Trump volta atrás e diz que há culpa dos dois lados em Charlottesville

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, defendeu nesta terça-feira (15) a sua controversa posição inicial sobre a violência de sábado em Charlottesville, numa manifestação racista, afirmando haver erros dos dois lados.

“Penso que há erros dos dois lados“, disse Donald Trump, referindo-se aos membros de extrema direita que convocaram a manifestação para a pequena cidade do estado de Virgínia e aos manifestantes que se reuniram para denunciá-los, no último sábado.

Heather Heyer, de 32 anos, foi morta em Charlottesville quando o jovem neonazista James Fields conduziu o carro intencionalmente contra os manifestantes que protestavam no centro de Charlottesville.

Em discussão com jornalistas nesta terça-feira na Trump Tower, em Nova York, o presidente dos Estados Unidos começou por justificar a primeira declaração, no dia da manifestação, por falta de informação.

“Quando faço uma declaração gosto de estar correto. Quero os fatos. Os acontecimentos tinham acabado de acontecer”, disse para explicar porque esperou pela segunda-feira para finalmente condenar a “violência racista” que aconteceu na pequena cidade.

Mas depois acrescentou: “Eu olhei de perto, de muito mais perto do que a maioria das pessoas. Vocês tinham um grupo de um lado que era agressivo. E vocês tinham um grupo do outro lado que era também muito violento. Ninguém quer dizer“, afirmou.

Trump questionou se os dois lados não tiveram responsabilidade sobre o que aconteceu e ao mesmo tempo que condenava os neonazistas afirmava que nem todos os que estavam no local eram neonazistas ou supremacistas brancos.

Na segunda-feira (14), Donald Trump declarou que o “racismo é mau” e qualificou aqueles que praticam a violência em seu nome, como o Ku Klux Klan (KKK), os neonazistas e os supremacistas brancos, como “criminosos e bandidos“.

As declarações de Trump surgem 48 horas depois dos incidentes violentos de Charlottesville e depois de muitas criticas pelas declarações que fez no sábado.

Em uma primeira reação ao caso, Trump classificou como “terríveis” os acontecimentos em Charlottesville, mas sem mencionar de forma direta os supremacistas brancos que tinham convocado a marcha, entre eles David Duke, ex-líder do Ku Klux Klan, movimento de supremacia branca, e os elementos que exibiam símbolos ligados ao regime nazista.

A Casa Branca sentiu a necessidade de esclarecer no domingo que o presidente condenava “todas as formas de violência, intolerância e de ódio” e “todos os grupos extremistas”, incluindo os movimentos associados à supremacia branca.

Donald Trump tem sido igualmente criticado sobre seu consultor estratégico, Steve Bannon, conotado com a extrema direita, que dirigiu o Breitbart, portal da extrema direita norte-americana, mas nesta terça-feira também o defendeu, afirmando que é um homem bom e não um racista.

“É alguém de bem, não um racista, é um amigo“, disse, acrescentando depois que Bannon chegou tarde à sua equipe. “Vamos ver o que acontece ao senhor Bannon”.

// ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Mandetta diz à CPI que Bolsonaro ignorou a ciência no combate à covid-19

Ex-ministro afirma que presidente queria alterar bula da cloroquina para que fosse indicada no tratamento contra o coronavírus. Falta de unidade nas ações do governo confundiu população e afetou combate à doença, avalia. O ex-ministro da …

Vacina EpiVacCorona tem eficácia de mais de 90%, segundo desenvolvedor

Especialista do centro desenvolvedor da EpiVacCorona informou que os estudos aleatórios em grupos imunizados mostram uma eficácia de mais de 90%. Os anticorpos contra o novo coronavírus, após a vacinação com o imunizante russo EpiVacCorona, se …

Covid: 5 motivos que explicam por que Índia recebe mais ajuda do mundo que Brasil

Hospitais em colapso. Pacientes sem vagas nas UTIs. Falta de oxigênio para quem precisa. O cenário devastador que assola a Índia agora durante a pandemia de covid-19 foi o mesmo do Brasil de algumas semanas atrás. …

Google tem sistema para busca de postos de vacinação contra covid

A partir de agora, o Google vai te ajudar a encontrar o lugar mais próximo para você tomar aquela dose tão sonhada da vacina contra a covid-19. A ferramenta se baseia em buscas do tipo ‘como …

Pessoas vacinadas serão isentas de restrições sanitárias na Alemanha

A Alemanha pretende suspender algumas restrições para as pessoas que já foram vacinadas contra o coronavírus. Quem já foi imunizado não será mais obrigado a apresentar um teste negativo para entrar em lojas que …

Com a tecnologia atual não teríamos nenhuma chance contra esse asteróide

Um asteróide fictício vindo em direção a Terra se mostrou mais poderosos que todos os cientistas. Um grupo de especialistas de agências espaciais dos EUA e da Europa participou de um exercício de uma semana liderado …

Divórcio de Bill e Melinda Gates: as dúvidas sobre o destino de fortuna de US$ 124 bilhões

Bill e Melinda Gates anunciaram na segunda-feira (03/05) que vão se divorciar após 27 anos juntos, pondo fim a um dos casamentos mais famosos do mundo dos negócios. Eles se conheceram na década de 1980, quando …

Atraso para tomar 2ª dose não prejudica imunização contra a COVID-19, explica infectologista

Pelo menos nove capitais brasileiras suspenderam a aplicação da segunda dose da vacina contra a COVID-19 fabricada pelo Instituto Butantan, a CoronaVac. Os municípios alegam que as mudanças nas regras do Ministério da Saúde prejudicaram …

Viaduto de metrô desaba no México e deixa mais de 20 mortos

Colapso de estrutura sobre movimentada avenida deixa 70 feridos na Cidade do México. Linha de metrô que trafegava pelo viaduto foi inaugurada há menos de dez anos. Ao menos 23 pessoas morreram e 70 ficaram feridas …

Converse abre loja virtual na famosa Ilha de Lixo do Pacífico

A Converse quer ajudar a limpar a ilha de Lixo do Pacífico por meio de uma campanha de conscientização que uniu criativos de todo o mundo. A marca de calçados juntou um grupo de jovens artistas …