Ministro israelense manda a União Europeia “para o inferno”

israelmof / Flickr

Ministro da Energia de Israel, Yuval Steinitz

O ministro de Energia israelense, Yuval Steinitz, disse nesta quarta-feira (23) que a União Europeia (UE) “pode ir para o inferno” por solicitar uma investigação da suposta brutalidade policial contra manifestantes árabes-israelenses.

A UE condenou nesta terça (22) a violência da polícia em uma manifestação na cidade nortista de Haifa para protestar contra o excessivo uso da violência de Israel nos protestos na fronteira com Gaza das últimas semanas, e sugeriu ao governo israelense que investigue o ocorrido.

Steinitz garantiu em uma rádio local que pouco lhe importam as recomendações da “hipócrita” UE, que “está protegendo o Irã e o ajudará contra as sanções americanas”.

Semanas antes, em 9 de maio, Dia da Europa, o ministro elogiou os laços que unem o seu país à UE na residência do embaixador europeu em Israel, de acordo com o jornal Haaretz.

Mas nesta quarta Steinitz reclamou que a UE “persegue” Israel enquanto o Irã “executa, tortura homossexuais, viola os direitos das mulheres, apoia o terrorismo de [Bashar al] Assad, que lança armas químicas em sua gente“, informou ao mesmo jornal.

Jafar Farah, diretor da ONG Mosawa, Centro de Defesa para Cidadãos Árabes em Israel, foi um dos 21 ativistas detidos durante a manifestação de Haifa de sexta-feira, e acusou a polícia de ter quebrado seu joelho depois da detenção.

Steinitz disse que, antes do incidente, Farah já estava sendo investigado pelo Ministério de Justiça, e um porta-voz policial garantiu que o incidente “está sendo investigado”.

A UE e Israel mantêm uma longa relação de cooperação econômica e assinaram vários acordos de investimento com os 28 como um dos maiores parceiros comerciais de Israel.

Ciberia // EFE

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Quem é Vanessa Nakate, ativista negra cortada de foto com Greta em Davos

O tema era o meio-ambiente, mas o debate sofre o futuro da humanidade ganhou outros vultos quando a jovem ativista climática de Uganda, Vanessa Nakate, descobriu que havia sido cortada pela agência de notícias Associated …

Sobreviventes retornam a Auschwitz nos 75 anos da libertação

Autoridades de 50 países participam da solenidade no antigo campo de concentração na Polônia, em meio a temores pelo aumento do antissemitismo. "Precisamos tomar cuidado para que não volte a acontecer", diz sobrevivente. Mais de 200 …

Por que cientistas querem tanto provar que Einstein e Galileu estavam errados

Ano entra, ano sai, e tanto a lei dos corpos em queda de Galileu Galilei quanto a teoria da relatividade de Albert Einstein são testadas novamente apenas para os pesquisadores confirmarem pela enésima vez que …

Morreu Kobe Bryant, um dos maiores astros da NBA

Neste domingo (26), o astro do basquete norte-americano, Kobe Bryant, faleceu em acidente de helicóptero, na cidade de Los Angeles, nos EUA. Autoridades e testemunhas levantam as primeiras hipóteses sobre a causa da queda. O lendário …

Coronavírus terá impacto no PIB chinês e na economia global

A nova epidemia de coronavírus é um balde de água fria na cabeça do mundo. A começar pelos chineses. Em 2003, o último vírus mortal se propagando pelo mundo inteiro – o SARS – …

Abelhas adoram cannabis e este caso de amor pode ajudar a salvar a espécie

Consideradas os seres vivos mais importantes do planeta, as abelhas são animais insubstituíveis, dos quais dependemos para viver. No entanto, nas últimas décadas, devido ao aquecimento global e o uso execessivo de pesticidas, elas estão …

Cientistas finalmente descobriram como capturar o espectro todo da luz solar para gerar hidrogênio

Pela primeira vez, cientistas da Universidade Estadual de Ohio (EUA) desenvolveram uma molécula que é capaz de coletar a energia de todo o espectro da luz solar. O processo, 50% mais eficiente que as atuais …

Você agora pode ouvir a voz de uma múmia de 3 mil anos

Com uso de tomografia computadorizada, impressão 3D e laringe eletrônica, pesquisadores do Reino Unido reconstruíram o trato vocal de uma múmia egípcia. Para a realização do projeto que teve início em 2013, foi preciso combinar medicina, …

Krakatoa, o inferno de Java: a erupção há 137 anos que foi sentida no planeta inteiro

Em 1883, o mundo presenciou um evento natural tão bombástico e violento que pôde ser notado de alguma forma por praticamente todos os habitantes do planeta. A erupção do vulcão Krakatoa, na Indonésia, lançou detritos a …

Educação e confiança fazem da Dinamarca país menos corrupto do mundo

Imagine poder almoçar tranquilamente num restaurante ou fazer compras enquanto deixa o seu bebê no carrinho, estacionado do lado de fora na calçada. Essa cena, que faz parte do cotidiano dos dinamarqueses, só é …