de danos sérios na camada do ozônio, indispensável para proteger a biosfera terrestre dos raios ultravioleta.

Assim, um nível de radiação extrema poderia causar o sobreaquecimento das camadas superiores da atmosfera, com consequentes danos para os organismos que praticam fotossíntese e degradação do DNA.

RT // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Em contexto de tensão na Síria, diplomacia boicota jogo entre França e Turquia

A polícia reforçou suas equipes nos arredores do estádio. Já os responsáveis pela segurança dentro do Stade France passarão dos 1.200 habituais para 1.400 homens. Há temores de que torcedores turcos e militantes pró-curdos se enfrentem …

Enterros verdes: Paris inova e inaugura seu primeiro cemitério sustentável

O cemitério de Ivry-sur-Seine, no subúrbio de Paris, reservou uma área de 1.560 metros quadrados para enterros sustentáveis. A nova ala deverá ajudar a diminuir o impacto gerado pelos enterros tradicionais. A contaminação do solo e …

Microsoft quer levar internet a mais de 40 milhões de pessoas em 2022

A inicativa Airband, desenvolvida pela Microsoft, está sendo expandida com a meta de conectar mais de 40 milhões de pessoas à internet até julho de 2022. Lançado em 2017, o programa visa o aprimoramento da internet …

Abandonados, curdos encontram em inimigo dos EUA um aliado

Regime sírio, um aliado russo, desloca tropas para a fronteira em apoio a milícias curdas, que estão sendo atacadas pela Turquia desde que perderam apoio de Trump. Nova aliança representa reviravolta no conflito. As Forças Armadas …

Experimento quântico indica que viagem no tempo é possível

Utilizando um computador quântico cientistas conseguiram fazer com que a máquina voltasse em uma fração de segundo ao passado mostrando que a viagem no tempo é possível. Viajar ao passado é um dos maiores sonhos da …

Dobram os focos de queimadas em terras indígenas da Amazônia

Números são os maiores desde 2011. Parque do Xingu registrou o total mais alto de sua história. Segundo Ipam, aumento se deve à ação de invasores em combinação com período de secas intensas. Dados do Instituto …

Obesidade cresce de forma acelerada no Brasil e se aproxima da taxa dos países ricos, indica OCDE

A quantidade de pessoas obesas no Brasil cresceu de forma mais acelerada que a média dos países da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE). Agora, o Brasil se aproxima da taxa do problema …

É detectado quando asteroide recém-descoberto poderia impactar Terra

A Agência Espacial Europeia (ESA) acrescentou um novo asteroide à sua lista de perigos porque esse corpo celeste pode colidir com a Terra dentro de 65 anos. O asteroide se chama 2019 SU3, tem um diâmetro …

Queniano completa maratona em menos de duas horas

O queniano Eliud Kipchoge fez história no atletismo neste sábado (12/10) ao se tornar a primeira pessoa a correr uma maratona em menos de duas horas. O atleta de 34 anos terminou a prova clássica …

Chineses detectam novos sinais de rádio vindos do espaço

Novas dezenas de rajadas rápidas de rádio foram detectadas pelo maior radiotelescópio esférico do mundo localizado em Guizhou, China, disse especialista à Sputnik Internacional. O achado foi feito por astrofísicos chineses que estão estudando minuciosamente as …