Rússia abandona Tribunal Penal Internacional

United Nations / Flickr

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, e o ministro dos Negócios Estrangeiros, Serguei Lavrov

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, e o ministro dos Negócios Estrangeiros, Serguei Lavrov

A Rússia decidiu abandonar o Tribunal Penal Internacional por considerar que o organismo não se conseguiu tornar uma entidade “independente e prestigiada”.

Num decreto assinado pelo Presidente Vladimir Putin, a Rússia oficializou essa quarta-feira (16) a decisão de renunciar ao Tribunal Penal Internacional (TPI).

O Estatuto de Roma, que entrou em vigor em 2002, é a base da atividade do tribunal sediado em Haia que julga crimes graves e de guerra.

A Rússia assinou o tratado em 2000, mas não o ratificou até o momento. Assim, a jurisdição do TPI não se estende à Rússia, nem aos EUA, China, Ucrânia e a vários outros países.

Putin ordenou ao Ministério das Relações Exteriores que encaminhe a decisão ao secretário-geral da ONU.

O país decidiu abandonar este organismo por considerar que “não se conseguiu tornar uma entidade independente e prestigiada” e não conseguiu também “justificar as esperanças” nele depositadas.

Em outubro, a África do Sul também anunciou que vai abandonar o TPI, a par do Burundi. Países como a Namíbia e o Quénia já levantaram a mesma possibilidade.

Presidente filipino ameaça imitar Rússia

O presidente filipino Rodrigo Duterte anunciou que, após a Rússia, o seu país também poderá abandonar o Tribunal Penal Internacional.

Segundo a Reuters, comentando sua próxima visita a Lima, no Peru, para participar da cúpula da Cooperação Econômica Ásia-Pacífico (APEC), o líder filipino frisou que as Filipinas poderão seguir o exemplo da Rússia e abandonar o TPI.

De acordo com Duterte, a razão para isso são as críticas por parte dos países ocidentais em relação à campanha de combate às drogas realizada no país, que provocou a morte de mais de dois mil traficantes. Além disso, Duterte, citado pelo portal GMA News, destacou na quinta-feira (17) que, caso a Rússia e a China decidam criar “uma nova ordem”, as Filipinas serão o primeiro país a apoiar essa iniciativa.

Antes, Duterte tinha pedido uma reunião com o presidente russo Vladimir Putin na próxima cúpula da APEC no Peru, esperando que as Filipinas e a Rússia se tornem “os melhores amigos”. No dia 16 de novembro Putin assinou o decreto segundo o qual a Rússia abandona o Estatuto de Roma do TPI.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Bolsonaro chama manifestantes pró-democracia de "viciados" e "marginais"

Em live, presidente pede que seus apoiadores não participem de atos contra o governo, convocados por torcidas e movimentos sociais para o próximo domingo, e volta a classificar grupos "antifa" de terroristas. O presidente Jair Bolsonaro …

Mistério da química solucionado ao descobrir a estrutura do nitrogênio “negro”

Elementos leves da tabela periódica como carbono e oxigênio seguem a regra de ter estrutura similar aos elementos mais pesados da mesma família, quando em alta pressão. Mas, até agora, o hidrogênio tinha um comportamento …

SoftBank anuncia fundo voltado a empresas lideradas por negros

O SoftBank anunciou que fará um fundo de investimento voltado a empresas lideradas por negros. Segundo o TechCrunch, o comunicado foi feito em uma carta aos funcionários do banco de investimentos assinada pelo COO, Marcelo …

Madeleine McCann: a reviravolta que levou a polícia a crer que menina desaparecida há 13 anos está morta

A menina britânica Madeleine McCann, que desapareceu em Portugal em 2007 em um caso de grande repercussão na Europa, está provavelmente morta, segundo promotores alemães que investigam o caso. Um alemão de 43 anos está sendo …

Globonews escala só jornalistas negros em programa após críticas por representatividade

Após receber críticas justas nas redes sociais por debater a pauta do racismo e os protestos gerados após o assassinato de George Floyd pelo policial branco David Chauvin em Minneapolis, Minessota, sem a presença de …

Paleontologistas descobrem 'última refeição' de dinossauro que viveu há 110 milhões de anos

Uma equipe de pesquisadores do Canadá reconstituiu o estômago de um dinossauro herbívoro, o melhor preservado de sempre. Uma equipe de paleontologistas canadenses conseguiu reconstruir o conteúdo do estômago de um dinossauro herbívoro que viveu no …

Estudo que desencoraja uso de hidroxicloroquina é alvo de investigações

Nesta quarta-feira (3), a Organização Mundial da Saúde anunciou que vai retomar os testes com o medicamento hidroxicloroquina, um dos mais cotados atualmente como possível auxiliar na luta contra a COVID-19. A notícia pegou muita gente …

Donald Trump diz por que estava em bunker subterrâneo em meio a protestos

Em meio aos protestos violentos e pacíficos que têm varrido os EUA após a morte do afro-americano George Floyd, surgiram relatos de que Trump se escondeu dos manifestantes em um bunker. Donald Trump atacou como "falsa" …

EUA: 4 policiais são acusados pela morte de George Floyd

O policial de Minneapolis que se ajoelhou sobre o pescoço de George Floyd provocando sua morte será acusado de assassinato em segundo grau. Seus três colegas também serão julgados, disse a senadora americana Amy …

Governo destina verba publicitária a canais de conteúdo inadequado

Em apenas 38 dias, o governo de Jair Bolsonaro publicou mais de 2 milhões de anúncios em canais na internet com "conteúdos inadequados", segundo mostrou um relatório da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) das …