Lula poderá ser solto depois do STF derrubar prisão após segunda instância

Marcelo Camargo / ABr

O Supremo Tribunal Federal (STF) derrubou nesta quinta-feira (7), por 6 votos a 5, a prisão após condenação em segunda instância. A decisão pode beneficiar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que cumpre pena de 8 anos e dez meses de reclusão.

Coube ao presidente do STF, ministro Dias Toffoli, dar o voto de desempate e alterar o entendimento, desde 2016, da própria Corte. Por 6 votos a 5, o STF decidiu que o condenado só poderá ser preso após esgotados todos os recursos na Justiça e não mais depois de uma condenação em segunda instância.

Com essa decisão, pelo menos 38 presos da operação Lava Jato poderão ser beneficiados, entre eles, o ex-presidente Lula. A defesa de Lula informou que vai levar ao juízo um pedido para imediata soltura do ex-presidente ainda nesta sexta-feira.

O ministro do Supremo Edson Fachin, relator da Lava Jato, afirmou que não haverá prejuízos no combate à corrupção. “Do ponto de vista dos crimes de combate à corrupção, lavagem de dinheiro e lavagem de capitais deixamos de ter um mecanismo relevante e importante e, em meu modo de ver, constitucional. Mas isso não significa que todos os esforços para que haja o devido combate, nos termos da Constituição e com as garantias constitucionais, deixará de ser feito.”

Reação imediata

A força-tarefa da Lava Jato pensa diferente. Os procuradores reagiram e afirmaram que a decisão do Supremo vai gerar impunidade e impactar, sim, nos resultados do trabalho de combate à corrupção.

A estimativa do Conselho Nacional de Justiça é de que cerca de 5 mil presos possam ser beneficiados com a decisão do Supremo, mas nenhuma soltura será imediata. Cada caso deverá ser analisado separadamente e os presos considerados perigosos não serão liberados.

Mas para a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), uma das proponentes da Ação Declaratória de Constitucionalidade, o resultado do Supremo “reafirma que não pode haver justiça, não pode haver democracia, se forem relativizados ou desrespeitados os direitos fundamentais estabelecidos na Constituição.

O direito de defesa e a presunção de inocência de cada cidadã e cidadão saem fortalecidos desse julgamento”, declarou Felipe Santa Cruz, presidente do Conselho Federal da OAB.

Supremo x Congresso

Após a votação da Corte, o presidente do STF, Dias Toffoli, jogou a bola para o Congresso Nacional e afirmou que o Parlamento brasileiro poderá dar a palavra final sobre o Código Penal. “O Parlamento pode alterar esse dispositivo, essa é a posição. O Parlamento tem autonomia para dizer esse momento de eventual prisão em razão de condenação.”

O relator da Proposta de Emenda à Constituição da prisão em segunda instância no Congresso, deputado Alex Manente (Cidadani-SP), lamentou a decisão do Supremo e classificou de “frustrante” o resultado do Tribunal. O parlamentar avisou que acertou o adiantamento da tramitação da PEC na Câmara dos Deputados.

// RFI

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Uber testa modalidade que permite ao usuário reservar carro por hora

Na tentativa de achar novas fontes de receita para seu negócio de corridas compartilhadas, seriamente afetado pela COVID-19, a Uber está testando uma nova modalidade, focada nos passageiros que precisam fazer viagens mais longas e …

Revelada razão de comportamento instável de estrelas perto dos centros galácticos

Estrelas de ramo horizontal extremo são mais brilhantes e têm um ciclo de vida inferior ao das estrelas comuns, de acordo com um novo estudo. Os astrônomos estudaram o comportamento de um tipo especial de estrelas, …

Trump ameaça acionar Forças Armadas para conter protestos

No 7.º dia de manifestações antirracismo, Presidente dos EUA critica inação de governadores e promete enviar milhares de soldados para pôr fim a distúrbios. Visita de Trump a igreja é criticada como tentativa de autopromoção. O …

Não é apenas o coronavírus: surto de ebola retorna ao Congo

Foi confirmada, pelo ministro da Saúde do Congo, a descoberta de novos casos de Ebola na província de Équateur. O último surto do vírus altamente mortal ocorreu em 2018 e matou 33 pessoas no país. O …

Coronavírus: São Paulo se prepara para reabertura com 70% de leitos ocupados

O governo estadual de São Paulo ordenou a reabertura gradual dos estabelecimentos comerciais a partir dessa terça-feira (2). A gestão diz se basear no índice de infecções do novo coronavírus por cidade. Mesmo com 70% …

Júpiter é tão grande que quase virou um sol

Júpiter é o maior planeta do sistema solar. Assim, bem maior mesmo. Do tipo se você pegar todos os outros planetas e juntar suas massas, não chega nem aos pés dele. Nem mesmo metadinha. Esse gigante …

União Europeia pede que EUA reconsiderem sua decisão de cortar relações com a OMS

A presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, e o chefe de relações internacionais da União Europeia, Josep Borrell, pediram neste sábado (30) que os Estados Unidos “reconsiderem a decisão anunciada” de romper …

Astronautas da NASA chegam à ISS em nave da SpaceX e entram para a história

Depois de viajarem pelo espaço por 19 horas, os astronautas Bob Behnken e Doug Hurley chegaram à Estação Espacial Internacional (ISS) a bordo da nave Crew Dragon alguns minutos antes do previsto. O lançamento histórico aconteceu …

Nova Zelândia se encontra em cima de enorme bolha de lava, segundo pesquisa

Durante os anos 70, pesquisadores propuseram a teoria de que o interior do planeta se agita lentamente como uma bolha de lava. Estas bolhas flutuantes surgem como plumas do manto derretido do centro da Terra, onde …

Alemães usam criatividade para manter distanciamento social

Até final de junho, distância mínima está em vigor em espaços públicos. Instituições de cultura encontraram meios engenhosos para reunir grupos com segurança. Ideias vão de chapéu com boia até orações em estacionamento. Com medidas de …