Paquistão vai deportar afegã que foi capa da National Geographic

(dr) Steve McCurry / National Geographic

Sharbat Gula, refugiada afegã, capa da National Geographic em 1984, a primeira "Mona Lisa do Terceiro Mundo"

Sharbat Gula, refugiada afegã, capa da National Geographic em 1984, a primeira “Mona Lisa do Terceiro Mundo”

A afegã Sharbat Gula, que quando criança foi capa da revista National Geographic e foi recentemente detida com documentos de identificação falsificados no Paquistão, vai ser libertada e deportada, indicou essa sexta-feira (4) o embaixador afegão em Islamabad.

“Anuncio que Sharbat Gula já está livre dos problemas legais das últimas semanas. Em breve, vai ser libertada”, escreveu o embaixador Omar Zakhilwal no Facebook.

Zakhilwal referia-se à pena de prisão de 15 dias que Sharbat Gula vai cumprir antes de ser deportada para o Afeganistão.

Moshin Dawar, membro da equipe legal de Gula, disse à agência EFE que um tribunal especial anticorrupção de Peshawar (noroeste do Paquistão) condenou a afegã a 15 dias de prisão, depois de Gula se ter dado como culpada de todas as acusações. A refugiada já cumpriu a maioria da pena.

A condenada vai ter de pagar uma multa de 100 mil rupias paquistanesas (mais de R$ 3 mil) e deverá sair do Paquistão logo depois da libertação.

Gula foi detida a 26 de outubro por ter obtido documentos de identificação paquistaneses para ela e dois alegados filhos, depois de subornar três funcionários. A lei paquistanesa prevê uma pena de até 14 anos de prisão para este crime.

A refugiada, de 40 anos, mãe de quatro filhos e doente com hepatite C, vai voltar na segunda-feira para o Afeganistão, onde será recebida pelo chefe de Estado, Ashraf Gani, informou Zakhilwal.

De acordo com o diplomata, Gula vai receber ajuda governamental para começar uma nova vida no país natal.

O fotógrafo norte-americano Steve McCurry imortalizou a afegã em 1984, quando tinha 12 anos e vivia num campo de refugiados em Peshawar. Um ano depois, a fotografia na capa da revista tornou-se numa das imagens mais icônicas do século XX.

O Paquistão registava, até há pouco tempo, de 1,4 milhões de afegãos legalizados e cerca de 900 mil em situação ilegal. A comunidade de refugiados, uma das maiores e mais antigas do mundo, começou com a invasão soviética em 1979.

Até ao início de novembro, mais de meio milhão de refugiados tinha voltado para o Afeganistão, na sequência do ultimato do governo de Islamabad para saírem do Paquistão.

// ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Sucesso nas apostas depende do apostador

Se você quer ter lucro nas apostas, precisa fundamentalmente de duas coisas: ter vantagem em relação à casa de apostas e um método de apostas bem rigoroso. Falamos disso porque muitos dos apostadores deixam dinheiro às …

Bezos doará US$ 10 bilhões para combater mudanças climáticas

Dono da Amazon anuncia fundo para financiar pesquisas voltadas a reduzir impactos do aquecimento global. Empresa tem enorme pegada de carbono por uso de combustíveis fósseis no transporte de produtos. O multimilionário americano Jeff Bezos afimou …

Jogador alvo de racismo toma atitude que todo mundo deveria ter e abandona gramado

Na última rodada da Liga Portuguesa, o Porto venceu fora de casa Vitória de Guimarães por 2 a 1. O gol que definiu a partida foi do malinês Marega. O ponta de lança recebeu um …

Ministra da Saúde de Macron vai disputar prefeitura de Paris em batalha de mulheres

O partido presidencial francês e seus aliados centristas encontraram neste domingo (16) na ministra da Saúde, Agnès Buzyn, 58, a sucessora ideal para Benjamin Griveaux. O candidato de Emmanuel Macron ao cargo de prefeito de …

Organização vende suposto DNA de Donald Trump e outros líderes globais

Nesta sexta-feira, uma organização chamada Earnest Project passou a oferecer a chance de possuir amostras de DNA de alguns líderes mundiais e outras celebridades. O grupo alega que coletou clandestinamente itens descartados pelos participantes do Fórum …

Tribunal alemão suspende derrubada de floresta para fábrica da Tesla

Justiça ordena que gigante americana interrompa corte de árvores nos arredores de Berlim enquanto analisa pedido de associação ambiental. Empresa de Elon Musk planeja construir ali sua primeira "gigafábrica" da Europa. Um tribunal na Alemanha determinou …

Satélites podem facilmente ser manipulados por hackers, alerta pesquisador

Talvez você já esteja por dentro da confusão toda em relação aos problemas que os satélites Starlink, da SpaceX, estão causando na comunidade astronômica. Os relativamente poucos satélites lançados (cerca de 240, como parte de um …

Na Índia, campanha faz semáforo voltar ao vermelho se os motoristas buzinarem demais

Se a Índia é um país famoso por sua religiosidade, sua culinária, suas belezas naturais e, sendo o segundo país mais populoso, por ser a maior democracia por eleitorado do mundo, ela também carrega a …

Secularismo e tolerância a minorias predizem a prosperidade de um país

Pesquisadores da Universidade de Bristol e Universidade do Tennesse analisaram dados de quase 500 mil pessoas de 109 países e concluíram que mudanças na cultura geralmente vêm antes da melhora na riqueza, educação e democracia. Os …

Estudo: declínio de abelhas se aproxima da extinção em massa

De acordo com um novo estudo liderado por cientistas da Universidade de Ottawa (Canadá), a probabilidade de uma população de abelhas sobreviver em qualquer lugar diminuiu 30% no curso de uma geração humana. Os pesquisadores sugerem …