Ladrão de bitcoins sai da prisão pela janela e foge no mesmo voo da primeira-ministra da Islândia

Um islandês roubou 600 computadores para minerar bitcoins. Depois de ter sido pego, fugiu da prisão pela janela e embarcou para a Suécia no mesmo avião da chefe de governo da Islândia.

Sindri Thor Stefansson, acusado de liderar uma rede que roubou 600 computadores para minerar bitcoins, fugiu da prisão onde estava preso pela janela. Depois disso, usou uma identidade falsa para embarcar num avião, que seguia rumo à Suécia.

Stefansson tinha sido detido em fevereiro e foi transferido, há pouco mais de uma semana, para uma prisão de baixa segurança.

De acordo com as autoridades do país, a fuga não foi imediatamente detectada, sendo que os guardas prisionais só perceberam sua ausência quando o criminoso já tinha entrado no avião com destino a Estocolmo.

No voo, estava ainda Katrín Jakobsdóttir, a primeira-ministra da Islândia, a caminho de um encontro com o primeiro-ministro indiano na Suécia.

O ladrão foi reconhecido através das gravações das câmeras de segurança do aeroporto, mas, no momento, seu paradeiro é incerto. As autoridades islandesas já emitiram, entretanto, um mandado internacional de prisão.

O presídio de baixa segurança para a qual Stefansson tinha sido transferido há 11 dias fica situado a apenas 95 quilômetros do aeroporto internacional de Keflavik.

Sem vedações, os reclusos têm acesso a telefone e à internet, o que não é inteiramente incomum na Islândia, país com 340 mil habitantes que tem um dos menores índices de criminalidade do mundo.

Apesar de o cbeça da rede já ter sido preso, junto com outros dez indivíduos igualmente acusados de roubo, os 600 computadores, avaliados em 1,6 milhão de euros ainda não foram descobertos, de acordo com o The Guardian.

Agora, é preciso encontrar o criminoso outra vez. Se for verdade que seguia no mesmo voo para Estocolmo onde estava a primeira-ministra, que se encontraria com o indiano Narendra Modi, a tarefa passa a caber às autoridades suecas, ou às de eventuais outros países onde Stefansson se encontre.

Como tudo aconteceu dentro da zona Schengen, é provável que nem tenha sido obrigado a mostrar o passaporte.

As autoridades garantem que, para a fuga, ele teve um cúmplice. Entretanto, se os 600 computadores continuarem a ser usados para produzir bitcoins e outras moedas virtuais – as quais, pela sua natureza não deixam rastro – isso pode significar um lucro enorme para os criminosos.

Nos últimos tempos, a Islândia se tornou um grande centro de mineração de bitcoins – um processo que envolve o uso intensivo de computadores para processar os complexos cálculos que a popular moeda virtual envolve.

Em dezembro e janeiro, 600 computadores foram levados de dois grandes centros de dados em quatro ocasiões, no que já foi descrito como o maior roubo da história do país.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Inacreditável: homem de 101 sobrevive à gripe de 1918, guerra mundial e coronavírus

É quase inacreditável, mas aconteceu: um italiano de 101 anos sobreviveu a não uma, mas duas pandemias globais: a gripe espanhola de 1918 e o surto de COVID-19. Conhecido apenas como “Senhor P”, o homem foi …

IA usa imagens de satélites para localizar bombas não detonadas da Guerra do Vietnã

Muitas bombas lançadas durante a Guerra do Vietnã nunca explodiram e representam um sério perigo para a população local. Cientistas desenvolveram uma nova ferramenta alimentada por IA que facilitaria a detecção e desmantelamento desses explosivos. Um …

Crianças exibem pinturas de arco-íris nas janelas para alegrar colegas no Reino Unido

O Reino Unido deixou o negacionismo de lado para encarar a quarentena devido ao Coronavírus com seriedade desde esta segunda-feira, 23. Com as escolas fechadas, crianças desenham arco-íris e os exibem nas janelas para alegrar …

Covid-19: Austrália testa vacina contra tuberculose para imunizar profissionais da saúde

Uma equipe de cientistas australianos anunciou nesta sexta-feira (27) que decidiu testar em larga escala uma vacina usada durante décadas contra a tuberculose, a BCG, para comprovar se é capaz de imunizar profissionais da área …

'Pula no esgoto e nada acontece': Brasil tem mais de 300 mil internações por ano por doenças causadas por falta de saneamento

Dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) contrariam a declaração do presidente Jair Bolsonaro de que o brasileiro seria resistente a infecções, já que "pula no esgoto e nada acontece". Em 2016, houve 166,8 …

Camada de ozônio está se recuperando e mudança de fluxos de vento

A recuperação da camada de ozônio acima da Antártica continua lenta e constante. Um sintoma claro desta recuperação é a mudança na circulação atmosférica registrada por pesquisadores da Universidade de Colorado Boulder e publicada na …

Esta geleira da Antártica inquieta pesquisadores

Com seu recuo de 5 km em somente 22 anos, a geleira de Denman, na parte leste da Antártica, inquieta os pesquisadores, que consideram os graves riscos associados ao seu potencial desaparecimento completo. A ravina Denman, …

Jornalista da Globo chora ao pedir que idosos fiquem em casa por coronavírus

Em tempos de pandemia da Covid-19 pelo mundo – e afetando o Brasil, é claro – mesmo o jornalista mais profissional e experiente pode acabar se rendendo as emoções, como aconteceu com Jessica Senra, apresentadora …

Mãe conta como adolescente francesa de 16 anos morreu de quadro fulminante da Covid-19

A angústia dos franceses aumenta com a morte de uma adolescente de 16 anos, Julie, vítima do novo coronavírus. Ela morreu na terça-feira (24) no Hospital Necker de Paris, especializado em doenças infantis, 24 horas …

Ex-ministros da Saúde repudiam postura de Bolsonaro em pandemia

Ex-ministros da Saúde dos governos petistas criticaram nesta quinta-feira (26/03) o posicionamento do presidente Jair Bolsonaro diante da pandemia do novo coronavírus. Em carta, eles defenderam as restrições impostas por governos estaduais e ressaltaram a …