O cérebro usa dois relógios para prever o futuro

O ser humano realiza previsões temporais das formas distintas que dependem de diferentes partes do cérebro. Um tipo depende de memórias de experiências passadas e o outro depende do ritmo.

Cientistas da Universidade da Califórnia descobriram que o cérebro usa dois “relógios” para realizar previsões temporais que se encontram em partes diferentes do órgão.

Esse estudo, publicado em 13 de novembro na revista Proceedings of the National Academy of Sciences, sugere que “existem duas maneiras diferentes” em que os sistemas cerebrais “nos permitem não apenas existir”, mas também “antecipar o futuro de forma ativa”, explicou o especialista que liderou a pesquisa, Assaf Breska.

Assim, um desses mecanismos internos se baseia nas experiências do passado e está ligado ao cerebelo, enquanto que o outro depende do ritmo e está ligado aos núcleos da base. Ambos são regiões essenciais do cérebro, associadas ao movimento e à cognição.  

O sistema baseado no ritmo “é sensível a eventos periódicos, como o que é inato à fala e à música”. Por outro lado, “o sistema de intervalos proporciona uma capacidade de antecipação mais geral, sensível às regularidades temporais mesmo na ausência de um sinal rítmico”.

Um exemplo da primeira situação seria mover o corpo antes da primeira nota da música que esperamos, enquanto o segundo seria ilustrado ao pressionar o pedal do acelerador uma fração de segundo antes de a luz do semáforo mudar de vermelho para verde.

Os pesquisadores estudaram como o tempo de antecipação diferiu entre pessoas com o mal de Parkinson e degeneração cerebelar. Para testar os diferentes graus desse tempo, foram usadas pistas temporais para medir os níveis de atenção.

“Testamos indivíduos com degeneração cerebelar ou mal de Parkinson, com o último servindo como um modelo de disfunção dos núcleos da base”, explicou Breska.

Cada grupo visualizou uma sequência de quadrados vermelhos, brancos e verdes que avançavam em uma tela. Depois, foram orientados a apertar um botão quando vissem um quadrado verde. O quadrado branco servia como um alerta de que o quadrado verde apareceria em seguida.

A sequência seguinte de quadrados consistia em quadrados da mesma cor passando em um ritmo constante. Foi verificado que os pacientes com degeneração cerebelar responderam bem a essas sugestões.

Outra sequência seguiu um padrão mais complexo com um intervalo mais aleatório de quadrados vermelhos e verdes. Isso foi mais fácil para aqueles com mal de Parkinson.

“Mostramos que os pacientes com degeneração cerebelar são prejudicados no uso de pistas temporais não-rítmicas, enquanto pacientes com degeneração dos núcleos da base associados ao mal de Parkinson são prejudicados no uso de pistas rítmicas”, concluíram.

As descobertas desafiam a ideia de que um único sistema cerebral lida com todas as nossas necessidades temporais e sugere que, se um desses “relógios neuronais” falhar, o outro poderia assumir suas tarefas.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Demi Lovato vai comandar programa de TV investigativo sobre OVNIs

A atriz e cantora Demi Lovato está prestes a se aventurar em um desafio de outro mundo. A artista anunciou na última semana a sua participação em uma série limitada para a plataforma de streaming …

CPI da Covid: como 'isolamento vertical' pode virar arma contra Bolsonaro

Uma das linhas de investigação da CPI da Covid apura se o governo federal adotou a estratégia da imunidade de rebanho, ou seja, a obtenção da imunidade coletiva por meio da infecção da população, no …

Astrônomos continuam encontrando inexplicáveis anéis circulares misteriosos no céu

Nos últimos anos, astrônomos avistaram vários objetos de rádio gigantescos e quase perfeitamente circulares no universo distante. Embora ninguém tenha uma explicação para essas entidades misteriosas ainda, uma equipe adicionou recentemente outra ao seu catálogo, …

Conflito tem seu dia mais sangrento em Gaza

Bombardeios israelenses deixam pelo menos 42 palestinos mortos e elevam total de vítimas a 188. Netanyahu diz que ataques continuarão. Sem um cessar-fogo à vista, o atual conflito entre Israel e Hamas teve neste domingo (16/05) …

Apple é acusada de enganar usuários através de aplicativos fraudulentos na App Store

A Apple segue batendo recordes financeiros. No entanto, escândalos um atrás do outro aumentam a preocupação em torno da App Store. Após chamar a atenção internacional com as recentes revelações sobre a existência de cassinos ocultos …

Chile escolhe representantes para elaborar nova Constituição

O domingo foi o último dia de votação no Chile para a escolha dos redatores da nova Constituição do país. Os 155 representantes eleitos terão a tarefa de mudar o texto herdado da ditadura. …

China consegue pousar veículo não tripulado em Marte

A China conseguiu neste sábado pousar um veículo autônomo não tripulado em Marte. A fase final da operação Tianwen-1 aconteceu sem falhas, informou a TV estatal chinesa, que transmitiu um programa especial chamado Alo …

Lewandowski permite que Pazuello fique em silêncio na CPI

Ex-ministro da Saúde será obrigado a comparecer ao depoimento, mas não precisará responder perguntas que possam incriminá-lo. No entanto, será obrigado a falar a verdade em fatos e questões relacionados a terceiros. O ministro do Supremo …

Como o coronavírus afeta o fígado

O SARS-CoV-2, vírus causador da covid-19, mudou completamente a cara do mundo que conhecíamos até então. Ele afetou praticamente todos os aspectos da vida cotidiana e causou mudanças substanciais nas ciências da saúde e, portanto, na …

'Síndrome de Havana': lesão cerebral atinge ao menos 130 diplomatas e oficiais americanos, dizem EUA

Diplomatas, agentes da CIA e oficiais de defesa dos EUA relataram sintomas graves da perturbação conhecida como "síndrome de Havana" nas últimas semanas. O elevado número de casos causa espanto. Nas últimas semanas, foram relatados mais …