Fósseis do maior animal marinho que já existiu permitem resolver enigma

Heinrich Harder / Wikimedia Commons

Ictiossauro, dinossauro primo dos golfinhos

A descoberta de um ictiossauro gigante no Reino Unido sugere que a baleia azul pode não ser o maior animal que já existiu.

Depois de descobrir os restos de um dos maiores animais que já existiu, um grupo de paleontologistas conseguiu resolver um enigma com mais de 150 anos.

Os fósseis foram encontrados na costa da cidade de Lilstock, na Inglaterra, em maio de 2016, mas ninguém soube identificar a que animal pertenciam. Agora, dois anos depois, a Universidade de Manchester anunciou que os fragmentos ósseos pertencem ao maior animal marinho que já existiu.

Segundo a RT, trata-se de um espécime de ictiossauro, uma espécie de réptil na forma de um golfinho que começou a povoar os mares há 250 milhões de anos.

A descoberta foi feita pelo autodidata “caçador de fósseis” Paul de la Salle, quando encontrou um grande pedaço de osso fossilizado enquanto caminhava pela praia. Depois de entrar em contato com um grupo de paleontologistas, quatro outros fósseis foram encontrados, e juntos formaram um osso de 1 metro de comprimento.

Esse osso corresponde a parte da mandíbula do animal. A pesquisa seguinte, publicada recentemente na PLOS One, datou os fósseis em 205 milhões de anos e determinou que o espécime é 25% maior que o maior ictiossauro já encontrado. Esse animal viveu no Período Triássico e era um autêntico rei dos oceanos.

Segundo a pesquisa, o réptil a quem pertencia o osso podia medir cerca de 26 metros, ou seja, um tamanho muito próximo ao do maior animal da história: a baleia azul, cujo espécime máximo conhecido mede 30 metros.

Os ictiossauros foram extintos há 90 milhões de anos. No entanto, a descoberta esclarece um mistério que surgiu no ano de 1850, quando foram descobertos ossos de 208 milhões de anos na costa de Aust Clif, no oeste de Inglaterra.

Naquela época, presumia-se que correspondessem a grandes seres terrestres, como dinossauros, uma hipótese que nunca poderia ser provada ou refutada.

Agora o mistério foi finalmente desvendado. Segundo Dean Lomax, cientista da Universidade de Manchester e coautor do estudo, esses fósseis podem pertencer aos maiores monstros aquáticos que já existiram.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

A quantidade de nitrogênio emitida pela pecuária já ultrapassou os limites seguros

A quantidade de nitrogênio emitida pela criação de animais para abate é superior ao que o planeta pode aguentar. Cientistas alertam que é necessário diminuir o consumo de carne e laticínios. As principais fontes de nitrogênio …

França vai adotar teste de saliva nos aeroportos para evitar 2ª onda de Covid-19

O governo francês anunciou nesta sexta-feira (10) a implementação de testes a base de saliva em seus aeroportos. A medida, que tem como objetivo evitar uma segunda onda de contaminação pelo coronavírus, visa principalmente os …

De 4.200 anos? Arqueólogos desvendam em Israel 'emoji' mais antigo do mundo

Arqueólogos israelenses encontraram evidências de arte rupestre sem precedentes em dólmens de 4.200 anos. O novo projeto de pesquisa faz parte de um estudo de dólmens (monumentos megalíticos tumulares construídos por humanos) na Alta Galileia e …

Governo remarca Enem para janeiro e fevereiro de 2021

O Ministério da Educação anunciou nesta quarta-feira (08/07) as novas datas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2020, adiado em razão da epidemia de covid-19. As provas em papel serão aplicadas em 17 …

Steve Jobs dizia acreditar na eficiência do trabalho remoto já em 1990

Com a chegada da pandemia do novo coronavírus e, consequentemente o isolamento social, muitas pessoas conseguem continuar trabalhando normalmente de forma remota. Mesmo dentro de casa, felizmente, algumas empresas conseguem manter o contato com seus funcionários …

Viagem tripulada a Marte seria melhor com passagem por Vênus, afirmam astrônomos

De acordo com cientistas norte-americanos, cálculos das órbitas entre a Terra e Marte os levaram a concluir que tais viagens seriam mais rápidas, eficientes, e permitiriam estudar os dois planetas. Uma viagem da Terra a Marte …

EUA: Suprema corte autoriza a divulgação de documentos financeiros de Trump

A Suprema Corte dos Estados Unidos impôs uma grande derrota a Donald Trump, ao decidir que um procurador de Nova York tem direito de acesso a vários documentos financeiros do presidente, incluindo declarações de …

O fenômeno "água morta", observado a mais de cem anos, é finalmente explicado

Finamente uma equipe com especialistas de múltiplas áreas CNRS e da Universidade de Poitiers, ambas na França, decifrou a misteriosa ocorrência pela primeira vez. O estranho é fenômeno que desacelera navios ou faz que eles parem …

Pode mesmo haver vida nas nuvens de Vênus, dizem cientistas

Quem gosta de astronomia não deve saber que Vênus não é o mais habitável dos planetas. Com temperaturas em torno de 470ºC e com uma atmosfera formada por dióxido de carbono e nitrogênio noventa vezes …

Cientistas rebatem decisão da China de coletar DNA de homens e meninos

Um relatório que revelou que a China está coletando DNA de milhões de pessoas para ajudar a solucionar crimes. Essa informação tem levantado preocupações entre os pesquisadores sobre privacidade e consentimento, sob o argumento de que …