Trump ridiculariza depoimento de Ford, uma das mulheres que acusa Kavanaugh de abuso sexual

Brandon Dill / EPA

O presidente dos Estados Unidos questionou nesta terça-feira (2), em tom de piada, o depoimento de Christine Ford, uma das mulheres que acusa o juiz conservador Brett Kavanaugh – indicado por Donald Trump – de abuso sexual.

Durante um comício no estado norte-americano do Mississípi na noite desta terça, Trump pôs em jogo a versão dos acontecimentos contados por Christine Blasey Ford, a professora universitária que, sob juramento perante o Comitê de Justiça do Senado, foi interrogada na semana passada sobre a suposta agressão sexual.

“Como chegou em casa? ‘Não me lembro’. Como chegou lá? ‘Não me lembro’. Onde era? ‘Não me lembro’. Há quantos anos aconteceu? ‘Não sei’”, disse Trump, numa tentativa de descredibilizar e ridicularizar as respostas de Ford na audiência.

E prosseguiu: “Em que bairro era? ‘Não sei’. Onde estava a casa? ‘Não sei’. No andar de cima, no andar de baixo? ‘Não sei, mas bebi uma cerveja. Isso é a única coisa que lembro’”, acrescentou o presidente com ironia.

“Não sei, mas bebi uma cerveja. Essa é a única coisa que me lembro. E a vida de um homem está feita em pedaços”, irnonizou Trump, arrancando aplausos e risos do público.

Além disso, destacou Trump, as declarações de Ford destroçaram o juiz “Kavanaugh e sua família”. O presidente norte-americano foi ainda mais longe, afirmando que os que promoveram essa situação – referindo-se aos democratas – “são pessoas ruins“.

Ataque “cruel, vil e sem alma”

Michael R. Bromwich, advogado de Christine Blasey Ford, considerou que as declarações de Trump foram um “ataque cruel, vil e sem alma” contra a sua cliente.

A professora universitária declarou na semana passada estar completamente segura que Kavanaugh tentou estuprá-la no verão de 1982. Sua denúncia fez com que o FBI reabrisse uma investigação ao juiz conservador antes que o Senado confirme seu nome para o posto vitalício no Supremo Tribunal, para o qual foi indicado por Donald Trump.

Além de Christine Ford, pelo menos outras duas mulheres denunciaram o juiz por abusos sexuais, e pessoas próximas de Kavanaugh afirmaram também que o juiz não estava sendo verdadeiro nas declarações.

Donald Trump tem reiterado por diversas vezes seu apoio a Kavanaugh. Logo após a audiência da semana passada, o presidente norte-americano elogiou o discurso “poderoso, honesto e firme” do seu indicado.

“O juiz Kavanaugh mostrou à América exatamente por que o nomeei. Seu testemunho foi poderoso, honesto e firme. A estratégia democrata de busca e destruição foi uma vergonha e esse processo foi uma fraude total e uma tentativa de atrasar, obstruir e resistir. O Senado deve votar!”, escreveu Donald Trump.

Na sexta-feira passada, o Comitê Judicial do Senado aprovou a indicação de Brett Kavanaugh numa votação preliminar e de recomendação, cabendo agora à câmara alta do Congresso norte-americano confirmar o nome do magistrado.

Ciberia // EFE / ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

"Mafalda" perde seu criador, Quino, aos 88 anos

O criador de Mafalda, o cartunista argentino Quino, morreu aos 88 anos. O icônico ilustrador e humorista marcou a vida argentina e do mundo todo com a criação da pequena menina com grandes ideias que …

Muito além de Netuno: objeto binário choca cientistas por ter partes orbitando muito perto

Um objeto transnetuniano (TNO, na sigla em inglês) binário foi detectado por uma rede de observação nos EUA. Objetos transnetunianos consistem em pequenos corpos gelados que orbitam o Sol a uma distância longínqua, para além …

Acusados de financiar terrorismo na Síria com bitcoins são detidos na França

A Procuradoria Nacional Antiterrorista (PNAT) da França anunciou a detenção nesta terça-feira (29) de 29 pessoas acusadas de transferir recursos a jihadistas na Síria graças a um circuito sofisticado no qual foram utilizadas criptomoedas. A …

Donald Trump e Joe Biden travam debate caótico

Xingamentos e interrupções marcam primeiro duelo direto. Trump se recusa a condenar racistas, e Biden chama presidente de palhaço e mentiroso. Democrata sinaliza que pretende retaliar Brasil por devastação ambiental. Faltando pouco mais de um mês …

Flight Simulator tem um bug com buraco bizarro no mapa do Brasil

Vejam só: encontraram um bug respeitável na edição 2020 de Flight Simulator, o respeitado simulador de voo da Microsoft. E, para o nosso orgulho, a falha se localiza especificamente no Brasil. Se você sobrevoar as coordenadas …

Médica fez viagem institucional para impedir aborto de criança vítima de estupro e Damares teria atuado nos bastidores

Uma reportagem da Folha de São Paulo afirmou que uma das médicas que trabalhou para impedir o aborto legal de uma criança de 10 anos que foi estuprada em São Mateus, ES, confessou, em entrevista, …

COVID-19: produção de vacina pode causar morte de meio milhão de tubarões, alertam especialistas

Óleo natural feito a partir do fígado dos tubarões é um componente-chave entre os ingredientes utilizados por vários candidatos a vacina contra a COVID-19. A Shark Allies, uma organização de defesa aos tubarões, da Califórnia, EUA, …

Quem é Amy Barrett, a indicada de Trump para Suprema Corte?

Se aprovada pelo Senado, atual juíza federal e católica devota poderá influenciar a vida pública dos EUA por décadas e mover de vez a composição da Corte para uma orientação conservadora. Se no Brasil o presidente …

Uber ganha 18 meses de licença para atuar em Londres

Após uma longa batalha jurídica, a Uber ganhou uma licença para restabelecer suas operações em Londres pelos próximos 18 meses. Em novembro de 2019, a empresa havia sido impedida de atuar na capital inglesa, depois que …

Testes de DNA da moda não identificam indígenas brasileiros

Testes de DNA estão na moda. Se você pensou em exames para comprovar paternidade ou algo nesse sentido: não é disso que estamos falando (embora pudéssemos). A nova tendência — entre aqueles que têm condições para …