Doença pode explicar a enigmática pintura de Mona Lisa

Musée du Louvre / Wikimedia

Mona Lisa (p.), por Leonardo Da Vinci

Um estudo recente, que analisou as possíveis condições médicas visíveis no retrato de Mona Lisa, sugere que Lisa Gherardini pode ter sofrido de hipotireoidismo, patologia associada ao funcionamento insuficiente da tiroide. 

Mona Lisa, também conhecida como La Gioconda ou (La Joconde), tem fascinado artistas, cientistas, profissionais da pequisa médica e até mesmo ladrões durante séculos. Um estudo, publicado este mês nos Mayo Clinic Proceedings, pode revelar um pouco mais sobre a icônica figura.

A pintura de Mona Lisa atraiu a atenção da comunidade médica em 2004, quando uma equipe de reumatologistas e endocrinologistas sugeriu que as lesões na pele e os inchaços nas mãos visíveis no retrato de Da Vinci poderiam indicar um distúrbio lipídico e uma patologia cardíaca.

Os pesquisadores afirmaram que a hiperlipidemia familiar (excesso de gordura no sangue) e a aterosclerose prematura (degradação degenerativa das artérias) poderiam ter causado a morte de Lisa Gherardini. Os cientistas propuseram ainda que o famoso sorriso de Mona Lisa pode ter sido resultado de outra condição médica, a paralisia de Bell.

Depois de analisarem a pintura novamente, os médicos Mehra e Campbell descobriram que hipotireoidismo clínico era o diagnóstico mais provável, uma vez que Lisa Gherardini viveu durante 63 anos.

“O enigma da Mona Lisa pode ser resolvido com um simples diagnóstico médico de uma doença relacionada com o hipotireoidismo”, disse Mehra citado pelo SciNews.

“De muitas formas, é o fascínio por essas imperfeições causadas pela doença que dão à obra-prima sua misteriosa realidade e encanto”, acrescentou o pesquisador.

Caso Lisa Gherardini sofresse de uma doença cardíaca e de um distúrbio lipídico, era pouco provável que tivesse vivido até uma idade tão avançada, uma vez que os tratamentos disponíveis na época, na Itália do século XVI, eram muito limitados.

Mehra apontou o cabelo fino de Mona Lisa, a pele amarelada e o possível bócio como evidência visuais do hipotireoidismo. “A dieta dos italianos durante o Renascimento era pobre em iodo, e os bócios (glândula da tiroide inchada) resultantes eram comumente representados através de pinturas e esculturas da época”, explicou.

“Além disso, Lisa Gherardini tinha dado à luz pouco antes de ser retratada, o que indica a possibilidade de tireoidite pós-parto”, afirma o pesquisador.

Foi Francesco del Giocondo, um rico negociante de seda em Florença, na Itália, que contratou Leonardo da Vinci para produzir um retrato da sua esposa. A obra-prima foi pintada logo após o nascimento de seu filho, Andrea, em 1502. Apesar de as evidências serem escassas, acredita-se que a pintura tenha começado em 1503.

Posteriormente, a obra foi levada para a França, em 1516, país onde foi concluída e decorou a corte do Rei Francisco I, até sua exibição permanente no Museu do Louvre, em 1797, onde se encontra até hoje.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Cidade é a 1 ª da América do Norte a ter doação automática de órgãos

A Nova Escócia acaba de se tornar a primeira jurisdição na América do Norte a implementar a doação automática de órgãos para quem vive na região. A nova Lei de Doação de Órgãos e Tecidos Humanos …

O maior mar da lua Titã pode ter mais de 300 metros de profundidade

Os oceanos da Terra não são os únicos que guardam vários mistérios ainda não explorados: os lagos e mares de Titã, a maior lua de Saturno, também são enigmáticos. Assim, em um novo estudo, astrônomos …

Xi deixa alerta para Biden: protecionismo norte-americano pode gerar 'nova Guerra Fria'

O líder chinês deixou um aviso para o presidente norte-americano, Joe Biden: os EUA arriscam entrar em uma nova Guerra Fria se continuarem com as políticas protecionistas do ex-presidente Donald Trump. Em um discurso virtual na …

Polícia prende ladrões que abriam túmulos e roubavam crânios para rituais nos EUA

A polícia do condado de Lake, no estado da Flórida, nos EUA, prendeu dois homens acusado de violarem sepulturas e roubarem crânios e ossos no cemitério Edgewood, na região. A investigação utilizou DNA encontrado em charuto, …

Instituto Pasteur abandona projeto de vacina contra Covid-19

O Instituto Pasteur da França anunciou nesta segunda-feira o abandono do seu principal projeto de vacina contra a Covid-19, após os resultados decepcionantes dos primeiros testes clínicos. "As respostas imunológicas induzidas foram inferiores às observadas …

Biden reimpõe restrições para passageiros procedentes do Brasil

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, restabeleceu nesta segunda-feira (25/01) a proibição da entrada no país de pessoas procedentes da União Europeia, Reino Unido e Brasil para conter a pandemia de covid-19. A nova …

Quem é 'el Chapo asiático' que foi preso acusado de controlar mercado de drogas de R$ 380 bilhões

A polícia holandesa prendeu o suposto chefe de uma das maiores quadrilhas de tráfico de drogas do mundo: Tse Chi Lop, apelidado de "El Chapo" da Ásia. O cidadão canadense nascido na China é apontado como …

Homem recebe primeiro transplante duplo de braço e ombro

A ciência cada vez mais evoluída. Um homem da Islândia foi o primeiro do mundo a receber um transplante duplo de braço e ombro. A cirurgia foi um sucesso e o paciente, o islandês Felix Gretarsson, …

Bolsonaro pode enfrentar um tribunal internacional por crimes contra a humanidade

Jair Bolsonaro pode enfrentar acusações no Tribunal Penal Internacional (TPI) depois de ser acusado de crimes contra a humanidade. Líderes indígenas no Brasil e grupos de direitos humanos estão pedindo ao tribunal que investigue o presidente …

Presidente mexicano López Obrador é diagnosticado com Covid-19

O presidente do México, Andrés Manuel López Obrador, 67 anos, entrou para a lista dos líderes mundiais que foram infectados pela Covid-19. Ele informou nesse domingo (24) que testou positivo para o novo coronavírus, …