Planetas que orbitam estrela anã podem ter mais água que a Terra

NASA / JPL-Caltech

Alguns dos sete exoplanetas que orbitam a estrela anã vermelha TRAPPIST-1 podem, potencialmente, ter mais água que a Terra, indicou o Observatório Europeu do Sul.

O sistema planetário é o que tem o maior número de planetas do tamanho da Terra, sendo constituídos, de acordo com as conclusões de um novo estudo, principalmente por rocha.

Segundo um comunicado do OES, as densidades dos planetas, calculadas com maior precisão através de um modelo computacional, sugerem que “alguns destes corpos podem ter até 5% da sua massa sob a forma de água“, isto é, quase 250 vezes mais água do que os oceanos da Terra.

Por comparação, salienta o OES, o “planeta azul” tem apenas cerca de 0,02% de água relativamente à sua massa. A água é um elemento fundamental para a vida como se conhece.

“Embora nos deem importantes pistas sobre a composição dos planetas, as densidades não nos dizem nada sobre a sua habitabilidade. Apesar disso, nosso estudo constitui um importante passo para determinarmos se estes planetas poderiam suportar vida”, defendeu, citado pelo OES, um dos coautores do estudo, Brice-Olivier Demory, da Universidade de Berna, na Suíça.

Dos sete planetas, o quarto a contar da estrela é o mais parecido com a Terra em termos de tamanho, densidade e radiação recebida e tem “potencial para ter água líquida na superfície”. De todos, é o mais rochoso, o que, para a equipe internacional de astrônomos que conduziu o estudo, continua um mistério.

O Observatório Europeu do Sul, do qual dois telescópios, o TRAPPIST-South e o Telescópio Muito Grande (VLT, Very Large Telescope), permitiram detectar o sistema planetário, assinala que os cientistas “ficaram surpresos” pelo quarto planeta ser o único “ligeiramente mais denso do que a Terra“, indicando que “possa ter um núcleo de ferro mais denso” e não necessariamente uma atmosfera espessa, um oceano ou uma camada de gelo.

De acordo com a pesquisa, que descreve a natureza do sistema planetário TRAPPIST-1 e que será publicada na revista Astronomy & Astrophysics, os planetas mais próximos da estrela e, por isso, mais quentes, teriam atmosferas densas de vapor.

Em contrapartida, os mais distantes da estrela, que é extremamente fria quando comparada com outras estrelas, teriam superfícies de gelo.

Os dois planetas mais interiores, ou seja, mais próximos da estrela-mãe, teriam núcleos rochosos e estariam rodeados por “atmosferas muito mais espessas do que a da Terra”. O terceiro planeta é o mais leve de todos, com cerca de 30% da massa da Terra.

Para o novo estudo, contribuíram observações feitas através de telescópios terrestres, incluindo o “caçador” de exoplanetas SPECULOOS, do OES, e telescópios espaciais, como o Spitzer e o Kepler, operados pela agência espacial norte-americana (NASA).

A TRAPPIST-1 é uma estrela menor que o Sol e está situada a 40 anos-luz de distância da Terra. A descoberta dos sete planetas, com os intermediários em condições mais favoráveis de ter água líquida na superfície, segundo um estudo anterior, foi anunciada no dia 22 de fevereiro de 2017.

Meses antes, em agosto de 2016, outra equipe de astrônomos anunciou a descoberta de um exoplaneta orbitando a estrela mais próxima do Sol, a Próxima Centauro, também uma anã vermelha e relativamente fria, mas localizada mais perto da Terra, a 4,22 anos-luz.

O planeta, o Próxima b, o mais perto da Terra, tem uma temperatura adequada para água líquida na superfície, pelo menos nas regiões mais quentes. Contudo, tem uma massa 1,3 vezes maior do que o nosso planeta.

Ciberia, Lusa // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Astrônomos continuam encontrando inexplicáveis anéis circulares misteriosos no céu

Nos últimos anos, astrônomos avistaram vários objetos de rádio gigantescos e quase perfeitamente circulares no universo distante. Embora ninguém tenha uma explicação para essas entidades misteriosas ainda, uma equipe adicionou recentemente outra ao seu catálogo, …

Conflito tem seu dia mais sangrento em Gaza

Bombardeios israelenses deixam pelo menos 42 palestinos mortos e elevam total de vítimas a 188. Netanyahu diz que ataques continuarão. Sem um cessar-fogo à vista, o atual conflito entre Israel e Hamas teve neste domingo (16/05) …

Apple é acusada de enganar usuários através de aplicativos fraudulentos na App Store

A Apple segue batendo recordes financeiros. No entanto, escândalos um atrás do outro aumentam a preocupação em torno da App Store. Após chamar a atenção internacional com as recentes revelações sobre a existência de cassinos ocultos …

Chile escolhe representantes para elaborar nova Constituição

O domingo foi o último dia de votação no Chile para a escolha dos redatores da nova Constituição do país. Os 155 representantes eleitos terão a tarefa de mudar o texto herdado da ditadura. …

China consegue pousar veículo não tripulado em Marte

A China conseguiu neste sábado pousar um veículo autônomo não tripulado em Marte. A fase final da operação Tianwen-1 aconteceu sem falhas, informou a TV estatal chinesa, que transmitiu um programa especial chamado Alo …

Lewandowski permite que Pazuello fique em silêncio na CPI

Ex-ministro da Saúde será obrigado a comparecer ao depoimento, mas não precisará responder perguntas que possam incriminá-lo. No entanto, será obrigado a falar a verdade em fatos e questões relacionados a terceiros. O ministro do Supremo …

Como o coronavírus afeta o fígado

O SARS-CoV-2, vírus causador da covid-19, mudou completamente a cara do mundo que conhecíamos até então. Ele afetou praticamente todos os aspectos da vida cotidiana e causou mudanças substanciais nas ciências da saúde e, portanto, na …

'Síndrome de Havana': lesão cerebral atinge ao menos 130 diplomatas e oficiais americanos, dizem EUA

Diplomatas, agentes da CIA e oficiais de defesa dos EUA relataram sintomas graves da perturbação conhecida como "síndrome de Havana" nas últimas semanas. O elevado número de casos causa espanto. Nas últimas semanas, foram relatados mais …

RJ comunica 1º caso de raiva em cachorro em quase três décadas

Pela primeira vez desde 1995, o Laboratório Municipal de Saúde Pública (Lasp) do Rio de Janeiro diagnosticou um caso de raiva animal. A descoberta parte do resultado de perícia no corpo de um cão morto …

O que dizem cientistas sobre isenção de máscaras para vacinados nos EUA

Os Estados Unidos anunciaram nesta quinta-feira (13/05) o fim da obrigatoriedade do uso de máscaras de proteção na maioria das situações para pessoas que já foram completamente vacinadas contra a covid-19. Segundo a nova orientação do …