Ataque químico na Síria foi encenado, diz general russo

(dr) Maysun

Em coletiva de imprensa, o general do Estado-maior russo, Viktor Poznikhir, acusou a oposição de ter encenado o ataque com armas químicas contra Douma.

O general russo Viktor Poznikhir afirmou nesta quarta-feira (12) que a situação em Ghouta Oriental, último grande base rebelde na Síria, “está completamente estabilizada” e acusou a oposição de ter encenado o suposto ataque com armas químicas contra Douma.

“As forças armadas russas concluem sua operação humanitária maciça em conjunto com as forças governamentais sírias” na região, disse o general do Estado-Maior russo em coletiva de imprensa.

Poznikhir disse que os últimos combatentes rebeldes “estão neste momento saindo de Douma” e “não houve nenhum disparo ou confronto nos últimos cinco dias” em toda a região de Ghouta, nos arredores de Damasco.

No total, 41.213 pessoas, incluindo 3.354 rebeldes e 8.642 familiares de rebeldes, deixaram Douma com a ajuda das forças russas, afirmou.

Nesta fase, afirmou, a partir desta quinta-feira (13), a Rússia vai fornecer suas unidades de polícia militar para Douma a fim de garantir a segurança da cidade. “Uma unidade da polícia militar russa será destacada a partir de quinta para garantir a segurança, manter a ordem e organizar a assistência aos habitantes de Douma”, disse.

O general disse, por outro lado, que o ataque químico contra Douma, que a oposição e países ocidentais atribuíram às forças do regime, foi “encenado para as câmeras” pelos “capacetes brancos”, organização de voluntários que resgata vítimas das zonas controladas pelos rebeldes.

“Operando exclusivamente nas fileiras dos terroristas, os capacetes brancos encenaram mais uma vez para as câmeras um ataque químico contra civis na cidade de Douma”, disse o general. Segundo Poznikhir, oficiais russos recolheram amostras em Douma nas quais não foi detectado qualquer vestígio de um ataque químico.

Além disso, afirmou, médicos de um hospital local disseram aos comandantes russos que não trataram nenhuma vítima do suposto ataque e residentes de Douma disseram não ter tido conhecimento de qualquer funeral de vítimas de um ataque químico.

O general insistiu que as alegações contra as forças sírias são “falsas” e repetiu a disposição da Rússia para garantir a segurança de peritos independentes que se deslocam à região para investigar o ataque.

Khuder Al-Issa / Unicef

Menino sírio

500 pessoas com sintomas de exposição a ataque químico em Douma

De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), citada pela TSF, 500 pessoas apresentaram sintomas consistentes com a exposição a ataques químicos.

A OMS condenou o suposto ataque químico do regime de Assad e pediu acesso imediato a Douma para dar assistência às vítimas. O regime sírio é acusado de ter usado armas químicas em ataques no sábado (7) na cidade de Douma, arredores de Damasco.

No entanto, o regime de Assad continua a negar o uso de qualquer arma química. A OMS citou relatórios que confirmam a morte de, pelo menos, 70 pessoas devido à exposição a elementos químicos.

À BBC, Peter Salama, da Organização Mundial de Saúde, exigiu “com caráter imediato o acesso irrestrito aos afetados, de forma a avaliar os impactos na saúde e fornecer uma resposta abrangente de saúde pública”.

Casa Branca desmente iminência de ataque: “Há outras opções”

Depois de na terça-feira (10) Donald Trump ter ameaçado a Rússia dizendo que os mísseis “suaves, novos e inteligentes” estavam chegando à Síria, o presidente dos EUA veio agora afirmar que tem “outras opções” em cima da mesa.

Assim, a Casa Branca desmente a iminência de um ataque, que levou até a Rússia a dizer que está pronta para abater qualquer míssil dos Estados unidos que tenha como destino o território sírio.

A porta-voz da Casa Branca, Sarah Sanders, assegurou que os mísseis “não são a única opção. Há outras sobre a mesa”.

Sanders assegurou ainda que o presidente não estabeleceu uma “janela de tempo” concreta e destacou que, durante a manhã, Trump se reuniu com os seus conselheiros de segurança para estudar todas as “possibilidades”.

Tropas sírias controlam a cidade de Douma

O ministério da Defesa da Rússia anunciou que o exército sírio tomou o controle total de Douma, a maior cidade de Ghouta Oriental e última fortaleza dos rebeldes na periferia de Damasco.

Em comunicado, o ministério da Defesa destaca que “a partir de hoje vão estar na cidade unidades da polícia militar das Forças Armadas da Rússia”. Na nota, é também referido que a polícia militar russa “garante a preservação da ordem pública na cidade” da Síria.

Os “últimos rebeldes” da cidade de Douma, último reduto nos arredores de Damasco, entregaram as armas e o líder do grupo Jaich al-Islam abandonou a região, se dirigindo para o norte do país, indica uma organização não-governamental.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

StarShip finalmente levanta voo: a nave que um dia levará cem humanos para Marte e Lua

A SpaceX fez um lançamento de teste com sucesso do seu gigantesco protótipo do StarShip SN5 em Boca Chica, Texas (EUA), a uma altura planejada de 150 metros. A massiva torre de aço inoxidável flutuou no …

EUA conduzem lançamento de teste do míssil balístico Minuteman III

O projétil não tinha ogiva de combate, mas era equipado com três veículos recuperáveis que foram submetidos a testes. Militares dos EUA lançaram na manhã desta terça-feira (4) um míssil balístico Minuteman III a partir da …

Beirute soma mais de 100 mortos e 4000 feridos após explosões

O Líbano vive nesta quarta-feira (5) um dia de luto nacional, após as explosões na região portuária de Beirute, na tarde de ontem. A tragédia soma pelo menos 100 mortos, 4.000 feridos e 300.000 …

Mensagem na areia salva marinheiros desaparecidos no Oceano Pacífico

Trio de marinheiros que havia se desviado de rota e ficado sem combustível foi localizado numa pequena ilha da Micronésia após três dias. Aeronaves avistaram sinal gigante de SOS escrito na areia da praia. Três homens …

Problemas cardíacos duradouros se apresentam em 78% dos pacientes de coronavírus

O entusiastas do retorno da economia para a normalidade defendem suas opiniões geralmente com base no fato da maioria dos pacientes exibirem sintomas leves ou sequer ter qualquer sintoma de coronavírus, comparando negligentemente o Covid-19 …

Governo britânico vai pagar parte da conta de consumo em pubs e restaurantes

Incentivos não vão faltar para quem estava com saudades de frequentar bares, pubs e restaurantes no Reino Unido. Durante o mês de agosto, o governo britânico vai bancar parte da conta de quem sair …

Cientistas revelam origem de estranhos meteoritos encontrados na Terra

Uma equipe de cientistas norte-americanos teoriza que alguns dos meteoritos, que não se encaixam nas duas categorias principais, têm uma origem até hoje desconhecida por astrônomos. Um grupo significante de meteoritos, que existem hoje na Terra, …

Twitter pode ser multado em US$ 250 milhões por abuso de dados dos usuários

O Twitter confessou que, possivelmente, será multado em até US$ 250 milhões pela Comissão Federal de Comércio dos EUA (FTC, no original em inglês) por ter desrespeitado um acordo firmado em 2011 com a agência …

OMS afirma que não há solução milagrosa para lutar contra Covid-19

A Organização Mundial de Saúde avisou na segunda-feira que não há, nem haverá uma solução milagre contra a pandemis de Covid-19, não obstante a corrida que se verifica actualmente de forma a descobrir uma vacina …

Alemanha quer exigir de viajantes teste de covid-19 feito antes de embarque

Ministro da Saúde alemão defende que passageiros vindos de territórios de risco, incluindo o Brasil, apresentem exame negativo realizado em país de origem para entrar na Alemanha. O ministro da Saúde alemão, Jens Spahn, defendeu nesta …