Milena: Após 16 anos, estreia primeira personagem negra da Turma da Mônica

(dr) Mauricio de Sousa

Após 60 anos da primeira publicação de Mauricio de Sousa, a Turma da Mônica tem agora nas suas páginas uma garota negra com protagonismo: Milena

Milena ama animais e é uma grande amiga de Magali e Mônica. A nova personagem chegou à história na edição de janeiro. Mas ela foi apresentada ao público muito antes disso: sua primeira aparição foi na Corrida Donas da Rua, no final de 2017, e desde então a ela vem participando de eventos com os demais integrantes da turma de Mauricio de Sousa.

“Desde 2016 venho participando de eventos que discutem a importância da representatividade. É fundamental que as meninas e os meninos negros possam se reconhecer nas histórias em quadrinhos, desenhos e espetáculos. Nossos personagens podem contribuir para isso”, disse Mônica Sousa, diretora executiva da Mauricio de Sousa Produções e filha do cartunista.

Maurício explica que estudava lançar uma família negra em seus gibis anos atrás. “Em 1960, no início da turminha, eu havia criado meu primeiro personagem negro, o Jeremias, antes ainda de criar a Magali, o Cebolinha, o Cascão e a própria Mônica. Depois teve o Pelézinho e o Ronaldinho Gaúcho, com suas famílias e revistas próprias”, disse.

Porém, agora, a ideia de criar Milena e sua família é dar protagonismo para Milena, e não que eles sejam apenas mais personagens no elenco. “Mas não é fácil lançar novos personagens, já que dependem de um estudo de montagem de uma família, cada um com suas características visuais e, principalmente, de personalidade”, completou o criador da Turma da Mônica.

Milena tem 7 anos e é apresentada em sua primeira história como uma menina de autoestima elevada, que ama os animais e que se identifica de imediato com Mônica, Magali e Marina, das quais será grande amiga.

Milena se muda para a Rua do Limoeiro com sua família: Silvia, a mãe, é veterinária e casada com Renato, publicitário. Milena tem dois irmãos: Solange, ou Sol, de 17 anos, que é vocalista de uma banda de garagem, e Fabinho, ou Binho, de 5 anos, que vai se dar muito bem com o primo de Magali, o Dudu.

A estreia de Milena e sua família acontece no mesmo mês da primeira publicação do cartunista, em 1959 no jornal Folha da Manhã, 60 anos atrás. Milena já aparece também na tematização dos brinquedos do Parque da Mônica e em postagens nas redes sociais da Turma da Mônica.

De cara, ela ganhou aceitação do público e reforçou a importância da representatividade. “Tenho uma filha que se chama Milena e é muito parecida com ela, ficou radiante quando viu a bonequinha, disse: mamãe, sou eu”, escreveu uma usuária nas redes sociais da revista. “Minha irmã gêmea“, disse outra.

O lançamento da personagem e de sua família faz parte do projeto Donas da Rua, que tem apoio da ONU Mulheres.

(dr) Mauricio de Sousa

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Pessoas feias superestimam drasticamente suas aparências

Pessoas pouco atraentes parecem menos capazes de julgar com precisão sua própria atratividade, e tendem a superestimar sua aparência. Não faltam disparidades entre pessoas atraentes e pouco atraentes. Estudos mostram que os mais belos entre nós …

Noruega acusa Pequim de ciberataque contra serviços do governo

Pela primeira vez na história, o Serviço de Segurança Policial da Noruega (PST, na sigla em inglês) identificou a China como sendo responsável por um ataque hacker contra as autoridades do país nórdico. A agência de …

China supera marca de 1 bilhão de vacinas contra a covid-19 aplicadas

Quantia representa mais de um terço das doses aplicadas no mundo. Após início lento da imunização, autoridades chinesas querem vacinar completamente 40% da população até o final de junho. O número de doses de vacinas contra …

Brasileiros protestam no exterior contra Bolsonaro e gestão da epidemia

Dezenas de milhares de pessoas tomaram as ruas de várias capitais brasileiras neste sábado para protestar contra o presidente Jair Bolsonaro e sua gestão da pandemia, que já deixou mais de meio milhão de …

Relíquia do Jurássico: descoberto animal marinho cuja espécie vive há 180 milhões de anos

Um grupo de pesquisadores descreveu uma nova espécie de ofíuros – um animal marinho parecido com as estrelas-do-mar, que recebeu o nome de Ophiojura, informou nesta quinta-feira (17) Tim O’Hara, curador dos Museus Victoria (Austrália) …

Projeto de estrada cortando parque das cataratas de Iguaçu ameaça outras áreas de proteção pelo Brasil

Uma das paisagens naturais mais impressionantes do Brasil e reconhecida pela Unesco, o Parque Nacional do Iguaçu, que abriga as cataratas, no Paraná, pode ser cortado ao meio por uma rodovia asfaltada – em …

Por que a imunidade de rebanho está longe de ser realidade

Embora costume ser apresentada como simples cálculo matemático, alcançar a imunidade de rebanho não é tarefa fácil. Ela não só depende da infecciosidade das variantes, como da adoção de medidas sanitárias pela população. Apesar das campanhas …

Uso de maconha na adolescência pode atrapalhar o desenvolvimento do cérebro

O consumo de maconha pode ser prejudicial ao cérebro humano durante a adolescência, de acordo com estudo publicado na última quarta-feira (16). Segundo a pesquisa, realizada em regiões da Europa, o uso recreativo da planta pode …

EUA terão feriado para comemorar fim da escravidão

Data já celebrada na maioria dos estados vai se tornar feriado federal. O "Juneteenth" lembra dia em que os últimos escravos negros foram libertados no país, em 1865. Após aprovação pelo Congresso dos Estados Unidos na …

5 perguntas sobre os denisovanos, 'parentes' extintos dos humanos modernos que viveram na Terra há 50 mil anos

Desde que os primeiros vestígios dos denisovanos foram descobertos em 2008, os cientistas não descansaram tentando obter mais informações sobre eles. A tarefa, no entanto, não tem sido fácil, porque até agora só foram encontrados pequenos …