Encontrado artefato de ouro que identifica o “Titanic” do século XIX

Ellms, Charles / Flickr

Ilustração de 1848 da explosão no navio Pulaski

O navio a vapor Pulaski, conhecido como o “Titanic do seu tempo”, naufragou em 1838, após uma explosão. Afundou em menos de uma hora, levando consigo cerca de um terço da tripulação. Agora, um grupo de mergulhadores descobriu novos tesouros em ouro da embarcação. 

A expedição navegava junto à costa da Carolina do Norte, rumo a Baltimore (EUA), no dia 14 de junho de 1838. Uma explosão nas caldeiras matou inúmeros passageiros e causou danos colossais ao navio.

Em janeiro deste ano, de acordo com o Charlotte Observer, um grupo de mergulhadores encontrou finalmente os destroços do navio, descobrindo inúmeros tesouros, entre os quais um relógio de bolso em ouro, que teria parado poucos minutos depois de ter acontecido a explosão.

O “Titanic do seu tempo” foi expressivo não só pelo número de mortos que causou, mas também pelos passageiros que levava. Entre a tripulação do navio de luxo, estavam incluídos passageiros ricos como o antigo congressista de Nova York, William Rochester e o importante banqueiro e empresário de Savannah, Gazaway Bugg Lamar, um dos homens mais ricos da região.

À luz da época, a tragédia que assolou a embarcação de luxo ficou conhecida na Carolina do Norte como “a mais dolorosa catástrofe já ocorrida na costa americana”.

Mergulhadores da Blue Water Ventures International e do Endurance Exploration Group – que detêm os direitos sobre o local – localizaram agora vários artefatos que sustentam que os vestígios encontrados pertencem, na verdade, ao Pulaski.

Os mergulhadores ainda não conseguiram encontrar o sino cinzelado do navio – o objeto principal utilizado para autenticar um naufrágio –, mas conseguiram encontrar alguns artefatos gravados com o nome do navio, como algumas moedas produzidas antes de 1838.

As 150 moedas de ouro e prata descobertas até agora valem, nos dias de hoje, centenas de milhares de dólares. Nos vestígios, foram também encontrados talheres, chaves, anéis e a âncora do navio.

No entanto, na mais recente expedição, os mergulhadores encontraram um relógio em ouro que acreditam ser a última evidência de que o navio naufragado é mesmo o Pulaski.

Os ponteiros do relógio de bolso em ouro maciço – peça que só os homens mais ricos podiam comprar – estão parados exatamente às 11h05, cinco minutos apenas após o momento em que a caldeira teria explodido.

Certified Collectibles Group / Blue Water Ventures International

Relógio em ouro encontrado após o naufrágio do Pulaski

Ficamos chocados“, afirmou Max Spiegel, do Grupo Certified Collectables, que cuida da preservação dos artefatos do Pulaski.

“É muito incomum ver um artefato com este tipo de impressão de um momento histórico, quando um navio afundou. Pensemos sobre quão frágeis são os ponteiros, mas como sobreviveram nessa posição exata. É uma das descobertas mais emocionantes já feitas e já encontramos meia dúzia de naufrágios”, disse.

A exploração dos restos do navio afundado poderá nos ajudar a compreender melhor a história. Aliás, estas descobertas já mudaram um pouco o que sabíamos sobre o Pulaski: o naufrágio foi descoberto a 40 milhas da costa da Carolina do Norte, um pouco mais longe do que se estimava através dos primeiros relatos do desastre.

Os pesquisadores esperam ainda encontrar evidências que permitam explicar o motivo que levou à explosão. Esse tipo de explosão não era raro na época em navios a vapor, porém, a tripulação pode ter “puxado” o navio para além de suas capacidades, tentando chegar mais rápido ao destino e fazendo, consequentemente, com que a caldeira explodisse.

E as expedições continuam.

O desastre do navio Pulaski ocorreu há 180 anos, provando a morte de 128 pessoas. Apenas 59 sobreviveram.

Ciberia // Mental Floss / ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

EUA: Estudo traz primeiros resultados 'promissores' de vacina de RNA mensageiro contra Aids

Uma vacina usando a tecnologia de RNA mensageiro, a mesma que algumas vacinas contra a Covid-19, pode ser usada desta vez contra a Aids. É o que mostram os primeiros resultados promissores de testes …

Viagem de Lula à Argentina visa fortalecer governo de Fernández e teoria de lawfare contra Kirchner

O ex-presidente Lula será o primeiro estrangeiro a discursar diante de uma multidão na Praça de Maio, em Buenos Aires, em um ato destinado a renovar o vínculo do governo argentino com o seu …

Após EUA, vários países se mobilizam em boicote aos Jogos Olímpicos de Inverno de Pequim

Reino Unido, Austrália, Canadá, Nova Zelândia seguiram os passos dos Estados Unidos e anunciaram que também vão participar do “boicote diplomático” aos Jogos Olímpicos de Inverno de Pequim, previstos para fevereiro. Os países acusam …

Musk anuncia que Neuralink testará microchips neuronais em humanos em 2022

O bilionário e empreendedor norte-americano referiu que já testou com sucesso um implante cerebral em um macaco, e quer agora que essa tecnologia seja aplicada em humanos. Os humanos poderão ter implantes cerebrais da empresa Neuralink …

Cientistas americanos encontram substância contra coronavírus em algas para sushi

Biólogos americanos esperam que sua descoberta ajude na criação de tratamentos antivírus com base em plantas. Os cientistas determinaram que o sulfato de rhamnan – polissacarídeo componente das algas verdes Monostroma nitidum, utilizadas para embrulhar o …

Mulheres comandam metade dos ministérios no governo Scholz

Futuro chanceler confirma nomes finais do seu governo, que deverá começar os trabalhos ainda esta semana. Percentual de mulheres no comando de ministérios federais é o maior da história da Alemanha. O próximo chanceler federal da …

Biden e Putin fazem videoconferência para tentar resolver impasse na Ucrânia

Joe Biden e Vladimir Putin se preparam para uma vídeoconferência nesta terça-feira (7) em um momento em que as tensões entre Washington e Moscou se intensificam com rumores de uma iminente invasão da Ucrânia …

Aung San Suu Kyi é condenada a 4 anos de prisão

Líder deposta por golpe militar em Mianmar enfrenta série de acusações que a Anistia Internacional chama de falsas. Novo veredicto deve sair nos próximos dias. A líder deposta de Mianmar, Aung San Suu Kyi, foi condenada …

Em último vídeo do mandato, Merkel pede que população se vacine

A chanceler alemã Angela Merkel, que deixará o poder na próxima quarta-feira (8), voltou a defender neste sábado (4) a vacinação contra a Covid-19, no último de uma série de mais de 600 vídeos …

Descobrem na China ferramenta de marfim de 99 mil anos, possivelmente a mais antiga do país

Pesquisadores desenterraram uma pá de marfim datada de há cerca de 99.000 anos em um sítio arqueológico do Paleolítico na província chinesa de Shandong. Acredita-se que o objeto seja uma das primeiras ferramentas de osso utilizadas …