Mistério do monstro do Lago Ness está prestes a ser desvendado

woodypino / Pixabay

À beira do Lago Ness

Durante mais de mil anos, os humanos quiseram resolver esse mistério. Agora, a lenda do monstro do Lago Ness pode estar a poucos meses de ser desvendada.

Se alguns acreditam que se trata de uma relíquia pré-histórica, outros pensam que é apenas uma invenção. A lenda do monstro do Lago Ness existe desde a Idade das Trevas, mas apesar de haver algumas evidências, a criatura mítica permaneceu uma incógnita até hoje.

Agora, uma equipe internacional de cientistas do Reino Unido, Dinamarca, Estados Unidos, Austrália e França planeja mergulhar nas águas escuras do mais misterioso lado de água doce na Escócia.

A investigação irá recorrer a técnicas de amostragem e análise de DNA para averiguar se, de fato, o famigerado monstro habita nas profundezas deste lago – ou, pelo menos, saber o que poderia estar na origem dos sucessivos relatos de um ser invulgar nestas águas.

A recolha de 300 amostras de água em diferentes pontos e níveis de profundidade vai acontecer já no próximo mês, durante duas semanas. Posteriormente, as amostras serão enviadas para análise em laboratórios na Austrália, Dinamarca, França e Nova Zelândia.

O material orgânico será filtrado e o DNA será extraído e analisado através da comparação com bases de dados do código genético de várias espécies de que se há registro.

O professor Neil Gemmell, da Universidade de Otago, na Nova Zelândia, explicou: “sempre que uma criatura se move no seu ambiente, deixa pequenos fragmentos de DNA da pele, escamas, penas, pelo, fezes e urina”.

O cientista, de 51 anos, diz que não acredita na existência do monstro, mas crê que “ainda existem coisas a serem descobertas“. Mais do que uma caça ao monstro, a investigação poderá levar à descoberta de novas espécies de organismos, como bactérias.

Além disso, a pesquisa servirá também para analisar a expansão de várias espécies invasoras – como o salmão rosa do Pacífico, que tem sido avistado no lago – e conhecer melhor as espécies nativas.

Até hoje, mais de mil pessoas afirmam ter avistado a criatura. Alguns acreditam que o monstro, carinhosamente apelidado de Nessie, seja uma criatura parecida a um plesiossauro de pescoço comprido que teria sobrevivido à extinção dos dinossauros. Outros, afirmam que Nessie não passa de um bagre ou de um esturjão gigante.

Seja o que for, os mais curiosos esperam que até o final do ano o mistério seja finalmente resolvido.

Ciberia // EFE / ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Parte da Antártida está encolhendo (e não deveria)

Quando os cientistas falam sobre o derretimento da Antártida, geralmente se referem à Antártida Ocidental, onde gigantescos glaciares costeiros derramam grandes quantidades de água. Mas, do outro lado das montanhas transantárticas a leste, há um manto …

Estátua de diabo “alegre demais” gera polêmica na Espanha

Uma estátua que representa o diabo foi criticada por ser “alegre demais” pelos moradores da cidade de Segóvia, na Espanha. A escultura de bronze, que ainda não foi instalada, foi criada em homenagem a uma lenda …

Deputada britânica adiou o parto para votar contra o acordo do Brexit

Tulip Siddiq decidiu adiar o nascimento do segundo filho para poder votar contra o acordo do Brexit. A deputada trabalhista chegou ao Parlamento em uma cadeira de rodas. Tulip Siddiq decidiu adiar o nascimento do filho por …

Sorveteria em Florença cobra R$ 106 de turista por uma bola de sorvete

Uma sorveteria cobrou 25 euros (cerca de R$ 106) por um sorvete a um turista de Taiwan. Indignado, o turista reclamou ao guia que o acompanhava, que chamou a polícia. O estabelecimento foi multado em …

McDonald’s perde direitos do Big Mac para cadeia de fast food irlandesa

A irlandesa Supermac’s conseguiu uma vitória histórica: o Big Mac deixa de ser uma marca registrada na Europa. Mas a decisão ainda é passível de recurso. “É o fim do McBully”, disse Pat McDonagh, que recebeu …

Disco de gelo giratório gigantesco "invade" rio no Maine

Um enorme círculo de gelo giratório se formou esta semana no rio de Presumpscot, na cidade de Westbrook, no estado norte-americano do Maine. Esse disco bizarro, ainda que raro, é um fenômeno natural fruto da Física. …

Em um restaurante de Dubai, deixar comida no prato dá multa (e é mais cara que a refeição)

Com Dubai se tornando mais consciente do desperdício de alimentos, um restaurante se lembrou de uma maneira de fazer com que os clientes não deixem comida no prato. O restaurante Gulou Hotpot, em Al Barsha, uma sossegada …

Crivella quer abrir cassino no Rio

Com uma expansão em mente para atrair ainda mais turistas ao Rio de Janeiro, o prefeito Marcelo Crivella começou a trabalhar para abrir um cassino na cidade. A era de ouro dos cassinos no Brasil durou de …

Jovem com síndrome de Down será a primeira no país a tirar carteira de motorista

A chef de cozinha de 22 anos, Maria Clara de Carvalho será primeira brasileira com síndrome de Down a conseguir a Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Maria Clara é casada, faz aula de teatro, dança …

Superterra gelada vizinha do nosso planeta pode abrigar vida primitiva

Edward Guinan e Scott Engle, cientistas da Universidade de Villanova, no estado norte-americano da Pensilvânia, anunciaram que pode existir vida primitiva em GJ 699b, a Superterra gelada que orbita a estrela de Barnard, localizada a apenas …