Trump ridiculariza depoimento de Ford, uma das mulheres que acusa Kavanaugh de abuso sexual

Brandon Dill / EPA

O presidente dos Estados Unidos questionou nesta terça-feira (2), em tom de piada, o depoimento de Christine Ford, uma das mulheres que acusa o juiz conservador Brett Kavanaugh – indicado por Donald Trump – de abuso sexual.

Durante um comício no estado norte-americano do Mississípi na noite desta terça, Trump pôs em jogo a versão dos acontecimentos contados por Christine Blasey Ford, a professora universitária que, sob juramento perante o Comitê de Justiça do Senado, foi interrogada na semana passada sobre a suposta agressão sexual.

“Como chegou em casa? ‘Não me lembro’. Como chegou lá? ‘Não me lembro’. Onde era? ‘Não me lembro’. Há quantos anos aconteceu? ‘Não sei’”, disse Trump, numa tentativa de descredibilizar e ridicularizar as respostas de Ford na audiência.

E prosseguiu: “Em que bairro era? ‘Não sei’. Onde estava a casa? ‘Não sei’. No andar de cima, no andar de baixo? ‘Não sei, mas bebi uma cerveja. Isso é a única coisa que lembro’”, acrescentou o presidente com ironia.

“Não sei, mas bebi uma cerveja. Essa é a única coisa que me lembro. E a vida de um homem está feita em pedaços”, irnonizou Trump, arrancando aplausos e risos do público.

Além disso, destacou Trump, as declarações de Ford destroçaram o juiz “Kavanaugh e sua família”. O presidente norte-americano foi ainda mais longe, afirmando que os que promoveram essa situação – referindo-se aos democratas – “são pessoas ruins“.

Ataque “cruel, vil e sem alma”

Michael R. Bromwich, advogado de Christine Blasey Ford, considerou que as declarações de Trump foram um “ataque cruel, vil e sem alma” contra a sua cliente.

A professora universitária declarou na semana passada estar completamente segura que Kavanaugh tentou estuprá-la no verão de 1982. Sua denúncia fez com que o FBI reabrisse uma investigação ao juiz conservador antes que o Senado confirme seu nome para o posto vitalício no Supremo Tribunal, para o qual foi indicado por Donald Trump.

Além de Christine Ford, pelo menos outras duas mulheres denunciaram o juiz por abusos sexuais, e pessoas próximas de Kavanaugh afirmaram também que o juiz não estava sendo verdadeiro nas declarações.

Donald Trump tem reiterado por diversas vezes seu apoio a Kavanaugh. Logo após a audiência da semana passada, o presidente norte-americano elogiou o discurso “poderoso, honesto e firme” do seu indicado.

“O juiz Kavanaugh mostrou à América exatamente por que o nomeei. Seu testemunho foi poderoso, honesto e firme. A estratégia democrata de busca e destruição foi uma vergonha e esse processo foi uma fraude total e uma tentativa de atrasar, obstruir e resistir. O Senado deve votar!”, escreveu Donald Trump.

Na sexta-feira passada, o Comitê Judicial do Senado aprovou a indicação de Brett Kavanaugh numa votação preliminar e de recomendação, cabendo agora à câmara alta do Congresso norte-americano confirmar o nome do magistrado.

Ciberia // EFE / ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Apple quer proibir lançamento de livro que revela segredos comerciais da empresa

O livro alemão App Store Confidential, de Tom Sadowski, é uma publicação temida pela Apple. Isso porque o autor foi o líder de desenvolvimento da loja de aplicativos da Gigante de Cupertino na Alemanha, Áustria …

Chineses acusam governo de usar epidemia de coronavírus para prender dissidentes

No momento em que a China enfrenta a epidemia do COVID-19 que já causou 2 mil mortes e infectou 74 mil pessoas no país, o mundo se pergunta se a crise reforça ou, pelo …

Suíça quer devolver dinheiro ganho com tráfico de escravizados para as Américas

O horror do tráfico de pessoas escravizadas entre os séculos XVI e XIX para os EUA, Caribe, América Latina e principalmente o Brasil teve mais responsáveis do que nos dita a história. E a Suíça …

Reino Unido pós-Brexit fecha portas para imigrantes pouco qualificados

No Reino Unido pós-Brexit, os estrangeiros que quiserem obter um visto de trabalho no país vão ter que provar muitas habilidades. Os candidatos receberão pontos de acordo com seu nível de inglês, diploma e profissão …

Síria realiza primeiro voo comercial entre Damasco e Aleppo desde 2013

Diretores de aeroportos da Síria mencionam o trabalho realizado no aeroporto de Aleppo para permitir o feito, realizado graças à vitória do Exército sírio e esforço dos operários. A Síria realizou seu primeiro voo comercial em …

Mudanças climáticas ameaçam futuro das crianças do mundo, diz ONU

Estudo de Nações Unidas, Unicef e revista 'The Lancet' aponta ações de sustentabilidade insuficientes. Países ricos fracassam em prover meio ambiente favorável, apesar de melhor ponto de partida. Países de todo o mundo estão fracassando em …

Bug no sistema do McDonald's forneceu lanches de graça sem limite de quantidade

Imagine você poder realizar quantos pedidos quiser no McDonald's e não ter que arcar com um só centavo para isso. Bem, essa mamata virtual era o que vinha acontecendo no sistema da multinacional de fast-food …

Governo chinês está até "queimando" dinheiro para combater o coronavírus

A briga do governo chinês contra o Covid-19 (também conhecido como "novo coronavírus") tem colocado diversos órgãos governamentais em alerta, e o governo da China parece não poupar esforços para conter a proliferação da doença …

Maior organização de escoteiros dos EUA declara falência após processos de abuso sexual

O grupo Boys Scouts of America, principal movimento de escoteiros dos Estados Unidos, apresentou um pedido de falência nesta terça-feira (18), em um esforço para salvaguardar as indenizações às vítimas de abuso sexual, afirma um …

Ações humanas alteram dispersão de sementes na Amazônia, aponta estudo

Análise de mais de 26 mil árvores demonstra que atividades como queimadas e desmatamento abalam o equilíbrio entre fauna e flora. Com degradação, restam animais pequenos na floresta, que espalham sementes menores. Quando se fala em …