Herdeiro da Samsung é preso por escândalo político na Coreia do Sul

samsungtomorrow / Flickr

O herdeiro da Samsung, Lee Jae-Yong

O herdeiro da Samsung, Lee Jae-Yong

Uma corte sul-coreana ordenou a prisão do herdeiro da Samsung acusado de corrupção ativa e outros delitos no escândalo político que resultou no afastamento da presidente Park Geun-hye.

O Tribunal do Distrito Central de Seul deu aval à detenção de Lee Jae-yong, vice-presidente da gigante tecnológica, e poderá mantê-lo preso por 20 dias antes de formalmente indiciá-lo. Lee foi preso durante a manhã, horário local.

“Reconhecemos a causa e a necessidade da prisão”, disse o juiz responsável pela definição sobre o pedido contra Lee.

O procurador especial buscou uma ordem de prisão contra Lee, o acusando de subornar Choi Soon-sil, uma amiga próxima de Park, para obter o apoio do Serviço Nacional de Pensões da Coreia do Sul para uma polêmica fusão de duas filiais da Samsung em 2015.

Os valores totais estimados da propina giram em torno de US$ 37 milhões. A fusão ajudou a cimentar seu controle sobre o império de negócios que inclui desde smartphones até biofarmacêuticos.

Em janeiro, o tribunal rejeitara o pedido de prisão preventiva contra o herdeiro e vice-presidente da Samsung, em meio ao escândalo de subornos que levou ao julgamento político contra Park.

A decisão adotada pelo tribunal de permitir que Lee volte para sua casa foi um enorme alívio para a Samsung, que o executivo de 48 anos lidera desde maio de 2014, quando seu pai e patriarca da família, Lee Kun-hee, ficou incapacitado devido a um ataque cardíaco.

Lee, que foi interrogado durante 22 horas em janeiro e ficou retido enquanto o tribunal tomava uma decisão, ainda enfrenta uma investigação por subornos, desfalque e falso testemunho.

A Samsung Eletronics é o maior fabricante mundial de smartphones, televisores de tela plana e processadores de memória.

Relembre

Os investigadores haviam indicado anteriormente que Lee era considerado suspeito na história. O caso cresceu após o indiciamento no ano passado de Choi Soon-Sil, confidente da presidente que teria sido beneficiada com informações sobre o governo.
A chamada “Rasputina sul-coreana” está sendo julgada atualmente por ter utilizado seu relacionamento com a presidente Park para embolsar enormes somas de dinheiro de grandes conglomerado sul-coreanos, que pagaram milhões de dólares a fundações privadas criadas por ela.

A Samsung, que é o maior grupo industrial do país, já doou 20 bilhões de wons (US$ 17 milhões) às fundações de Choi.

Em dezembro, o Parlamento da Coreia do Sul aprovou o processo de impeachment de Park, suspendendo assim seus poderes. O impeachment foi aprovado por 234 votos a favor e 56 contrários.

Logo após a votação, ela pediu desculpa ao país por “negligência” e disse esperar que a confusão em torno da crise política no país seja resolvida, acrescentando que ela se prepararia para uma revisão judicial do processo de afastamento.

A Corte Constitucional passou a partir de então a decidir se confirmaria o impeachment de Park ou se rejeita o pedido do Parlamento, controlado pela oposição. O primeiro-ministro do país, Hwang Kyo-ahn, assumiu o posto de Park interinamente, durante o período de julgamento no tribunal, que poderia levar, no total, até 180 dias.

A presidente, de 64 anos, pediu desculpas ao povo em uma reunião com seus ministros e os exortou a trabalhar com o premier para evitar qualquer vácuo nas questões de segurança nacional e da economia.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

O país sul-americano que deve crescer 14 vezes mais que a China neste ano

A Guiana ganhou na loteria e está prestes a resgatar o prêmio. Seus vizinhos, especialmente a Venezuela, aguardam intrigados para saber em que ela vai gastar. De acordo com o Fundo Monetário Internacional (FMI), a economia …

Portugal supera marca histórica de 500 mil imigrantes residindo no país; brasileiros são a maioria

Portugal atingiu um número recorde de imigrantes vivendo no país. O anúncio foi feito pelo governo nesta quarta-feira (15), durante debate no Parlamento sobre o Orçamento de Estado para 2020. "Os dados preliminares levam a dizer …

Papa Francisco nomeia primeira mulher para cargo de alto escalão no Vaticano

Pela primeira vez, uma mulher ocupará um cargo de alto nível no Vaticano. O Papa Francisco nomeou Francesca Di Giovanni para a função de vice-ministra da Secretaria de Estado da Santa Sé, órgão equivalente ao …

Khamenei chama Trump de "palhaço" e exalta ataque a bases dos EUA

Em primeiro sermão desde 2012, líder supremo do Irã afirma que Trump finge apoio ao povo iraniano e pede união após dizer que queda de avião foi "acidente trágico". EUA admitem que militares ficaram feridos. O …

Uma desconhecida explosão de ondas gravitacionais foi detectada na Terra

Os detectores de ondas gravitacionais da Terra, os observatórios LIGO e Virgo, identificaram uma misteriosa “explosão” de ondas gravitacionais não prevista na última terça-feira, 14 de janeiro. As ondas gravitacionais detectadas até hoje foram resultado de …

Twitter pede desculpas por permitir anúncios direcionados a neonazistas

O Twitter emitiu hoje (16), um pedido de desculpas público, logo após a BBC fazer uma denúncia de que a plataforma de anúncios da empresa estava permitindo o direcionamento de conteúdo para neonazistas e outros …

SP quer lei para incentivar uso de veículos híbridos e elétricos

Um novo projeto de lei apresentado em São Paulo pretende combater os problemas ambientais provocados pelos carros à combustão, que utilizam os tão poluentes combustíveis fósseis, através do incentivo ao uso de veículos elétricos ou …

Ataques iranianos teriam deixado 11 militares dos EUA feridos

Ao menos 11 militares norte-americanos foram retirados do Iraque para receberem tratamento médico em decorrência dos ataques iranianos contra as bases dos EUA. "Quando ficarem aptos para o serviço, estes militares regressarão ao Iraque", declarou à …

Evo recua e diz que não pretende mais criar milícias

Em carta pública divulgada nesta quinta-feira (16/01), o ex-presidente da Bolívia Evo Morales, que está refugiado na Argentina há mais de um mês, recuou da ideia de promover a formação de milícias no país. "Há alguns …

Dinossauros foram extintos por impacto de asteroide, defende pesquisa científica

O mistério que levou ao fim da era dos dinossauros motiva pesquisadores do mundo inteiro a debater o que teria provocado essa extinção. Um novo estudo busca descartar a teoria de que a atividade vulcânica …