Mulheres participam de ato por Diretas Já e direitos em São Paulo

Marcelo Casal Jr / Agência Brasil

-

Movimentos de mulheres e organizações feministas realizaram um ato-show, no Largo do Arouche, em São Paulo (SP), neste domingo (11), para exigir a saída do presidente Michel Temer (PMDB-SP) e a realização de eleições diretas. O ato, convocado por artistas, intelectuais e atletas conta com a participação das cantoras Maria Gadú, Tulipa Ruiz, Ana Cañas, Lurdez da Luz, entre outras.

“A gente não quer só que o Temer caia. A gente quer que ele caia pelas nossas mãos. E a gente quer mais que eleições diretas, a gente quer barrar as reformas“, diz Camila Kfouri, uma das articuladoras do protesto, em entrevista à RBA.

Além da mudança do atual governo e a realização de novas eleições, a manifestação intitulada Mulheres Pelas Diretas e Por Direitos também marcou a posição contra a “retirada de direitos dos trabalhadores”, representada pelas propostas de reformas trabalhista e da Previdência.

Elas também reivindicaram o combate a todas as formas de violência contra a mulher e lutam pela derrubada da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 29/2015, que proíbe o aborto mesmo em casos de risco à vida da gestante, gravidez gerada por estupro ou fetos com anencefalia, hoje considerados legais.

“Eu quero mais do que as diretas, eu quero direitos. Aqui tem guerreira, o Brasil não é feira”, exclamou a MC Bárbara Bivolt. Já a rapper feminista Luana Hansen ressaltou a luta por direitos: “nenhum direitos a menos. Enquanto a Justiça estiver fazendo isso, a gente vai lugar pelos nossos direitos.”

Miriam Hermógenes, da Central de Movimentos Populares (CMP), convocou as mulheres a participarem da greve geral marcada para o próximo dia 30, contra as reformas e pela saída de Michel Temer. “A greve não é dos sindicatos, é dos trabalhadores e trabalhadoras. Se não pararem essas reformas, se o Temer não cair, o Brasil vai parar”, disse.

A MC Brisa Flow lembrou que as vozes no ato-show são das mulheres, mas o diálogo é com todos. “O problema da violência contra a mulher é um problema de todos. Não é um evento exclusivo das mulheres. Eles tentam invisibilizar a gente dentro da política, dentro das artes, na vida em geral e na sociedade. Enquanto a gente não estiver nem no poder e nem na política, não vai ter direitos para nós. Por isso, a gente está aqui pelas diretas e por direitos”, declarou.

Já as “manas” do Slam das Minas e Trans-sarau pediram diretas e direitos, com poesia, contra o machismo e a transfobia, por “liberdade, luta e gozo”, pelo direito de “existir e ocupar”, com sequência de poesias declamadas que, além da mulher, abordam a pobreza e a vida na periferia, com suas dificuldades, desafios e preconceitos.

A ex-ministra da Secretaria de Políticas para as Mulheres da Presidência da República, Eleonora Menicucci, afirmou que há risco de consolidação de um “fascismo social”, que ataca os direitos das mulheres e lembrou como exemplo sua disputa judicial com o ator Alexandre Frota, condenada a pagar R$ 10 mil reais por afirmar que o ator estimula a cultura do estupro.

Não é só contra mim, é contra todas as mulheres. Nenhuma mulher a menos. Pela descriminalização e legalização do aborto. Tudo isso só será conquistado com eleições diretas. Não existe democracia sem o voto soberano. Nós queremos votar. Com esse Congresso que está aí, não conseguiremos nada”, afirmou Eleonora.

Já a vereadora Juliana Cardoso (PT-SP) afirmou que o ato serve para mostrar que “as mulheres podem, sim”. “Aquele Congresso tirou uma mulher eleita, querendo dar um recado para nós mulheres. Mas eles se enganam. Eles não sabem que nós, mulheres, temos a força para avançar“, afirmou.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Motoboy é vítima de racismo de homem branco: "Você tem inveja disso aqui [minha cor]"

A manhã de sexta-feira (7) começou com mais um caso de racismo no Brasil. Um vídeo que viralizou no Twitter registra um homem branco fazendo injúrias raciais contra um entregador de delivery. As fortes imagens são …

‘Grande ameaça à saúde pública’: cientistas descobrem mutação resistente a remédio contra a malária

Pesquisadores em Ruanda identificaram uma cepa do parasita causador da malária que é resistente a medicamentos. O estudo, publicado na revista Nature, revelou que os parasitas eram capazes de resistir ao tratamento com a artemisinina, um …

Brasil, um ano no foco da crítica ambiental mundial

Em agosto de 2019, país virou pária ambiental devido a incêndios e aumento do desmatamento. Bolsonaro reagiu com agressividade e insultos. Agora, aumenta a pressão de investidores estrangeiros por uma mudança de rumo. Foi uma catástrofe …

Com medo da Covid-19, Venezuela discrimina venezuelanos que voltam ao país

Várias medidas vêm sendo aplicadas na Venezuela para conter a Covid-19. Um estádio foi transformado em hospital de campanha, blocos de concreto foram colocados nas vias, festas estão proibidas e há um canal de …

Centro Gamalei, desenvolvedor de vacina russa, explica como funciona e se há riscos para o paciente

O diretor do Centro Nacional de Pesquisa de Epidemiologia e Microbiologia Gamalei falou sobre os testes da vacina, que será registrada oficialmente na quarta-feira (12). As partículas do coronavírus na vacina da COVID-19 não podem prejudicar …

Mistura inusitada de amônia e água cria raios superficiais e granizos em Júpiter

Júpiter, o maior gigante gasoso do Sistema Solar, é um lugar coberto por tempestades estranhas. O que os cientistas ainda não sabiam é que no meio dessas tormentas, existem raios de natureza bem diferente dos …

Emocionante avanço da teoria para a realidade: bizarro efeito quântico é observado

No núcleo toda estrela anã branca — o denso resto de uma estrela que queimou todo seu combustível — existe um fenômeno quântico enigmático: enquanto ganha massa ela reduz de tamanho chegando a um ponto …

Estudo prevê 300 mil mortes por covid até fim do ano nos EUA

Pesquisadores da Universidade de Washington pintam cenário sombrio caso restrições não sejam respeitadas. Enquanto primeiros epicentros registram queda, outros estados americanos divulgam taxas de infecções recordes. A epidemia de covid-19 deve matar aproximadamente 300 mil americanos …

Coronavírus: Exportações devem cair mais de 20% na América Latina, diz ONU

As exportações da América Latina e do Caribe podem cair mais de 20% em 2020 devido às consequências da pandemia do coronavírus, que também terá um impacto negativo nas importações, disse uma agência da …

O que é nitrato de amônio, que pode provocar explosões como a de Beirute?

A recente tragédia no país árabe trouxe de novo à tona preocupações sobre o armazenamento do perigoso material, tornando necessário saber como esses incidentes ocorrem para os prevenir. A explosão de nitrato de amônio em Beirute, …