Mudanças simples no estilo de vida podem evitar 40% dos tipos de câncer

Um novo estudo mostra que quase 40% dos tipos de câncer podem ser evitados com simples mudanças no estilo de vida.

Não é segredo para ninguém que, além dos fatores genéticos, várias escolhas que fazemos na vida podem influenciar o desenvolvimento de câncer. Mas um novo estudo mostra que muitas mortes relacionadas com a doença podem mesmo ser evitadas com mais exercício físico, menos álcool, menos tabaco e outras mudanças no nosso estilo de vida.

Com dados oficiais da população da Austrália em 2013, os pesquisadores descobriram que 38% das mortes causadas pela doença – cerca de 16.700 mortes no total – poderiam ter sido prevenidas pela redução de fatores de risco.

Sem qualquer surpresa, o primeiro da lista era o tabaco, responsável por 23% das mortes relacionadas com câncer no país, enquanto a dieta alimentar, a obesidade e as infecções representavam 5% cada.

Com o estudo, os cientistas pretendem incentivar a redução destes números. “O câncer é a maior causa de morte na Austrália”, diz um dos pesquisadores envolvidos, David Whiteman, do QIMR Berghofer Medical Research Institute. O estudo foi publicado, em outubro deste ano, no International Journal of Cancer.

“Embora em muitos casos seja tragicamente inevitável, o estudo destaca aquilo que conhecemos há anos: o câncer nem sempre é uma questão de genética ou azar”, afirma.

Outros dos fatores de risco são as radiações UV, que representaram 3,2% das mortes (1.390 pessoas), o álcool com 2,4% (1.037 pessoas), pouca atividade física com 0,8% (357 pessoas) e, por último, fatores reprodutivos ou hormonais com 0,4% (172 pessoas).

Se pensarmos bem, a soma é maior do que 38% porque os fatores podem se juntar para causar a doença.

Se você está se perguntando por que todas estas porcentagens dão mais de 38%, é porque alguns fatores coocorrem para causar câncer. Além disso, houve também uma variação entre homens e mulheres. Estes fatores foram responsáveis por 41% das mortes por câncer entre os homens australianos e 34% das mortes entre as mulheres.

“As proporções de mortes por câncer potencialmente evitáveis ​​são mais altas entre os homens do que as mulheres porque, em média, os homens fumam e bebem mais, passam mais tempo no sol e também não comem tão bem”, explica Whiteman.

Os dados também mostraram os tipos de câncer mais evitáveis: pulmão, intestino, melanoma cutâneo (pele), fígado e estômago.

Claro que esta não é uma ciência exata: exagerar nas bebidas alcoólicas, ou fumar a vida inteira, não significa necessariamente que iremos ter câncer, assim como o contrário: não beber ou não fumar não garante que não sejamos atingidos pela doença.

A verdade é que estes fatores podem fazer o risco variar para cima ou para baixo em cada caso. Por exemplo: as pessoas que fumam são de 15 a 30 vezes mais propensas a ter câncer do pulmão do que os não fumantes. Enquanto isso, aqueles cujo IMC é muito alto são até duas vezes mais propensos a desenvolver a doença no rim ou no fígado.

O que os cientistas defendem é que gerir fatores de risco ​​pode fazer a diferença. O estudo é baseado em outra pesquisa, de 2014, realizada nos EUA, que descobriu que até 21% das mortes anuais causadas pela doença poderiam ter sido evitadas.

“Há muitas pessoas que podem reduzir o risco de desenvolver e morrer de câncer”, diz Whiteman. “Mesmo pequenas melhorias nessas áreas reduziriam substancialmente o número de mortes prematuras de câncer a cada ano”, acredita.

Ciberia // HypeScience / ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Patenteado material que permite ocultar objetos e é chamado capa de invisibilidade

A empresa canadense fabricante de uniformes de camuflagem para militares, HyperStealth Biotechnology, anunciou quatro pedidos de patente, todos relacionado ao Quantum Stealth. O material também é chamado de “capa de invisibilidade”. O inventor dos quatro pedidos …

Netanyahu desiste de formar governo em Israel

O primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, renunciou, nesta segunda-feira (21), à tarefa de formar um novo governo. O presidente Reuven Rivlin informou que entregará a missão ao opositor Benny Gantz. O primeiro-ministro anunciou a decisão nas redes …

'Nunca houve tanta interferência de uma família dentro de um poder', diz Joice sobre governo

A deputada federal Joice Hasselmann (PSL-SP) declarou nesta segunda-feira (22) que "nunca houve tanta interferência de uma família dentro de um poder" como existe no governo do presidente Jair Bolsonaro. Após ser retirada da função de …

"Táxis de cocaína" são problema crescente em Berlim

Aumento do número de veículos que entregam drogas diretamente na casa dos usuários preocupa a polícia berlinense. A cocaína perde apenas para a heroína como causa de mortes relacionadas a drogas na capital alemã. A polícia …

A casa da Barbie existe na vida real – e você pode se hospedar lá

Possivelmente a mais célebre e vendida boneca do mundo, a Barbie costumava sugerir uma vida de luxo e deleite ao imaginário da criançada que cresceu – e ainda cresce – inventando uma vida enquanto brinca …

Eleição na Bolívia: Resultados parciais indicam 2º turno inédito entre Evo Morales e Carlos Mesa

Com quase 90% dos votos contabilizados, resultados parciais da eleição realizada neste domingo na Bolívia indicam que o atual presidente Evo Morales não teve votos suficientes para garantir já sua vitória, caminhando para disputar com …

Voo mais longo e sem escalas da história pousou em Sydney

O voo mais longo e sem escalas da história pousou nesse domingo (20) em Sydney, 19 horas e 16 minutos após a decolagem, em Nova York. Foi um teste da companhia australiana Qantas, que pretende …

Governo brasileiro publica lei que agiliza venda de bens do tráfico de drogas

O presidente Jair Bolsonaro sancionou a Lei 13886/19, que pretende acelerar a destinação de bens apreendidos ou sequestrados que tenham vinculação com o tráfico ilícito de drogas. Essa lei, que converte a Medida Provisória nº 885, …

Criaram uma bebida com probióticos geneticamente modificados para prevenir ressacas

Beber moderadamente pode ser garantia de uma noite especialmente divertida, mas quem se aventura pelos bares da vida sabe que basta um pequeno erro de cálculo ou deslize nos preparativos – como, por exemplo, esquecer …

Manifestantes desafiam proibição em Hong Kong

Milhares voltam às ruas, apesar de governo ter proibido protestos na região semiautônoma, e são recebidos com jatos d'água e gás lacrimogêneo. Há quatro meses, colônia britânica atravessa a sua maior crise política. Milhares de manifestantes …