A vaca pode se tornar o maior mamífero terrestre do mundo

Dave Wild / Flickr

Em poucos séculos, e caso a extinção animal continue no ritmo atual, a vaca pode se tornar o maior mamífero terrestre do mundo.

A expansão do Homo sapiens levou a uma tendência de retração no tamanho médio dos mamíferos para um décimo. Os seres humanos causaram um impacto significativo na extinção de algumas espécies, um fenômeno que tem ocorrido há cerca de 125 mil anos.

Felisa Smith, da Universidade do Novo México e coordenadora do estudo publicado recentemente na Science, explica que “quanto maior o animal, maior a probabilidade de extinção”. O estudo conclui que a vaca pode se tornar o maior mamífero terrestre do mundo se a extinção continuar no ritmo atual.

Ao El País, a bióloga explica o fenômeno de extinção por tamanho. Os humanos começaram a caçar as grandes espécies por causa da carne, fazendo com que as criaturas de tamanho pequeno acabassem por sobreviver, caso dos roedores, por exemplo.

“Do ponto de vista histórico da vida, faz algum sentido. Se matar um coelho, vai alimentar sua família por uma noite. Se pode matar um grande mamífero, vai alimentar [toda] a sua aldeia”, sustenta Kate Lyons, bióloga e coautora do estudo, em comunicado da Universidade de Nebraska-Lincoln, citado pelo Público.

Estudos anteriores mostravam que o fenômeno teria começado na Austrália há 35 mil anos. A pesquisa prova que não é recente, tendo começado cerca de 90 mil anos antes do que se pensava, na África. Além disso, conclui que existe um padrão muito claro de extinção com base no tamanho das espécies.

Os pesquisadores analisaram as tendências de extinção de grandes mamíferos ao longo de 125 mil anos, e compilaram dados sobre a massa corporal, distribuição geográfica e o tipo de alimentação de 3.300 espécies de mamíferos.

Os resultados mostraram que os fósseis foram se tornando cada vez menores ao longo do tempo. Enquanto que o risco de extinção não aumentou em função do tamanho corporal, a análise por continentes mostra uma coincidência temporal entre a expansão da nossa espécie e a redução do tamanho das espécies.

Há 125 mil anos, o mamífero africano médio já era 50% menor do que mamíferos em outros continentes não povoados. Isso significa que, à medida que a ocupação humana começou a se expandir, outras “extinções por tamanho” ocorreram em regiões e períodos coincidentes com os padrões da migração da nossa espécie.

Assim, o estudo conclui que, dentro de algumas centenas de anos, “o maior mamífero da Terra pode muito bem ser uma vaca doméstica com cerca de 900 quilos“. Elefantes, girafas e hipopótamos podem ser extintos. Aliás, em março desse ano, morreu o último rinoceronte-branco-do-norte, no Quênia.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Guaidó desafia proibição de deixar Venezuela e inicia giro internacional em busca de apoio

O opositor venezuelano Juan Guaidó voltou a desafiar a proibição de deixar o país. O autoproclamado presidente interino viajou para a Colômbia, antes de seguir para Bélgica e Suíça. Ele pretende participar do Fórum …

FMI prevê melhora para economia brasileira, apesar da redução do crescimento mundial

O Fundo Monetário Internacional reduziu nesta segunda-feira (20) sua expectativa de crescimento global para este ano. A instituição é mais otimista sobre a situação do Brasil, que deve crescer nos próximos anos. O FMI disse …

Harry diz estar triste por deixar deveres reais

O príncipe Harry falou neste domingo (19/01) de sua tristeza por ser obrigado a desistir de seus deveres reais em um acordo com a família real britânica, dizendo não haver outra opção se ele e …

Ultrassom destrói células cancerosas

Cientistas do Instituto de Tecnologia da Califórnia e do Instituto de Pesquisa Beckman da Cidade da Esperança desenvolveram uma técnica de ultrassom direcionado de baixa intensidade que mata células cancerígenas sem afetar as células saudáveis …

Robôs são maior ameaça à humanidade que mudança climática, segundo especialista

Especialista em inteligência artificial acredita que robôs podem ser hackeados por terroristas, além de outros problemas, tornando-os potencialmente perigosos para o homem. Se por um lado a tecnologia pode ajudar o homem em suas tarefas do …

Sem capacidade para reciclar, Malásia devolve lixo para países desenvolvidos

A Malásia devolveu 150 contêineres de lixo ilegal para seus países de origem. Entre eles estão os Estados Unidos, a França, o Reino Unido e o Canadá, anunciaram as autoridades nesta segunda-feira (20). Segundo …

Defesa de Trump diz que processo de impeachment é ilegal

Em primeira manifestação formal desde o início do julgamento do presidente, defesa acusa oposição democrata de tentar interferir nas eleições de 2020. Os advogados do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disseram neste sábado que o …

Cidade de interior de SP inicia tarifa zero no transporte público

Enquanto diversas capitais ao redor do país aumentam o valor das passagens no transporte público, algumas outras cidades pensam diferente. Se o transporte coletivo gratuito parece um sonho inalcançável e utópico, algumas administrações públicas buscam maneiras …

Quantos anos de vida saudável os ricos ganham em relação aos pobres?

Um novo estudo europeu e americano descobriu que os ricos possuem cerca de nove anos de vida saudável a mais do que os pobres. A pesquisa foi bastante abrangente – os cientistas analisaram dados de mais …

O país sul-americano que deve crescer 14 vezes mais que a China neste ano

A Guiana ganhou na loteria e está prestes a resgatar o prêmio. Seus vizinhos, especialmente a Venezuela, aguardam intrigados para saber em que ela vai gastar. De acordo com o Fundo Monetário Internacional (FMI), a economia …