Luz azul dos celulares não afeta apenas o sono: também pode causar cegueira

A luz emitida pelas telas de smartphones pode ser muito prejudicial à saúde ocular e até mesmo levar à cegueira, conclui um estudo recente da Universidade de Toledo, nos Estados Unidos.

A tecnologia faz parte do nosso dia a dia e esse é um fato que já não podemos negar. A população já não consegue se desconectar do mundo e isso faz com que surjam várias preocupações sobre o impacto dos dispositivos digitais na saúde física e mental.

Cientistas norte-americanos realizaram uma pesquisa, publicada recentemente nos Scientific Reports, que avaliou as consequências da luz azul das telas dos dispositivos eletrônicos na visão.

A equipe concluiu que a exposição prolongada à luz azul pode, além de interferir no sono, causar danos irreversíveis nos olhos e acelerar a cegueira. Embora não fosse novidade para os cientistas que a exposição à luz provoca danos na retina ocular, “o mecanismo subjacente não estava claro”.

A experiência, realizada em camundongos, tinha como objetivo analisar a degeneração das células, conta o jornal Público. Segundo os cientistas, foi possível perceber que a luz azul causa danos na retina, provocando um conjunto de reações que leva ao desenvolvimento de moléculas tóxicas.

Essas moléculas tóxicas causam a morte dos fotorreceptores presentes na retina, um fenômeno frequentemente associado à degeneração macular relacionada com a idade (DMRI), doença que afeta a visão e causa grande parte dos casos de cegueira.

De um modo geral, a luz azul emitida pelos dispositivos transforma as moléculas presentes na retina do olho em moléculas “assassinas” das células fotorreceptoras, através da liberação de substâncias nocivas. Frente às outras cores, a luz azul tem menor comprimento de onda e maior energia.

Kasun Ratnayake, doutorando na Universidade de Toledo e coautor do estudo, refere que “quando as células do olho estão mortas, estão mortas para sempre“, sendo os danos irreversíveis.

“Não é segredo nenhum que a luz azul prejudica a nossa visão ao danificar a retina dos olhos. Nossas experiências explicam como isso acontece, e esperamos que isso leve a terapias que retardem a degeneração macular, como um novo tipo de colírio”, refere Ajith Karunarathne, professor do departamento de química e bioquímica da Universidade de Toledo e autor do estudo.

Durante a experiência, os cientistas introduziram também moléculas da retina em outros tipos de células do corpo, como cancerígenas, cardíacas ou neurônios e verificaram que, quando expostas à luz azul, também morrem. “A toxicidade gerada na retina pela luz azul é universal. Pode matar qualquer tipo de célula”, conclui Karunarathne.

Os cientistas aconselham o uso de óculos que filtrem os raios ultravioleta e a luz azul e evitar usar dispositivos em locais escuros.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

1 COMENTÁRIO

DEIXE UM COMENTÁRIO:

The Crown "é baseada na verdade", diz Harry que dá ideia de convívio com família real

Principe Harry defendeu a série “The Crown” da Netflix, dizendo que – embora não fosse “estritamente preciso” – retratava as pressões da vida dentro da família real. Em uma entrevista com James Corden, do programa americano …

Microsoft acusa hackers chineses de ciberataques a entidades dos EUA com uso de falhas desconhecidas

A Microsoft relatou a detecção de exploits desconhecidos utilizados por hackers chineses "patrocinados pelo Estado" destinados a atacar versões locais da Microsoft Exchange Server a fim de receber informações de entidades dos EUA. Exploit é uma …

Compra de mansão lança novas suspeitas sobre Flávio Bolsonaro

Filho mais velho do presidente comprou imóvel de luxo de R$ 6 milhões. Valor está bem acima do patrimônio declarado pelo senador, e condições de empréstimo para quitar mais da metade do valor levantam questionamentos. O …

Condenado a três anos de prisão, ex-presidente francês Sarkozy enfrenta outros processos na Justiça

Ele se tornou o primeiro ex-chefe de Estado francês a receber em primeira instância uma pena de prisão em regime fechado. Nicolas Sarkozy foi julgado culpado na segunda-feira (1°) por corrupção e tráfico de …

Colômbia é o 1º país latino-americano a receber vacinas da iniciativa COVAX

Nesta segunda-feira (1º), um lote de 117 mil doses da vacina da Pfizer/BioNTech chegou à Colômbia por meio da iniciativa COVAX. O país é o primeiro na região a receber os imunizantes do consórcio da …

Twitter vai tolerar até cinco posts antes de banir por desinformação sobre covid-19

O Twitter resolveu endurecer suas políticas de uso e vai pegar mais pesado contra quem dissemina fake news a respeito da COVID-19, tal como a eficácia e segurança das vacinas que visam combater a doença. Em …

EUA: "Trump tenta manter opções em aberto" para eleições presidenciais de 2024

Não demorou muito para Donald Trump se recuperar de sua derrota - que, aliás, ele ainda não reconhece. No domingo (28), o ex-presidente encerrou a Conferência de Ação Política Conservadora em Orlando, na Flórida. Diante …

Japão nomeia ministro da solidão para enfrentar o isolamento social no país

Os sintomas diretos da Covid-19 sobre nossa saúde já são bastante sabidos, entre febre, cansaço excessivo, dores no corpo, tosse seca e problemas respiratórios, mas uma série de efeitos indiretos vem sendo percebidos – se …

Estudo de esqueletos de 200 gerações revela como humanos evoluíram para lutar contra germes

Estudiosos analisaram cerca de 70 mil esqueletos de 200 gerações a fim de entender como a humidade passou por pandemias anteriores. Os estudos foram feitos acerca de doenças infecciosas como tuberculose, treponematose e hanseníase. Os pesquisadores …

Médica adverte sobre síndrome inflamatória multissistema em pacientes que superaram covid

A médica-chefe de um hospital de Moscou, Mariana Lysenko, declarou em uma entrevista ao canal RT que alguns dos pacientes que superaram a COVID-19 podem desenvolver uma síndrome inflamatória multissistema. De acordo com a médica, a …