Gravações inéditas revelam que Princesa Diana se jogou das escadas grávida de William

US Federal Government

John Travolta com a Princesa Diana

John Travolta com a Princesa Diana

Novas gravações feitas pela própria Princesa Diana revelam detalhes chocantes sobre o “desespero” que ela vivia, durante o casamento com o Príncipe Charles. Ela conta que chegou a se jogar das escadas, quando estava grávida do Príncipe William, para chamar a atenção do marido.

O relançamento do livro “Diana: a sua verdadeira história”, escrito pelo jornalista britânico Andrew Morton, é acompanhado pela divulgação de gravações inéditas feitas pela própria princesa em 1991, em que ela revela detalhes chocantes sobre seu casamento.

A obra foi publicada pela primeira vez em 1992, mas está sendo relançada para homenagear Diana já que este ano é o vigésimo aniversário de sua morte, ocorrida em 31 de agosto de 1997, em um acidente em Paris – que pode ter sido causado pelo fato de o carro em que seguia estar “com defeito”.

Nas gravações de 1991, cujas transcrições acompanham o livro, Diana fala da depressão em que vivia e da sua bulimia, que teria sido desencadeada por um comentário do próprio Príncipe Charles.

A princesa também lamenta a falta de atenção do marido e conta como vivia atormentada pelo seu caso com Camilla Parker-Bowles, com quem Charles se casou depois da morte de Diana.

“Estava tão deprimida, tentava cortar meus pulsos com lâminas de barbear”, revela Diana, contando que ameaçou se suicidar por várias vezes durante a lua de mel para chamar a atenção do marido.

Em uma das gravações, Diana lembra como “a rainha ficou absolutamente horrorizada, tremendo” e “muito assustada” depois de ela ter se jogado das escadas.

“Quando estava grávida de quatro meses do Príncipe William, me joguei das escadas para tentar chamar a atenção do meu marido, para que ele me ouvisse. Tinha dito a Charles que me sentia desesperada e não parava de chorar. Ele dizia que eram lágrimas de crocodilo”, desabafa a Princesa.

“Eu sabia que não ia perder o bebê, embora tenha ficado muito machucada em volta do estômago. Quando Charles voltou, foi apenas resignação, total resignação. Ele simplesmente continuou do lado de fora da porta”, acrescenta Diana na gravação.

Diana relata ainda como se mutilou nas coxas e no peito com uma faca e como isso não provocou “qualquer reação” em Charles. A princesa relata também como o nascimento do Príncipe Harry, seu segundo filho, em 1984, terminou de vez com o casamento.

Charles sempre quis uma menina. Ele queria dois filhos e queria uma menina. Eu sabia que Harry era um menino e não contei a ele. Harry chegou, Harry era ruivo, Harry era um rapaz. O primeiro comentário foi: ‘Ó Deus, é um rapaz’. O segundo comentário: ‘E até tem cabelo vermelho’”, conta Diana.

A princesa conclui, contudo, que Harry se tornou em uma “alegria” para a família e que até ficou “mais próximo do pai” do que o Príncipe William.

// ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Trump volta a lançar dúvida sobre processo eleitoral nos EUA

Após recusar comprometimento com transição pacífica de poder, presidente americano diz não saber se é possível um pleito "honesto". Líder republicano no Senado diz que transferência de mandato presidencial será ordenada. O presidente dos EUA, Donald …

Criador do Novichok aponta falta de principais sintomas da substância em Navalny

Leonid Rink não considera convincente a evidência apresentada pela Alemanha sobre o alegado uso do Novichok contra o opositor russo, pois, se isso tivesse acontecido, os efeitos teriam sido diferentes. Podem ter sido encontrados vestígios de …

Este pode ser o 1º planeta descoberto em outra galáxia, a 23 milhões de anos-luz

Astrônomos encontraram um candidato a planeta localizado em outra galáxia, bem longe da Via Láctea, em uma região de intensa atividade caótica. Este mundo distante parece ser um pouco menor do que Saturno e orbita um …

EUA: Trump causa alvoroço ao recusar transição pacífica caso perca as eleições

Donald Trump tensionou a classe política nos Estados Unidos ao se recusar a garantir uma passagem pacífica do poder se perder a eleição presidencial dos Estados Unidos para Joe Biden, em 3 de novembro. Bastou uma …

Escolas de samba adiam desfile de Carnaval no Rio de Janeiro

A Liga Independente das Escolas de Samba do Rio de Janeiro (Liesa) decidiu adiar os desfiles das escolas de samba do grupo especial, que aconteceriam em fevereiro, devido à pandemia de covid-19. A decisão foi tomada, …

Governo brasileiro publica portaria sobre aborto retirando obrigatoriedade de informar polícia

Nova portaria publicada nesta quinta-feira (24) no Diário Oficial retira a obrigatoriedade de que a polícia seja avisada sobre a realização de abortos previstos em lei. O texto é assinado pelo ministro da Saúde, Eduardo Pazuello. …

Asteroide passa ‘raspando’ pela Terra e chega mais perto de nós do que satélites de TV

Por pouco não tivemos a ‘visita‘ de um asteroide na manhã desta quinta-feira (24). O evento era, basicamente, a cereja do bolo do que está sendo o anos de 2020. Quase! O objeto, chamado de ‘2020 …

Sarcófago de 'supervisor dos tronos' é desenterrado no Egito

Um sarcófago de pedra calcária e várias estatuetas funerárias ushebti foram descobertas na cidade egípcia de Minya, por uma missão arqueológica do país, liderada por Mostafa al-Waziry, o secretário-geral do Conselho Supremo de Antiguidades do …

Trump não se compromete com transferência pacífica de poder

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, recusou-se a se comprometer com uma transferência pacífica de poder caso seja derrotado na eleição presidencial de 3 de novembro. "Vamos ver o que vai acontecer", disse Trump, ao …

TikTok impõe restrições em anúncios de emagrecimento para combater gordofobia

O TikTok anunciou nesta quarta-feira (23) uma série de novas regras que restringem a veiculação de anúncios de aplicativos e suprimentos de emagrecimento dentro da plataforma. Segundo o comunicado oficial da rede social, o objetivo das …