Quadro de Monet é arrematado por valor recorde de mais de US$ 110 milhões

Sotheby's

Meules, pintado por Claude Monet

Valor é 44 vezes maior do que o atingido na última vez que a pintura havia ido a leilão, em 1986, e marca recorde do artista e do Impressionismo. Preço final foi o dobro do estimado por especialistas da Sotheby’s.

Uma pintura da série “Meules“, do pintor francês Claude Monet, marcou um novo recorde do artista e do Impressionismo ao ser vendida por mais de US$ 110 milhões (mais de R$ 438 milhões) em um leilão realizado em Nova York nesta terça-feira (14/05).

Pintada no inverno de 1890 na casa de Monet em Giverny, na região francesa da Normandia, a peça é considerada um dos ícones do Impressionismo. Ela havia sido avaliada pelos especialistas da casa de leilões Sotheby’s em cerca de US$ 55 milhões, preço que foi superado em poucos segundos.

O leilão durou oito minutos e teve a participação de seis licitantes. A obra alcançou um preço de martelo de US$ 97 milhões, valor que chega a US$ 110,7 milhões — o dobro da estimativa — depois de adicionados impostos e comissões.

O valor final equivale a 44 vezes o preço que a obra havia alcançado na última vez em que havia ido a leilão, na Christie’s, também em Nova York, em 1986. Naquele ano, o colecionador anônimo que trouxe a pintura para ser leiloada nesta terça-feira comprou a obra por apenas US$ 2,5 milhões.

O exemplar é um dos poucos da série “Almiares”, de Monet, que foram colocados em leilão neste século e que ainda é propriedade privada – das 25 obras, 17 estão em instituições públicas, como o Museu Metropolitano de Arte (Nova York), Museu de Orsay (Paris), e o Instituto de Arte (Chicago).

O quadro da série “Meules” foi inicialmente adquirida pela família Palmer de Chicago, diretamente do representante de Monet na década de 1890. Outra pintura da série foi vendida em novembro de 2016 por US$ 81,4 milhões. Em maio de 2018, durante uma venda da Christie’s, a obra de Monet “Nympheas en fleur” foi vendida por US$ 84,6 milhões.

Outro protagonista do leilão desta terça-feira foi “Femme au chien”, de Pablo Picasso, cujo valor foi estimado entre US$ 25 milhões e US$ 30 milhões, e que acabou sendo vendido por US$ 54,9 milhões.

Pintado em 1962, o trabalho é um retrato de seu cachorro Kaboul e sua segunda esposa, Jacqueline Roque, com quem foi casado até sua morte, em 1973, e é o trabalho de Picasso depois de 1960 que alcançou o maior preço em um leilão.

// DW

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Oceano Atlântico cresce e Pacífico encolhe. Ciência tem nova resposta para fenômeno

Durante a era paleozoica, entre 200 a 540 milhões de anos atrás, o planeta Terra possuía somente um único e imenso continente – a Pangeia, rodeada por um único oceano, intitulado Pantalassa. Depois de uma série …

Um acelerador de partículas cósmico, muito mais poderoso do que o LHC foi descoberto no espaço

Cientistas rastrearam uma partícula fantasma para uma estrela despedaçada e descobriram um gigantesco acelerador de partículas cósmico. A partícula subatômica, chamada de neutrino, foi lançada em direção à Terra depois que a estrela condenada chegou muito …

Mulher de 'El Chapo' Guzmán é presa nos EUA acusada por narcotráfico

Foi presa nesta segunda-feira (22/02) nos Estados Unidos Emma Coronel Aispuro, 31, mulher de Joaquín "El Chapo" Guzmán, ex-líder do cartel de drogas mexicano Sinaloa. Aispuro, que tem cidadania mexicana e americana, foi presa no aeroporto …

Gana é o primeiro país do mundo a receber vacinas do programa Covax, da OMS

Gana recebeu nesta quarta-feira o primeiro lote mundial de vacinas financiadas pelo programa Covax, que proporciona aos países de renda baixa e média as primeiras doses de fármacos antiCovid. Os imunizantes foram enviados de …

Variante da Califórnia parece ser mais contagiosa e resistente a vacinas, aponta estudo

Um novo estudo confirma que a mutação do SARS-CoV-2 na Califórnia, EUA, é mais contagiosa e mais resistente a vacinas, embora a escala de sua ameaça ainda não esteja clara. Uma variante descoberta pela primeira vez …

Cheirinho de carro novo? Estudo alerta para risco de câncer em odor favorito de muitos

Um estudo publicado por pesquisadores da Universidade da California Riverside mostrou que o cheiro de carro novo, tão amado por todo mundo que acaba de comprar o seu veículo, pode ser um risco para saúde. Mas …

STJ anula quebra do sigilo de Flávio Bolsonaro no caso das "rachadinhas"

Ministros apontaram falta de fundamentação do juiz de 1ª instância. Decisões da próxima semana determinarão chance de o processo contra o senador ir adiante ou voltar ao início. A Quinta Turma do Superior Tribunal de Justiça …

Troca de comando na Petrobras: Bolsonaro repete interferência de Dilma na estatal?

As ações da Petrobras derreteram depois que o presidente Jair Bolsonaro decidiu mudar o comando da empresa. Na noite de sexta-feira (19/02), Bolsonaro anunciou o general da reserva Joaquim Silva e Luna para substituir o …

Uruguai, último país da América do Sul a receber vacinas, começa imunização em março

O presidente do Uruguai, Luis Lacalle Pou, informou nesta segunda-feira (22) que as primeiras vacinas contra a Covid-19 chegarão nesta quinta-feira ao país, o único na América do Sul que ainda não possui doses …

Cada ponto brilhante neste novo mapa cósmico é um buraco negro supermassivo

A equipe internacional sinterizou um conjunto tão impressionante quanto inédito de sinais de rádio emitidos por buracos negros supermassivos. Se tivéssemos um telescópio capaz de mostrar quaisquer objetos do universo, independentemente de quão distantes eles estão, …