Jornalista saudita teria sido desmembrado ainda vivo; durou sete minutos

Tolga Bozoglu / EPA

Jamal Khashoggi, o jornalista saudita desaparecido desde 2 de outubro, teria sido torturado durante sete minutos e desmembrado ainda vivo no interior do consulado da Arábia Saudita, em Istambul, revela a imprensa turca.

O jornal turco pró-governamental Yeni Safak fez, nesta quinta-feira (18), novas revelações sobre o conteúdo das supostas gravações captadas no interior do consulado em Istambul, onde o jornalista saudita teria sido morto. Já na semana passada, as autoridades turcas diziam ter em posse gravações de áudio e vídeo que provavam o assassinato.

De acordo com a reportagem agora divulgada, Jamal teria sido torturado e decapitado por agentes sauditas. O texto conta ainda detalhes mais mórbidos, revelando que o jornalista teria sido torturado durante sete minutos, tendo o seu corpo sido desmembrado enquanto o repórter ainda estava vivo.

Segundo a mesma publicação, na gravação é possível ouvir o Cônsul Geral saudita, Mohammed al-Otaibi, dizer aos supostos torturadores de Khashoggi: “Façam isso lá fora, vão me arranjar problemas”, ao que os supostos torturadores teriam respondido: “Fique calado se quiser viver quando voltar à Arábia Saudita”.

A reportagem vem agora reforçar a pressão sobre a Arábia Saudita para que explique o que aconteceu ao jornalista, crítico do regime de Ríade e que vivia exilado nos Estados Unidos desde 2017.

O desaparecimento do jornalista saudita, que foi ao consulado para tratar de documentação para seu casamento, continua sem uma justificativa por parte das autoridades e as questões continuam a se adensar.

Suspeito morre em acidente de carro

De acordo com a EFE, um dos 15 homens que estavam no consulado onde Jamal foi visto pela última vez – e, por isso, um dos suspeitos – morreu em um misterioso acidente de carro. A notícia foi divulgada pelo Yeni Safak, sem citar qualquer fonte.

O homem foi identificado pelo jornal como Meshaal Saad M. Albostani, um oficial da Força Aérea da Arábia Saudita nascido em 1987.

De acordo com a publicação, existem “rumores de que Albostani pode ter sido silenciado“, tendo sido morto por esse motivo. O Yeni Safak acrescenta ainda que “não há nenhuma informação sobre os detalhes do acidente que causou a morte de Albostani”.

Segundo a imprensa turca, o saudita chegou à Turquia na madrugada de 2 de outubro, por volta da 1h45 no horário local, onde se hospedou num hotel. Albostani teria deixado o país no mesmo dia, ainda durante a noite, em um avião particular.

El Mundo, que cita também a mídia turca, identifica outro dos quinzes suspeitos, Salah Mohamed Tubaiqi, que supostamente teria realizado o esquartejamento do jornalista saudita. O jornal revela que Tubaiqi é um funcionário saudita especializado em análise forense e medicina legal, tendo já desempenhado vários cargos nessa área para departamentos do regime saudita.

Assim como Albostani, Tubaiqi chegou à Turquia durante a madrugada do dia 2 de outubro em um avião particular e se hospedou num hotel. De acordo com fontes policiais citadas pelo New York Times, Tubaiqi levava uma serra quando deixou o país no mesmo dia.

O diário espanhol nota ainda que, em entrevista dada há quatro anos ao jornal Asharaq al Awsat, Tubaiqi se gabou de fazer uma autópsia em apenas sete minutos. O saudita falava ao jornal sobre a morte de alguns peregrinos durante sua jornada a Meca.

De acordo com o Middle East Eye, citado pelo El Mundo, o artigo em questão mencionava uma clínica móvel projetada pelo próprio Tubaiqi para usar em “casos de segurança que exigissem a intervenção de um patologista para realizar uma autópsia ou ainda para examinar um corpo na cena do crime”.

Trump admite morte de Jamal

O presidente dos Estados Unidos admitiu nesta quinta-feira que “certamente parece” que Jamal Khashoggi está morto, deixando ameaças de consequências “severas” caso seja provado que o regime de Ríade foi o responsável pela morte.

Trump, que tem insistido que devem ser conhecidos mais fatos antes de tomar uma posição, não revelou em que se baseou para fazer a última declaração sobre o destino do jornalista, no caso, sua eventual morte.

Quando questionado sobre se Khashoggi estava morto, Trump respondeu: “Certamente parece… Muito triste”. Sobre as consequências para os líderes sauditas se fosse apurado que eram responsáveis pela morte, respondeu: “Teriam que ser severas. É um caso mau. Mas vamos ver o que acontece”.

Entretanto, e de acordo com os relatos da BBC, a polícia turca já alargou o perímetro das buscas. Fontes anônimas revelaram que o corpo pode ter sido deixado em uma floresta próxima do consulado saudita em Istambul ou em terrenos agrícolas.

Apesar de concordarem com uma investigação conjunta, Arábia e Turquia continuam sem se entender quanto ao desaparecimento do jornalista.

A Turquia continua insistindo que a Arábia tem responsabilidades no caso. Por sua vez e em sentido oposto, a Arábia tem negado qualquer ação violenta contra o jornalista, não apresentando, até então, nenhuma versão plausível sobre o que teria acontecido.

Ciberia, Lusa // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

EUA: Estudo traz primeiros resultados 'promissores' de vacina de RNA mensageiro contra Aids

Uma vacina usando a tecnologia de RNA mensageiro, a mesma que algumas vacinas contra a Covid-19, pode ser usada desta vez contra a Aids. É o que mostram os primeiros resultados promissores de testes …

Viagem de Lula à Argentina visa fortalecer governo de Fernández e teoria de lawfare contra Kirchner

O ex-presidente Lula será o primeiro estrangeiro a discursar diante de uma multidão na Praça de Maio, em Buenos Aires, em um ato destinado a renovar o vínculo do governo argentino com o seu …

Após EUA, vários países se mobilizam em boicote aos Jogos Olímpicos de Inverno de Pequim

Reino Unido, Austrália, Canadá, Nova Zelândia seguiram os passos dos Estados Unidos e anunciaram que também vão participar do “boicote diplomático” aos Jogos Olímpicos de Inverno de Pequim, previstos para fevereiro. Os países acusam …

Musk anuncia que Neuralink testará microchips neuronais em humanos em 2022

O bilionário e empreendedor norte-americano referiu que já testou com sucesso um implante cerebral em um macaco, e quer agora que essa tecnologia seja aplicada em humanos. Os humanos poderão ter implantes cerebrais da empresa Neuralink …

Cientistas americanos encontram substância contra coronavírus em algas para sushi

Biólogos americanos esperam que sua descoberta ajude na criação de tratamentos antivírus com base em plantas. Os cientistas determinaram que o sulfato de rhamnan – polissacarídeo componente das algas verdes Monostroma nitidum, utilizadas para embrulhar o …

Mulheres comandam metade dos ministérios no governo Scholz

Futuro chanceler confirma nomes finais do seu governo, que deverá começar os trabalhos ainda esta semana. Percentual de mulheres no comando de ministérios federais é o maior da história da Alemanha. O próximo chanceler federal da …

Biden e Putin fazem videoconferência para tentar resolver impasse na Ucrânia

Joe Biden e Vladimir Putin se preparam para uma vídeoconferência nesta terça-feira (7) em um momento em que as tensões entre Washington e Moscou se intensificam com rumores de uma iminente invasão da Ucrânia …

Aung San Suu Kyi é condenada a 4 anos de prisão

Líder deposta por golpe militar em Mianmar enfrenta série de acusações que a Anistia Internacional chama de falsas. Novo veredicto deve sair nos próximos dias. A líder deposta de Mianmar, Aung San Suu Kyi, foi condenada …

Em último vídeo do mandato, Merkel pede que população se vacine

A chanceler alemã Angela Merkel, que deixará o poder na próxima quarta-feira (8), voltou a defender neste sábado (4) a vacinação contra a Covid-19, no último de uma série de mais de 600 vídeos …

Descobrem na China ferramenta de marfim de 99 mil anos, possivelmente a mais antiga do país

Pesquisadores desenterraram uma pá de marfim datada de há cerca de 99.000 anos em um sítio arqueológico do Paleolítico na província chinesa de Shandong. Acredita-se que o objeto seja uma das primeiras ferramentas de osso utilizadas …