Análise de múmia “extraterrestre” tem os primeiros resultados divulgados

Um grupo de cientistas russos analisa o DNA da múmia de aspecto alienígena encontrada no ano passado na região de Nazca, no Peru.

Segundo o canal russo Mir24, a equipe de cientistas começou a analisar o DNA da famosa múmia com aspecto extraterrestre encontrada próximo da cidade peruana de Nazca no início do ano passado.

A criatura de aspecto alienígena, com um crânio alargado e apenas três dedos em cada mão, foi batizada pelos cientistas de Maria.

Um grupo de geneticistas de São Petersburgo recolheu amostras de tecido da estranha criatura para decodificar seu genoma. Maria, que foi encontrada por um camponês peruano, morreu por volta do século V, cerca de mil anos antes da descoberta da América.

O corpo mumificado, de cor branca, tem cerca de 1,68m de altura, tem traços alienígenas, crânio alongado e três dedos em cada mão e em cada pé. Não tem nariz, nem ouvidos. Os dados de análise preliminar mostraram que a múmia é um “ser humanoide, ou seja, também tem 23 cromossomos, como nós“.

“Agora já se leva a cabo uma análise detalhada para ver se a posição de todos os cromossomos, de todos os aminoácidos coincide com a nossa”, de acordo com o professor da Universidade de Pesquisa russa Konstantín Korotkov, citado pela RT.

De acordo com o professor, os cientistas também planejam identificar a origem da criatura fora do comum.  A múmia apresenta uma estrutura de costelas diferente da dos humanos, o que permite aos cientistas estudar melhor a disposição dos seus órgãos internos.

“Vemos claramente os contornos da traqueia e os brônquios. Conseguimos ver também o coração e as câmaras, inclusive são visíveis os contornos das válvulas. Podemos ver com bastante clareza os contornos do diafragma, o fígado e o baço”, explicou a radiologista Natalia Zaloznaya.

Os cientistas inclusive determinaram qual era a substância que ajudou a conservar Maria até hoje. O pó branco com que a civilização desconhecida cobria seus defuntos era cloreto de cádmio, um químico que, com seu efeito antibactericida, manteve a múmia conservada até os nossos tempos.

Agora, os geneticistas russos planejam continuar decodificando o genoma da misteriosa criatura em colaboração com pesquisadores latino-americanos. Para avançar com seus trabalhos, os cientistas de São Petersburgo querem solicitar o envio da múmia para a cidade russa.

Seria esta a primeira prova da existência de extraterrestres ou apenas mais uma sofisticada fraude? Estamos cada vez mais próximos de saber.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Máscara elétrica autolimpante que carrega celular deverá custar apenas 1 dólar

Devido à pandemia do coronavírus, diversos especialistas alertam para a, cada vez mais real, possibilidade de usarmos máscaras para sair de casa até, no mínimo, o final do ano. Por isto, diversas empresas estão estendendo …

Bolsonaro bate recorde de rejeição, mostra Datafolha

Na primeira pesquisa feita após divulgação de vídeo da reunião ministerial, 43% dos entrevistados consideram governo ruim ou péssimo. Entre os quatro últimos presidentes eleitos, Bolsonaro é o pior avaliado. O índice de rejeição ao presidente …

Renault detalha plano econômico e anuncia 4.600 cortes na França

A empresa automobilística revelou nesta sexta-feira seu plano de cortes no país que integra um plano de economias de cerca de € 2 bilhões (cerca de R$ 12 bilhões) em três anos. A Renault …

Asteroide que dizimou os dinossauros teria atingido a Terra em "ângulo letal"

A teoria mais aceita é a de que os dinossauros foram extintos após um asteroide atingir a Terra de maneira catastrófica há 66 milhões de anos, causando danos sem precedentes em todo o planeta. Agora, segundo …

Repórter da CNN é preso ao vivo em protesto por morte de homem negro. Trump pede tiros em manifestantes

Minneapolis vive uma escalada de violência provocada por um policial branco que matou, de forma brutal, um homem negro. George Floyd foi asfixiado pelo joelho do oficial enquanto era filmado em plena luz do dia. Nem …

Diário de oficial nazista revela suposta localização de toneladas de ouro em castelo

Pesquisadores que buscam bilhões de dólares em tesouros nazistas roubados da Europa acreditam ter encontrado a localização de toneladas de ouro debaixo de antigo castelo alemão. Os pesquisadores acreditam ter encontrado 28 toneladas de ouro roubadas …

Coreia do Sul registra aumento de casos de coronavírus e teme nova onda da epidemia

A Coreia do Sul anunciou nesta quinta-feira (28) o maior aumento de novas contaminações por coronavírus em quase dois meses, devido a um surto de casos em um armazém de uma empresa de comércio …

Desigualdade eleva letalidade da covid na favela, diz estudo

Quase todos os dias, com ou sem pandemia, a diarista Joceliane Gomes Santos de Freitas, 29 anos, sai de casa às 7h em Barra do Ceará, comunidade de Fortaleza onde mora com o marido e …

Descoberta galáxia raríssima em forma de "anel de fogo" a 10 bilhões de anos-luz

Astrônomos capturaram uma imagem de uma galáxia localizada a cerca de 10,8 bilhões de anos-luz de distância. Mas o que realmente impressionou os pesquisadores é que se trata de um tipo muito raro: uma galáxia …

Médicos da linha de frente contra coronavírus ganham casamento surpresa em hospital

O coronavírus bagunçou a vida de todo mundo, imagine só a rotina dos profissionais da área de saúde? Pois…o jornal O Globo contou a bela história de amor de uma cerimônia de casamento surpresa dentro …