Genética influencia duração do nosso percurso escolar (mas pouco)

Uma equipe de cientistas identificou recentemente mais de 1.200 diferenças em genes que ajudam a explicar o nível de educação que alcançamos.

As mais recentes descobertas lançam agora uma nova luz sobre o papel da genética no que diz respeito ao comportamento humano. Uma equipe de cientistas norte-americana analisou a composição genética e a história educacional de mais de 1,1 milhão de pessoas de 15 países europeus, com 30 anos ou mais, e fez descobertas surpreendentes.

Os pesquisadores encontraram 1.271 variantes genéticas relacionadas com os anos de permanência na escola, isto é, a quantidade de anos que passamos sentados na sala de aula parece ter influência genética.

Apesar de os fatores externos e sociais desempenharem um papel crucial nesta questão, os cientistas afirmam que o DNA também é determinante.

As variantes genéticas não conseguem prever com toda a certeza o sucesso com que um indivíduo irá completar seu percurso escolar, mas os resultados do estudo podem ser bastante úteis em pesquisas futuras no âmbito das ciências sociais, que se concentram no comportamento da população.

Os cientistas descobriram que muitas das variantes afetam genes ativos nos cérebros de fetos e bebês que têm um impacto significativo na criação de células cerebrais e na forma como reagem a novas informações – o que irá afetar a psicologia de um indivíduo.

Daniel Benjamin, professor do Centro de Pesquisa Econômica e Social da Universidade do Sul da Califórnia e um dos autores do estudo, esclarece que o nível de escolaridade é um fenômeno muito complexo. “Esse estudo foca apenas em uma pequena parte de um grande quadro”, afirma, citado pelo Independent.

Não encontramos ‘o gene da escolaridade’. Em vez disso, identificamos muitas variantes genéticas que estão associadas. Embora se acredite que a ciência irá descobrir inúmeras associações entre genes e resultados educacionais, a grande maioria dos traços humanos é complexa e influenciada por muitos – talvez milhões – de genes que, sozinhos, tendem a influenciar muito pouco um resultado muito relevante”, explica o cientista.

O estudo, publicado recentemente na Nature Genetics, refere que, quando combinadas, “as 1.271 variantes explicam 11 a 13% da variação dos anos de escolaridade dos indivíduos, o mesmo valor percentual atribuído a fatores sociais, como o nível educacional da mãe, por exemplo.

No entanto, ter uma baixa “pontuação poligênica”, como chama o coautor Robbee Wedow, não significa que a pessoa não irá alcançar um alto nível de habilitação acadêmica. A ambição do próprio indivíduo, o ambiente familiar, o status socioeconômico e outros tipos de fatores desempenham um papel muito mais preponderante do que os genes.

“O que interessa é a interação complexa entre o ambiente e a genética“, adianta Wedow. Ainda assim, o estudo ajuda a obtermos uma “compreensão um pouco mais clara da arquitetura genética de traços complexos do comportamento, como é o caso da realização educacional”.

É importante ressalvar que os genes não influenciam diretamente a escolaridade. “As variantes que identificamos tendem a ser especialmente ativas no cérebro e estão envolvidas no desenvolvimento neural e na comunicação entre os neurônios”, explicam os cientistas.

Assim, o poder preditivo dos genes no que diz respeito ao nível de escolaridade pode ser resultado de um longo processo, que começa com o desenvolvimento do cérebro, seguido dos traços psicológicos, habilidades cognitivas e até personalidade.

“Todos esses fatores podem interagir com o ambiente circundante. Esses traços, comportamentos e experiências podem influenciar, mas não determinar, a escolaridade”, conclui Daniel Benjamin.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

EUA: Estudo traz primeiros resultados 'promissores' de vacina de RNA mensageiro contra Aids

Uma vacina usando a tecnologia de RNA mensageiro, a mesma que algumas vacinas contra a Covid-19, pode ser usada desta vez contra a Aids. É o que mostram os primeiros resultados promissores de testes …

Viagem de Lula à Argentina visa fortalecer governo de Fernández e teoria de lawfare contra Kirchner

O ex-presidente Lula será o primeiro estrangeiro a discursar diante de uma multidão na Praça de Maio, em Buenos Aires, em um ato destinado a renovar o vínculo do governo argentino com o seu …

Após EUA, vários países se mobilizam em boicote aos Jogos Olímpicos de Inverno de Pequim

Reino Unido, Austrália, Canadá, Nova Zelândia seguiram os passos dos Estados Unidos e anunciaram que também vão participar do “boicote diplomático” aos Jogos Olímpicos de Inverno de Pequim, previstos para fevereiro. Os países acusam …

Musk anuncia que Neuralink testará microchips neuronais em humanos em 2022

O bilionário e empreendedor norte-americano referiu que já testou com sucesso um implante cerebral em um macaco, e quer agora que essa tecnologia seja aplicada em humanos. Os humanos poderão ter implantes cerebrais da empresa Neuralink …

Cientistas americanos encontram substância contra coronavírus em algas para sushi

Biólogos americanos esperam que sua descoberta ajude na criação de tratamentos antivírus com base em plantas. Os cientistas determinaram que o sulfato de rhamnan – polissacarídeo componente das algas verdes Monostroma nitidum, utilizadas para embrulhar o …

Mulheres comandam metade dos ministérios no governo Scholz

Futuro chanceler confirma nomes finais do seu governo, que deverá começar os trabalhos ainda esta semana. Percentual de mulheres no comando de ministérios federais é o maior da história da Alemanha. O próximo chanceler federal da …

Biden e Putin fazem videoconferência para tentar resolver impasse na Ucrânia

Joe Biden e Vladimir Putin se preparam para uma vídeoconferência nesta terça-feira (7) em um momento em que as tensões entre Washington e Moscou se intensificam com rumores de uma iminente invasão da Ucrânia …

Aung San Suu Kyi é condenada a 4 anos de prisão

Líder deposta por golpe militar em Mianmar enfrenta série de acusações que a Anistia Internacional chama de falsas. Novo veredicto deve sair nos próximos dias. A líder deposta de Mianmar, Aung San Suu Kyi, foi condenada …

Em último vídeo do mandato, Merkel pede que população se vacine

A chanceler alemã Angela Merkel, que deixará o poder na próxima quarta-feira (8), voltou a defender neste sábado (4) a vacinação contra a Covid-19, no último de uma série de mais de 600 vídeos …

Descobrem na China ferramenta de marfim de 99 mil anos, possivelmente a mais antiga do país

Pesquisadores desenterraram uma pá de marfim datada de há cerca de 99.000 anos em um sítio arqueológico do Paleolítico na província chinesa de Shandong. Acredita-se que o objeto seja uma das primeiras ferramentas de osso utilizadas …