Ainda há esperança: o genoma do coala pode ser crucial na salvação da espécie

Uma equipe internacional de cientistas identificou mais de 26 mil genes do coala que podem se transformar em pistas preciosas para o desenvolvimento de vacinas e outras soluções que ajudem a salvar a espécie.

Os pesquisadores, que fazem parte do Koala Genome Consortium, sequenciaram mais de 3,4 bilhões de pares de bases do DNA e mais de 26 mil genes no genoma do coala. Essa espécie foi classificada pelo governo australiano como “vulnerável” em 2012 em várias regiões do país, onde a sua sobrevivência era ameaçada pela urbanização e doenças.

O trabalho, publicado recentemente na Nature Genetics, pode ajudar os cientistas a evitar procedimentos invasivos na pesquisa da biologia dos marsupiais. “Estamos agora em uma ótima posição para desenvolver vacinas melhores para tratar os animais” disse à Reuters Katherine Belov, professora na Universidade de Sydney e uma das autoras do artigo.

Segundo o jornal Público, uma das aplicações imediatas desse estudo poderia ser uma vacina para a clamídia, uma doença sexualmente transmissível que tem afetado esses marsupiais, em muitos casos de forma fatal.

Quando o problema da clamídia não é tratado, os coalas podem ficar cegos, desenvolver inflamações graves na bexiga, ficar inférteis e até mesmo morrer. Por sua vez, o tratamento com antibióticos torna muito difícil a digestão das folhas de eucalipto, essenciais na dieta desses animais.

A pesquisa permitiu identificar detalhadamente os genes do sistema imunológico dos coalas, reunindo informação que seria útil para atacar o problema com novas estratégias, como vacinas.

Além da clamídia, o retrovírus do coala (KoRV) é também uma preocupação, mas, por enquanto, sabe-se muito pouco sobre a enfermidade.

“O genoma completo do coala tem sido fundamental para mostrar que um só coala pode ter muitas (mais de uma centena) inserções do KoRV no seu genoma, incluindo muitas versões do KoRV”, explica Peter Timms, da Universidade de Sunshine Coast, em Queensland, citado pelo jornal.

As informações que estão agora nas mãos dos cientistas permitirão determinar quais as estirpes do KoRV que são mais perigosas e ajudar no desenvolvimento de uma vacina.

A sequência do genoma do coala é um passo significativo na ciência na medida em que representa o mais completo genoma marsupial até o momento. Além disso, fornece ainda dados sobre a biologia única do coala que podem ajudar no tratamento de doenças e melhorar os esforços de conservação dessa espécie.

O genoma dos coalas também pode ser a chave para programas de reprodução.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Impedido de ver a filha durante 8 anos após acusação de abuso sexual; agora, recebe indenização

Um espanhol, acusado de maus tratos à mulher e abusos sexuais de uma filha, esteve impedido de ver as duas filhas durante oito anos. Agora, vai receber 52 mil euros do Estado espanhol. Em 2007, uma …

Coreia do Norte tem locais secretos (e rudimentares) de armazenamento de mísseis

A Coreia do Norte mantém, pelo menos, 13 bases não declaradas que ocultam mísseis de capacidade nuclear, de acordo com um novo estudo norte-americano publicado esta semana. A revelação gera dúvidas sobre o acordo de …

Morre Stan Lee

O ilustrador Stan Lee, mítico criador da Marvel Comics e pai de alguns dos mais famosos super-heróis de todos os tempos, faleceu nesta segunda-feira (12), aos 95 anos. Segundo notícia divulgada pelo TMZ, uma ambulância …

Buracos negros podem ressuscitar mortos cósmicos (só para matá-los de novo)

Os buracos negros são incríveis fenômenos espaciais que não param de nos surpreender. Um grupo de cientistas descobriu agora que alguns buracos negros podem trazer de volta à vida estrelas “zumbis” – e destruí-las. Os buracos …

Código neuronal da ansiedade pode ter sido finalmente descoberto

Os cientistas podem ter descoberto a assinatura neuronal da ansiedade e da tristeza. De acordo com um novo estudo, esses sentimentos podem estar associados à “conversa” entre duas áreas do cérebro.  Para a descoberta, os cientistas …

Debaixo do gelo da Antártida estão escondidos restos de antigos continentes perdidos

De todos os continentes do planeta, sabe-se pouco sobre a massa gelada da Antártida. Agora, cientistas usaram imagens de satélite para estudar a tectônica da Terra, revelando as estruturas ocultas do continente. Devido à localização remota …

Dinamarqueses desafiaram Hitler e salvaram sua população judaica dos nazistas

No dia 29 de setembro de 1943, um rabino dinamarquês interrompeu o culto matinal na sinagoga Krystalgade em Copenhague e disse: “Não temos tempo para continuar com as orações”. Nascia, assim, a resistência dinamarquesa: “Não temos …

Em Dubai, os policiais vão pilotar motos voadoras

Em uma iniciativa futurista, a empresa Hoversurf, sediada na Califórnia, está dando treinamento a agentes de polícia de Dubai para pilotarem motos voadoras. A iniciativa se junta assim à lista de projetos ambiciosos que o …

Mulher morre por overdose de botox em Hong Kong

Uma mulher de 52 anos morreu nesta segunda-feira (12) em Hong Kong, depois de receber uma overdose de botox em uma clínica estética. É o terceiro caso deste tipo em menos de um mês na …

Toquinho se diz confiante em Bolsonaro e Moro: “segurança total de não corrupção”

O cantor e compositor Toquinho se mostrou confiante em relação ao governo do presidente eleito, Jair Bolsonaro. O compositor disse esperar do novo governo um freio à antiga “classe política que monopoliza tudo” no país …