“Alternativa ao meu acordo é não haver acordo”, avisa Theresa May

Stephanie Lecocq / Lusa

Theresa May, primeira-ministra britânica

Theresa May continua a defender seu plano e se mantém irredutível, apesar da divisão no próprio partido. A primeira-ministra britânica alertou nesta segunda-feira (17) que só existem duas opções para o Brexit: seu plano de divórcio, conhecido como Chequers, ou uma saída sem acordo com a União Europeia (UE).

“Creio que a alternativa à aprovação do meu plano pelo Parlamento britânico será que não teremos um acordo”, disse Theresa May em entrevista à BBC. No fundo, a primeira-ministra britânica deixou um aviso ao Parlamento do Reino Unido: ou aceita seu acordo ou não haverá acordo algum.

O plano Chequers contempla criar uma área de livre comércio para bens depois do Brexit, o que evitaria os controles de alfândega e manteria aberta a fronteira irlandesa.

No entanto, os deputados conservadores mais eurocéticos, entre os quais o ex-ministro dos Negócios Estrangeiros Boris Johnson, rejeitam a possibilidade, que deixaria o Reino Unido ligado aos outros 27 Estados-membros e dificultaria a negociação de acordos comerciais com países exteriores à UE. Os eurocéticos propõem utilizar tecnologia já existente para evitar uma fronteira visível.

Na entrevista, May admite a necessidade de um “movimento de mercadorias livre de fricções”, sem alfândegas ou controles reguladores entre o Reino Unido e a União Europeia na ilha da Irlanda para evitar uma fronteira física.

O objetivo do Reino Unido é evitar uma fronteira visível entre a República da Irlanda e a província britânica da Irlanda do Norte para não prejudicar o processo de paz.

Já nesta segunda, Johnson voltou a criticar o plano de May, ao afirmar, ao Daily Telegraph, que o fracasso do governo em resolver a questão irlandesa levou a uma “abominação constitucional”. “Pela primeira vez desde 1066 (conquista normanda da Inglaterra), nossos líderes consentem deliberadamente a uma autoridade estrangeira”.

Johnson acrescentou que o plano Chequers implica que o Reino Unido “permaneça efetivamente na união aduaneira e grande parte do mercado único”.

O diário The Times escreve que a UE parece estar disposta a aceitar uma fronteira irlandesa “sem fricções”. Segundo o jornal, o negociador comunitário, Michel Barnier, trabalha em um novo plano para utilizar tecnologia que permitiria minimizar os controles aduaneiros.

A questão da fronteira irlandesa, que nem Londres nem Bruxelas querem reintroduzir, é uma das principais dificuldades nas negociações do Brexit, que as duas partes querem concluir até a cúpula de outubro ou, no mais tardar, no início de novembro, poucos meses antes do “divórcio”, previsto para 29 de março de 2019.

O Brexit será um dos assuntos em discussão na cúpula informal de quinta-feira (20) em Salzburgo.

Ciberia, Lusa // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Esconderijo moedas de ouro medievais são descobertas em uma fazenda na Hungria

No século XVI, um ataque do Império Otomano pode ter levado húngaros em pânico a enterrar um estoque de valiosas moedas de prata e ouro. Agora, arqueólogos descobriram este tesouro enterrado em uma fazenda moderna …

Vacina covid-19. As respostas para as 10 perguntas mais procuradas sobre vacinação nas últimas 24 horas

A aprovação da CoronaVac (Sinovac/Instituto Butantan) e da CoviShield (FioCruz/Universidade de Oxford/AstraZeneca) representou um enorme avanço para conter a pandemia de covid-19, que já vitimou quase 210 mil brasileiros. Essas duas vacinas são as primeiras …

Satélites Starlink agora são invisíveis a olho nu, mas não para telescópios

Quando a SpaceX lançou as primeiras 60 unidades da rede Starlink em maio de 2019, a comunidade científica expressou preocupações, prevendo que as observações astronômicas seriam afetadas pelo brilho das unidades que compõe a constelação …

Sites de Apostas Legalizados no Brasil: fique atento

Com o crescimento dos sites de apostas esportivas, é preciso ficar atento a quais deles atuam de maneira legal no mercado e quais estão trabalhando ilegalmente. Infelizmente, os novatos no mundo das apostas podem acabar tendo …

Europa e EUA exigem que Rússia liberte Alexei Navalny

Detenção do ativista russo gera onda de condenações no Ocidente, sendo classificada como tentativa inaceitável de silenciar o crítico de Putin que foi alvo de envenenamento. Juiz determina prisão preventiva por 30 dias. A União Europeia, …

"O que vai curar a economia é a vacinação", diz economista do setor de comércio brasileiro

A Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) reduziu a previsão de crescimento do setor mesmo com o início da vacinação. Para discutir a questão, a Sputnik Brasil conversou com Fábio Bentes, …

Covid-19: Austrália não deve reabrir fronteiras antes de 2022

A Austrália não deve reabrir suas fronteiras para viajantes estrangeiros em 2021, apesar do avanço das campanhas de vacinação em todo o mundo. A afirmação é do secretário da Saúde, Brendan Murphy, um dos …

Burger King revela seu 1º sanduíche 100% vegano

As lojas britânicas do Burger King agora têm um sanduíche inteiramente vegano. Desde o último dia 11 de janeiro a rede de fast food disponibiliza em seu cardápio no país o Vegan Bean Burger, um …

Novo implante controla fome e pode substituir cirurgia bariátrica

Um implante simples de um dispositivo sem fio, que controla o apetite, pode substituir a cirurgia bariátrica. Ele foi criado por médicos e pesquisadores da Universidade A&M do Texas, EUA e pode ajudar na perda de …

Amazon abre tecnologia da Alexa para montadoras de carros e outras empresas

A Amazon anunciou nesta sexta-feira (15) que dará a empresas terceiras a possibilidade de acessar a inteligência artificial central que sustenta a Alexa, a assistente de voz da marca. E as montadoras de automóveis serão as …