A Grande Pirâmide de Gizé é, na verdade, assimétrica

Hostelworld.com

Pirâmides do Egito

É uma das estruturas mais fascinantes e bem construídas da nossa existência, mas os cientistas mostraram que as Pirâmides de Gizé são, na verdade, assimétricas, graças a um erro que os construtores fizeram há 4.500 anos.

O erro fez com que o lado oeste da pirâmide fosse ligeiramente maior do que o leste, criando uma base que não é perfeitamente quadrada, apesar do fato de parecerem assim.

A descoberta foi feita em 2016, quando os pesquisadores da fundação de pesquisa Glen Dash, com sede nos EUA, e do Ancient Egypt Research Associates (AERA) estudavam a magnífica estrutura de forma a compreender melhor as dimensões originais.

Há muito tempo, quando as pirâmides foram construídas, há 4.500 anos, sob as regras do faraó Khufu, as pirâmides estavam revestidas em calcário branco. Com o passar dos anos, o calcário foi retirado, provavelmente para outros projetos de construção, deixando a estrutura que conhecemos atualmente.

“A maioria das pedras de revestimento foi removida há centenas de anos para material de construção e deixou a pirâmide que conhecemos hoje, sem o revestimento original”, explicou Glen Dash, da Fundação de Pesquisa Glen Dash.

Para entender como era a Grande Pirâmide de Gizé antes de ficar sem o revestimento, as equipes a mediram – uma tarefa que é muito mais fácil dita do que feita.

O primeiro passo foi encontrar pontos na pirâmide onde as pedras exteriores – ou “revestimento” – estariam provavelmente posicionadas, procurando marcas e examinando a base em que a pirâmide foi construída. A equipe encontrou 84 pontos que marcam os limites originais da construção.

Estes pontos foram preenchidos em uma grelha para que os pesquisadores pudessem usar uma técnica chamada regressão linear para calcular os comprimentos de cada lado. Os cientistas então descobriram que a pirâmide já mediu 230.295 – 230.373 metros de comprimento, mas o lado oeste media entre 230.378 – 230.436 metros, significando uma diferença de 14.1 centímetros.

Apesar de não ser um erro gigante, e a pirâmide nem parecer “torta” devido ao erro, significa que alguém se enganou durante todos estes anos. Dito isso, a equipe continua perplexa com a forma como antigos construtores chegaram tão perto da perfeição.

“Os dados mostram que os egípcios possuíam habilidades notáveis para o seu tempo”, explicou Dash. “Apenas podemos especular sobre como os egípcios estabeleceram essas linhas com tanta precisão usando apenas as ferramentas que tinham disponíveis na época”.

Para construir os monumentos, os construtores provavelmente apresentaram o design da pirâmide em algum tipo de grelha e aplicaram ao chão durante a construção, apesar de a equipe dizer que são necessárias mais pesquisas para descobrir como de fato isso ocorreu.

“Esperamos eventualmente descobrir como os egípcios apresentaram a pirâmide com tanta precisão e, ao fazê-lo, esperamos aprender mais sobre as ferramentas e tecnologias de que dispunham”, disse Dash.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Relatório da ONU aponta que 2020 deve ser um dos 3 anos mais quentes já registrados

A Organização Meteorológica Mundial (OMM) publicou um relatório que aponta que o ano de 2020 deve ser um dos três anos mais quentes desde o início dos registros de temperatura. O secretário-geral da OMM, Petteri Taalas, …

Documentos oficiais mostram que a China escondeu informações sobre a Covid-19

Relatórios oficiais chineses teriam sido transmitidos à rede de TV americana CNN por meio de um informador anônimo. A investigação se chama “Wuhan files” e tem como foco o começo da pandemia de Covid-19, em …

Jovem que filmou morte de George Floyd por policiais brancos ganha prêmio por bravura

A mulher que filmou o assasinato de George Floyd pelo policial Derek Chauvin vai ser condecorada com um prêmio por sua coragem. Darnella Frazier, de 17 anos, fez o registro enquanto ia com o primo …

Remédio experimental reverteu o declínio mental da idade avançada em dias

Apenas algumas doses de um medicamento experimental podem reverter o declínio relacionados à idade na memória e flexibilidade mental em ratos, de acordo com um novo estudo realizado por cientistas da UC San Francisco. A droga, …

Bebê nasce de embrião congelado há 27 anos: quase a idade da mãe

A pequena Molly Everette Gibson, de um mês, estabeleceu um novo recorde no mundo. A garotinha, filha de Tina e Ben Gibson, nasceu de um embrião que foi congelado há 27 anos e gerado por …

Covid-19: exame pioneiro mostra danos em pulmões 3 meses depois de infecção por coronavírus

A covid-19, a doença causada pelo novo coronavírus, pode estar causando anormalidades pulmonares ainda detectáveis mais de três meses após os pacientes serem infectados, revela um novo estudo. Cientistas da Universidade de Oxford, no Reino Unido, …

"Hyperloop de levitação": a próxima revolução nas viagens?

Imagine viajar para o trabalho a quase 1.000 km/h, pairando um pouco acima do solo, sem barulho de motor. Pode soar como um filme de ficção científica, mas este cenário se aproximou da realidade quando o …

OMS alerta para situação "muito preocupante" da Covid-19 no Brasil

O diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus, disse nesta segunda-feira que a situação da pandemia de Covid-19 no Brasil é "muito, muito preocupante". A declaração foi dada durante uma entrevista …

NASA detecta 150 objetos voadores não identificados orbitando a Terra

Para além de qualquer especulação vaga ou teoria da conspiração, os famosos Objetos Voadores Não-Identificados – mais conhecidos como OVNIs – são uma realidade, cada vez mais documentada e tornada publica por agências espaciais como …

Reino Unido aprova vacina da Pfizer para uso já na semana que vem

O governo do Reino Unido anunciou nesta quarta-feira (02/11) a aprovação da vacina para covid-19 produzida em parceria pela Pfizer e pela Biontech e adiantou que ela estará disponível já na próxima semana. O governo comunicou …