Time de futebol formado só por gays em São Paulo quer mostrar que o esporte é para todos

“Toca a bola, bicha!” “Vai, viado!” No futebol, expressões inferiorizando homossexuais são usadas com frequência, mas, quando se trata das partidas dos Unicorns, elas significam carinho. Afinal, o time é formado só por gays que gostam de jogar bola – e eles não fazem questão alguma de se esconder.

A ideia surgiu em abril de 2015, quando os amigos Bruno Host e Filipe Marquezin conversavam sobre a vontade de voltar a jogar futebol. Desde então, toda semana o grupo se reúne para bater bola em uma quadra na zona sul de São Paulo. São mais de trinta “unicórnios” que se revezam nas partidas.

Bruno conta que se afastou do esporte na adolescência, antes mesmo de se aceitar como gay. “Desanimei porque era muito agressivo. Acho muito louco ficar tão agressivo jogando um esporte amador”, disse em entrevista ao Hypeness. Mas graças aos Unicórnios a prática voltou a ser prazerosa.

As partidas costumam movimentar mais de vinte pessoas jogando, e muitas outras do lado de fora do campo: “Namorados e amigos se reúnem para torcer, brincar e simplesmente interagir. A quadra se tornou um espaço de convívio muito legal”, diz Host, cujo namorado faz parte dos Bearleaders – brincadeira misturando as tradicionais Cheerleaders aos “ursos”, expressão comum da cultura LGBT.

Ao longo dos dois anos de existência do time, foram poucas as vezes em que a orientação sexual causou problemas. “Ninguém se policia para parecer hétero. Tem gente que olha meio de canto, o pessoal na torcida já ouviu comentários idiotas, mas a gente não deixa que nos afete”, relata Bruno. Mas há também uma barreira que vem dos próprios gays.

Futebol? Mas isso não é coisa pra viado”, diziam alguns amigos de Bruno que acabaram dando uma chance ao esporte e se divertindo. Outros contaram que tinham vontade de jogar, mas não se arriscavam justamente por se sentir inferiorizados dentro do ambiente futebolístico. Hoje, graças ao Unicorns, todos conseguem se divertir juntos.

Por causa da divulgação que os Unicórnios receberam na imprensa, muita gente interessada entrou em contato querendo jogar também. Os organizadores das partidas já estão pensando em alugar a quadra em outro dia para atender à demanda. Além disso, ficaram sabendo da existência de outros times LGBT.

De São Paulo, são pelo menos mais quatro: três formados por homens gays e um por lésbicas. Inclusive chegaram convites para participar de campeonatos, mas os líderes da equipe querem conversar com os jogadores antes por receio que a competitividade acabe mudando a essência do time.

Mas uma coisa é certa: armários, somente nos vestiários agora.

DEIXE UMA RESPOSTA:

Linkin Park homenageará Chester Bennington com show em Los Angeles

O Linkin Park prestará uma homenagem a seu falecido vocalista, Chester Bennington, com um show especial no legendário Hollywood Bowl de Los Angeles no próximo dia 27 de outubro, informou a banda nesta segunda-feira (18) …

Astronautas que ficaram 8 meses isolados para simular missão em Marte são liberados

Depois de passar oito meses simulando a vida em Marte nas encostas do vulcão Mauna Loa, seis “astronautas” foram liberados de um habitat havaiano no domingo (17 de setembro) para retornar à civilização. Eles acabam de …

Cientistas conseguem identificar as vozes que os esquizofrênicos escutam

Uma nova descoberta científica sobre o cérebro revela que as vozes na cabeça de pacientes esquizofrênicos podem derivar de vozes do mundo real. A descoberta pode dar esperança de que os pacientes aprendam a ignorar …

Jovem alemã que combatia pelo Estado Islâmico pode ser condenada à morte

A adolescente alemã deverá ir a julgamento no Iraque, por envolvimento com o grupo terrorista Estado Islâmico, e pode ser condenada à morte. Linda Wenzel, de apenas 16 anos, estava desaparecida de casa, na cidade alemã …

"Justiça Para Mara": assassinato de jovem por motorista do Cabify gera revolta no México

A morte de Mara Castilla, uma jovem de 19 anos assassinada por um motorista da plataforma de transporte Cabify, no México, enfureceu ainda mais os protestos contra um crime cada vez mais habitual no país: …

Arquipélago de Alcatrazes, em São Paulo, é aberto ao ecoturismo

O Refúgio de Vida Silvestre (RVS) do Arquipélago de Alcatrazes, localizado em São Sebastião (SP), será aberto para atividades de mergulho recreativo e passeio embarcado para observação da fauna. A abertura para visitação pública da unidade …

Pesquisa CNT: 3,4% aprovam governo Temer e 75,6% reprovam

A Pesquisa da Confederação Nacional do Transporte (CNT) com o Instituto MDA, divulgada nesta terça-feira (19), indica que 3,4% dos brasileiros entrevistados consideram positivo o governo do presidente Michel Temer e 75,6% o avaliam como …

Trump na ONU: EUA estão preparados para "destruir totalmente" a Coreia do Norte

Diante das Nações Unidas, o presidente americano Donald Trump disse que os Estados Unidos estão prontos para "destruir totalmente" a Coreia do Norte caso seja "forçado" a defender a si e a seus aliados. "Estamos prontos, …

Temer na ONU: presidente quer Brasil "mais aberto ao mundo"

Em discurso para líderes mundiais na abertura da 72ª Assembleia Geral das Nações Unidas, nesta terça-feira (19), em Nova York, o presidente Michel Temer disse que o Brasil deve estar mais aberto ao mundo e …

Justiça autoriza psicólogos a oferecer terapia de reorientação sexual

Um juiz federal do Distrito Federal autorizou, em caráter liminar, que psicólogos possam atender eventuais pacientes que busquem terapia para reorientação sexual. A decisão atendeu a uma ação de três psicólogos que pediam a suspensão de …