Lembra do misteriosíssimo Manuscrito de Voynich? Um acadêmico britânico acaba de desvendá-lo

O acadêmico Dr. Gerard Cheshire, da Universidade de Bristol (Reino Unido), realizou a façanha de desvendar o misterioso Manuscrito de Voynich, um dos documentos mais intrigantes da história.

O texto, que todos pensavam estar escrito em algum tipo de código complexo, já havia vencido inúmeros criptógrafos, linguísticos eruditos e até programas de computador.

Depois de iludir os estudiosos por mais de um século, Cheshire resolveu o enigma em duas semanas usando uma combinação de pensamento lateral e engenhosidade para identificar a linguagem e o sistema de escrita do famoso documento.

Cheshire explica que teve uma série de momentos “Eureca!” enquanto decifrava o código, seguida por um sentimento de espanto e empolgação quando percebeu a magnitude da conquista, tanto em termos de sua importância linguística quanto pela revelação sobre a origem e conteúdo do manuscrito.

“O que [o documento] revela é ainda mais surpreendente do que os mitos e fantasias que gerou. Por exemplo, o manuscrito foi compilado por freiras dominicanas como fonte de referência para Maria de Castela, Rainha de Aragão, que por acaso foi tia-avó de Catarina de Aragão”, esclarece o acadêmico. Catarina foi uma princesa espanhola e primeira rainha de Henrique VIII da Inglaterra.

Também não é exagero dizer que este trabalho representa um dos desenvolvimentos mais importantes até hoje na linguística românica. Isso porque Cheshire descobriu que o manuscrito está escrito em “proto-romance”, o ancestral das línguas românicas de hoje, incluindo português, espanhol, francês, italiano, romeno, catalão e galego.

“A língua usada no manuscrito [o proto-romance] era onipresente no Mediterrâneo durante o período medieval, mas era raramente utilizada em documentos oficiais ou importantes, porque o latim era a língua da realeza, igreja e governo. Como resultado, registros escritos do proto-romance estavam perdidos, até agora”, explica Chesire.

Então é por isso que o manuscrito é tão incomum – ele usa uma linguagem extinta. Seu alfabeto é uma combinação de símbolos desconhecidos e mais familiares.

Além disso, o texto “não inclui sinais de pontuação, embora algumas letras possuam variantes de símbolo para indicar pontuação ou acentos fonéticos. Todas as letras estão em minúscula e não há consoantes duplas. A escrita inclui ditongos, tritongos, quadritongos e até quintotongos para a abreviação de componentes fonéticos. Também inclui algumas palavras e abreviações em latim”, detalha Cheshire.

O próximo passo é usar esse conhecimento para traduzir o manuscrito inteiro e compilar um léxico, coisa que Cheshire reconhece que levará algum tempo e precisará de financiamento, pois o documento compreende mais de 200 páginas.

“Agora que o idioma e o sistema de escrita foram explicados, as páginas do manuscrito estão abertas para os estudiosos explorarem e revelarem, pela primeira vez, seu verdadeiro conteúdo linguístico e informativo”, conclui o pesquisador.

O artigo que relata sua descoberta foi publicado na revista científica Romance Studies.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

StarShip finalmente levanta voo: a nave que um dia levará cem humanos para Marte e Lua

A SpaceX fez um lançamento de teste com sucesso do seu gigantesco protótipo do StarShip SN5 em Boca Chica, Texas (EUA), a uma altura planejada de 150 metros. A massiva torre de aço inoxidável flutuou no …

EUA conduzem lançamento de teste do míssil balístico Minuteman III

O projétil não tinha ogiva de combate, mas era equipado com três veículos recuperáveis que foram submetidos a testes. Militares dos EUA lançaram na manhã desta terça-feira (4) um míssil balístico Minuteman III a partir da …

Beirute soma mais de 100 mortos e 4000 feridos após explosões

O Líbano vive nesta quarta-feira (5) um dia de luto nacional, após as explosões na região portuária de Beirute, na tarde de ontem. A tragédia soma pelo menos 100 mortos, 4.000 feridos e 300.000 …

Mensagem na areia salva marinheiros desaparecidos no Oceano Pacífico

Trio de marinheiros que havia se desviado de rota e ficado sem combustível foi localizado numa pequena ilha da Micronésia após três dias. Aeronaves avistaram sinal gigante de SOS escrito na areia da praia. Três homens …

Problemas cardíacos duradouros se apresentam em 78% dos pacientes de coronavírus

O entusiastas do retorno da economia para a normalidade defendem suas opiniões geralmente com base no fato da maioria dos pacientes exibirem sintomas leves ou sequer ter qualquer sintoma de coronavírus, comparando negligentemente o Covid-19 …

Governo britânico vai pagar parte da conta de consumo em pubs e restaurantes

Incentivos não vão faltar para quem estava com saudades de frequentar bares, pubs e restaurantes no Reino Unido. Durante o mês de agosto, o governo britânico vai bancar parte da conta de quem sair …

Cientistas revelam origem de estranhos meteoritos encontrados na Terra

Uma equipe de cientistas norte-americanos teoriza que alguns dos meteoritos, que não se encaixam nas duas categorias principais, têm uma origem até hoje desconhecida por astrônomos. Um grupo significante de meteoritos, que existem hoje na Terra, …

Twitter pode ser multado em US$ 250 milhões por abuso de dados dos usuários

O Twitter confessou que, possivelmente, será multado em até US$ 250 milhões pela Comissão Federal de Comércio dos EUA (FTC, no original em inglês) por ter desrespeitado um acordo firmado em 2011 com a agência …

OMS afirma que não há solução milagrosa para lutar contra Covid-19

A Organização Mundial de Saúde avisou na segunda-feira que não há, nem haverá uma solução milagre contra a pandemis de Covid-19, não obstante a corrida que se verifica actualmente de forma a descobrir uma vacina …

Alemanha quer exigir de viajantes teste de covid-19 feito antes de embarque

Ministro da Saúde alemão defende que passageiros vindos de territórios de risco, incluindo o Brasil, apresentem exame negativo realizado em país de origem para entrar na Alemanha. O ministro da Saúde alemão, Jens Spahn, defendeu nesta …