Florence já fez 5 mortos (e pode causar epidemia de cobras venenosas)

Jim Lo Scalzo / EPA

Cinco pessoas morreram e outras dezenas ficaram presas em casa na Carolina do Norte, nos Estados Unidos, depois de vários rios terem transbordado devido ao furacão Florence. Os meteorologistas alertam que as inundações vão piorar e podem trazer uma epidemia de cobras venenosas ao estado.

As primeiras vítimas mortas confirmadas são uma mulher e seu bebê, que faleceram devido à queda de uma árvore sobre sua casa na cidade de Wilmington, muito próxima ao lugar onde o furacão Florence tocou o solo na manhã deste sábado (15). O pai da criança também sofreu com o impacto da árvore, mas sobreviveu e foi levado para um centro médico próximo.

Quem não chegou ao hospital foi uma mulher de Hampstead, pois a ambulância que foi socorrê-la devido a um ataque cardíaco não conseguiu chegar a tempo devido às árvores no caminho, derrubadas pelos ventos do furacão, que já passou a tempestade tropical.

Posteriormente, o escritório do governador de Carolina do Norte, Roy Cooper, informou que um homem de 78 anos morreu ao ligar um cabo a um gerador elétrico no condado de Leonoir, mesma região na qual, segundo a imprensa norte-americana, outro idoso de 77 anos apareceu morto.

Segundo o canal local CBS 17, a polícia acredita que esta última morte aconteceu na consequência de uma queda provocada por uma rajada de vento, isto quando o homem saiu de casa.

Dessa forma, quatro das mortes foram provocadas de forma direta ou indireta pelos fortes ventos registrados nos estados da Carolina do Norte e da Carolina do Sul. O furacão também deixou mais de meio milhão de pessoas sem eletricidade.

Os locais mais afetados pelo furacão sofrem fortes inundações e a água pode atingir níveis históricos e surpreendentes, como ilustra um canal de meteorologia recorrendo à realidade virtual no vídeo que tem sido compartilhado no Twitter.

Como se tudo já não bastasse, os residentes das áreas afetadas pelo Florence ainda poderão enfrentar uma invasão de cobras venenosas, como alertam alguns especialistas em répteis.

A forte tempestade tropical pode levar todo tipo de cobra a deixar seus habitats naturais na costa, levando-as até zonas habitadas, informa o especialista de répteis, Thad Bowman, ao site Myrtle Beach Online.

seis cobras venenosas nativas da Carolina do Norte e da Carolina do Sul que podem ser letais. “Elas injetam veneno que causa a destruição dos tecidos e a perda de plaquetas, provoca hemorragias e pode causar a morte”, explica o médico Gerald O’Malley, citado pela publicação.

Entretanto, correm rumores e imagens falsas pelas redes sociais sobre supostos tubarões arrastados para terra pelo Florence. Há fotos com supostos tubarões nadando em autoestradas e até notícias falsas sobre essa invasão – que não aconteceu.

Mas, mesmo sem tubarões, os habitantes da costa norte-americana vivem um verdadeiro cenário de terror devido ao Florence, com estragos e dificuldades que se vão prolongar durante muitos dias (talvez anos) depois de o furacão passar.

Ciberia // EFE / ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Analfabetismo funcional influencia a relação com as redes sociais no Brasil

Três entre cada dez brasileiros têm limitação para ler, interpretar textos, identificar ironia e fazer operações matemáticas em situações da vida cotidiana - e, por isso, são considerados analfabetos funcionais. Eles hoje representam praticamente 30% da …

Templo Satânico exige 150 milhões de dólares à Netflix por plágio de estátua

O Templo Satânico, instituição que fica em Massachusetts, abriu um processo contra a Netflix por plagiar uma estátua sua para a série "O Mundo Sombrio de Sabrina" e pediu US$ 150 milhões (R$ 560 milhões) …

Família cria marca de batons veganos e fatura R$ 1,8 milhão

Mãe e filha criaram batons veganos e já faturaram R$ 1,8 milhão desde 2017. Elza e Julia Barroso viraram sócias na empresa, em São Paulo. Os produtos da Face It não fazem testes em bichinhos, não …

DNA da múmia mais antiga das Américas revela a origem dos índios

Cientistas dinamarqueses decifraram o DNA da múmia mais antiga das Américas, encontrada há meio século no sul dos EUA. Durante muito tempo, especialistas acreditaram que os antepassados dos índios modernos tinham se deslocado para as Américas …

Impedido de ver a filha durante 8 anos após acusação de abuso sexual; agora, recebe indenização

Um espanhol, acusado de maus tratos à mulher e abusos sexuais de uma filha, esteve impedido de ver as duas filhas durante oito anos. Agora, vai receber 52 mil euros do Estado espanhol. Em 2007, uma …

Coreia do Norte tem locais secretos (e rudimentares) de armazenamento de mísseis

A Coreia do Norte mantém, pelo menos, 13 bases não declaradas que ocultam mísseis de capacidade nuclear, de acordo com um novo estudo norte-americano publicado esta semana. A revelação gera dúvidas sobre o acordo de …

Morre Stan Lee

O ilustrador Stan Lee, mítico criador da Marvel Comics e pai de alguns dos mais famosos super-heróis de todos os tempos, faleceu nesta segunda-feira (12), aos 95 anos. Segundo notícia divulgada pelo TMZ, uma ambulância …

Buracos negros podem ressuscitar mortos cósmicos (só para matá-los de novo)

Os buracos negros são incríveis fenômenos espaciais que não param de nos surpreender. Um grupo de cientistas descobriu agora que alguns buracos negros podem trazer de volta à vida estrelas “zumbis” – e destruí-las. Os buracos …

Código neuronal da ansiedade pode ter sido finalmente descoberto

Os cientistas podem ter descoberto a assinatura neuronal da ansiedade e da tristeza. De acordo com um novo estudo, esses sentimentos podem estar associados à “conversa” entre duas áreas do cérebro.  Para a descoberta, os cientistas …

Debaixo do gelo da Antártida estão escondidos restos de antigos continentes perdidos

De todos os continentes do planeta, sabe-se pouco sobre a massa gelada da Antártida. Agora, cientistas usaram imagens de satélite para estudar a tectônica da Terra, revelando as estruturas ocultas do continente. Devido à localização remota …