Reino Unido deve ter eleições em 12 de dezembro para definir novo Parlamento

BackBoris2012 / Flickr

O ministro dos Negócios Estrangeiros do Reino Unido, Boris Johnson

Um dia depois de rejeitar a proposta do premiê Boris Johnson por eleições antecipadas, o Parlamento britânico acatou nesta terça-feira (29/10) proposta semelhante, que prevê eleições gerais em 12 de dezembro.

A proposta, aprovada por 438 votos contra 20 na Câmara dos Comuns, ainda precisa passar pela Câmara dos Lordes.

A aprovação se deveu sobretudo a uma mudança de posição do Partido Trabalhista (oposição), que se absteve em peso da votação na segunda-feira, mas trocou de estratégia nesta terça e apoiou a antecipação das eleições.

Jeremy Corbyn, líder dos trabalhistas, afirmou que seu partido está pronto para “lançar a campanha mais ambiciosa e radical por mudança real da história do nosso país”.

A antecipação do pleito marca um passo significativo na política britânica, após meses de impasse em torno do Brexit, o processo de saída do Reino Unido da União Europeia.

O Parlamento britânico havia aprovado na semana passada o acordo de saída costurado entre Johnson e a UE, mas rejeitado o calendário exigido pelo premiê para apressar a votação de eventuais emendas.

O entrave forçou o Reino Unido a pedir um novo adiamento do Brexit ao bloco europeu — agora, a saída britânica está agendada para 31 de janeiro de 2020.

Depois disso, Johnson afirmou que “infelizmente, temo que este Parlamento nunca (ratificará plenamente o acordo de saída) enquanto a opção for adiá-lo cada vez mais. É por isso que estou tentando uma eleição geral em dezembro, para garantir a eleição de um novo Parlamento, que seja capaz de resolver essa questão dentro das nossas normas constitucionais”.

A expectativa é de que o Parlamento seja dissolvido na semana que vem, como preparação para as eleições gerais.

As estratégias com a nova eleição

Sendo assim, a estratégia de Johnson com as novas eleições é tentar sair fortalecido com o voto popular e renovar o Parlamento, em busca de mais apoio para seus planos de Brexit.

Do outro lado, o trabalhista Corbyn, contrariando a visão de parte de seu partido, espera repetir o que ocorreu na eleição antecipada de 2017, convocada pela então premiê Theresa May.

Assim como Johnson, May (conservadora) antecipou o pleito na tentativa de se fortalecer, mas a tática deu errado e os eleitores acabaram aumentando a quantidade de cadeiras dos trabalhistas no Parlamento.

Corbyn afirmou que aceitou as eleições antecipadas por acreditar que sua reivindicação principal — a de que o Brexit não ocorra sem acordo com a UE — foi atendida com a aprovação, por parte dos europeus, da extensão até 31 de janeiro de 2020 do prazo para a saída.

Também na oposição, os partidos Liberal Democrata e SNP (escocês) têm sua própria agenda ao decidir apoiar as eleições: expandir seu número de assentos para combater a realização do Brexit. Eles acataram a proposta de Johnson sob a condição de que o premiê não volte a tentar aprovar novas medidas relacionadas ao Brexit até o fim da atual legislatura.

Só que, como explica Laura Kuenssberg, editora de política britânica na BBC, o resultado do pleito de 12 de dezembro por enquanto é imprevisível — e pode ser que todas essas estratégias naufraguem ou mesmo que o Parlamento acabe com composição parecida à que tem atualmente.

Vozes contrárias

O projeto votado nesta terça pelos parlamentares foi proposto por Johnson — em sua quarta tentativa de antecipar eleições — e previa que eleições gerais fossem aprovadas apenas com maioria simples dos parlamentares (diferentemente da votação na véspera, que exigia dois terços do Parlamento e fracassou, uma vez que apenas 299 parlamentares, em vez dos 434 necessários, aprovaram a eleição geral).

Apesar da aprovação, o projeto causa controvérsia, e nem mesmo todos os conservadores foram a favor da proposta.

O ex-ministro Philip Hammond, que foi expulso do Partido Conservador no Parlamento depois de votar contra um Brexit sem acordo, se disse “enojado” com a ideia de gastar “tempo precioso” com os preparativos da eleição, em vez de com as leis que definirão o Brexit.

Hammond afirmou à BBC acreditar que a real motivação de Boris Johnson para querer uma eleição é “mudar a composição do Partido Conservador” e “se livrar dos parlamentares que considera insuficiente duros” no que diz respeito ao Brexit.

Houve vozes dissidentes também na oposição.

O trabalhista Barry Sheerman, por exemplo, afirmou considerar “completa loucura” realizar uma eleição em dezembro “na agenda de Boris (Johnson)”.

O Parlamento chegou a votar, mais cedo nesta terça-feira, uma proposta de eleições gerais no dia 9 de dezembro, que era defendida pelos partidos Liberal Democrata e SNP, com o objetivo de diminuir o tempo possível para Johnson eventualmente colocar medidas relacionadas ao Brexit em votação nos dias finais da atual legislatura. A proposta do dia 9, no entanto, foi rejeitada pela maioria dos parlamentares.

Do lado da UE, o presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk, afirmou que o adiamento do prazo final do Brexit “deverá ser o último”. “Por favor, façam melhor uso (dessa extensão) desta vez”, afirmou ele pelo Twitter aos parlamentares britânicos.

// BBC

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

China revela análise de substância estranha encontrada na Lua em 2019

Em julho de 2019, a equipe da missão chinesa Chang'e 4 encontrou uma substância estranha na Lua. A descoberta foi anunciada em agosto do mesmo ano, chamando a atenção da comunidade científica, mas nada foi …

Cientistas alertam OMS para transmissão aérea do coronavírus além de dois metros

A transmissão aérea do novo coronavírus interpela os especialistas desde o início da pandemia. Nessa segunda-feira, um grupo de 239 cientistas alertou as autoridades de saúde do mundo inteiro, e em particular a OMS, …

Governo tem que tirar garimpeiros de terras yanomami em 15 dias para começar a enfrentar covid-19 em áreas indígenas

O Tribunal Regional Federal da 1ª Região determinou que o Governo Federal deveria retirar os garimpeiros das terras yanomami de Roraima como medida para conter o avanço do novo coronavírus nos territórios indígenas. A decisão liminar …

Encontrada a origem da vida no universo

Uma estrela morre por segundo no universo. Mas esses objetos estelares não somem totalmente, algo sempre fica para trás. Certas estrelas entram em supernova, que geram um buraco negro ou uma estrela de nêutrons, enquanto a …

Bolsonaro afirma que está com covid-19

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta terça-feira (07/07) que seu exame para detectar a covid-19 teve resultado positivo. Bolsonaro, de 65 anos, se submeteu ao exame na segunda-feira, após dizer que estava sentindo sintomas leves da …

Caso de peste bubônica é confirmado na China

Enquanto o mundo vem buscando tratamentos para a pandemia do novo coronavírus (SARS-CoV-2), antigas doenças e ameças podem ressurgir, como um sinal de alerta para a sociedade. É esse o caso relatado pelas autoridades da saúde …

Petição que substituir estátua de Cristóvão Colombo por uma do músico Prince

O histórico processo de revisão das estátuas, nomes de rua e outras homenagens a personagens ligados ao racismo ou outros massacres étnicos prevê a retirada de tais homenagens, mas não somente: figuras efetivamente merecedoras dos …

EUA podem proibir aplicativos chineses, incluindo TikTok, diz secretário de Estado

Mike Pompeo já acolheu uma medida semelhante da Índia, que emitiu uma ordem provisória bloqueando o TikTok e outros 58 aplicativos ligados à China em meio ao primeiro choque fronteiriço mortal em décadas. O secretário de …

Brasil tem mais de 65 mil mortes por covid-19

O Brasil superou a marca de 65 mil mortos por covid-19 nesta segunda-feira (06/07), segundo dados do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) e do Ministério da Saúde. Foram 620 óbitos registrados nas últimas …

Homem cria uma "cadeira de rodas" off-road para que sua esposa possa ir a lugares que ela nunca imaginou

Quem precisa de uma cadeira de rodas para se locomover sabe que não é nada fácil percorrer certos terrenos. Viagens a lugares nevados, trilhas tropicais, montanhas… Tudo isso parece impossível. Mas não deveria ser. Aliás, …