Marido de Isabel dos Santos morreu no Dubai

@isabel_dos_santos.me / Instagram

Sindika Dokolo, marido de Isabel dos Santos

Morreu nesta quinta-feira no Dubai o marido da empresária angolana Isabel dos Santos, o empresário congolês Sindika Dokolo, segundo confirmou à agência noticiosa Lusa, uma fonte ligada à família.

A imprensa congolesa indicou há algumas horas que o empresário e coleccionador de arte de 48 anos morreu afogado quando praticava mergulho no mar de Dubai.

Seguiram-se várias mensagens de condolências, nomeadamente de Michée Mulumba, assessor do Presidente congolês, que confirmou o sucedido na rede Twitter,”foi durante um mergulho que partiu para a eternidade, uma actividade habitual que o afastou da sua luta e dos seus entes queridos”, escreveu.

Nascido no dia 16 de Março de 1972 em Kinshasa, Sindika Dokolo era filho de Augustin Dokolo Sanu, fundador do primeiro banco privado do antigo Zaire e da sua segunda esposa, a dinamarquesa Hanne Taabbel. Educado na Bélgica, efectuou os estudos superiores na área de economia e comércio em Paris.

Em 2002, casou com Isabel dos Santos, filha do antigo Presidente José Eduardo dos Santos, com quem teve quatro filhos.

Empresário presente em diversos sectores, Sindika Dokolo era igualmente conhecido por ser um mecenas e possuir uma colecção com mais de 3 mil peças de arte contemporânea africana.

Ainda no ano passado, este amante das artes tinha mostrado ao público uma parte da sua colecção no âmbito da exposição «IncarNations», em Bruxelas. Também em 2019, a sua fundação tinha adquirido e repatriado para Luanda 20 peças de arte que tinham sido levadas de museus angolanos para colecções no estrangeiro.

Envolvido igualmente na vida política do seu país de origem, Sindika Dokolo tinha lançado em 2017 o seu movimento «Congolais Debout», abertamente crítico ao então presidente congolês Joseph Kabila.

Ultimamente contudo, o nome do empresário estava a ser igualmente mencionado nos diversos casos que têm também envolvido a esposa no chamado «Luanda Leaks». Ambos foram acusados de terem retirado milhões de dólares dos cofres do Estado angolano através de uma sofisticada teia de sociedades e contas bancárias dispersos pelo mundo fora. Nos últimos meses, os seus negócios estavam a ser investigados designadamente pela justiça de Angola e de Portugal.

// RFI

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Namíbia elege deputado chamado Adolf Hitler

O nome de um recém-eleito político da Namíbia, vem chamando atenção na mídia nacionais e internacionais. "Adolf Hitler teve uma vitória esmagadora nas eleições regionais na Namíbia", relatou o portal de notícias alemão Spiegel Online nesta …

Astrônomos mapeiam 1 milhão de galáxias previamente desconhecidas

Cerca de um milhão de galáxias previamente desconhecidas para além da Via Láctea foram adicionadas a um mapa detalhado de seção de espaço. Pesquisas sobre o espaço normalmente demoram anos para serem completas, mas um novo …

Brasil recebe vacina de Oxford em janeiro, promete Pazuello

O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, disse que o primeiro lote das vacinas de Oxford chega ao Brasil em janeiro. Serão 15 milhões de doses entre janeiro e fevereiro, totalizando 260 milhões ao longo do …

Cingapura é primeiro país a aprovar venda de carne de laboratório

Empresa californiana obteve autorização da cidade-Estado para usar sua carne de frango produzida a partir de cultura celular em chicken nuggets e garante que preço será competitivo. Cingapura é o primeiro país do mundo a aprovar …

Relatório da ONU aponta que 2020 deve ser um dos 3 anos mais quentes já registrados

A Organização Meteorológica Mundial (OMM) publicou um relatório que aponta que o ano de 2020 deve ser um dos três anos mais quentes desde o início dos registros de temperatura. O secretário-geral da OMM, Petteri Taalas, …

Documentos oficiais mostram que a China escondeu informações sobre a Covid-19

Relatórios oficiais chineses teriam sido transmitidos à rede de TV americana CNN por meio de um informador anônimo. A investigação se chama “Wuhan files” e tem como foco o começo da pandemia de Covid-19, em …

Jovem que filmou morte de George Floyd por policiais brancos ganha prêmio por bravura

A mulher que filmou o assasinato de George Floyd pelo policial Derek Chauvin vai ser condecorada com um prêmio por sua coragem. Darnella Frazier, de 17 anos, fez o registro enquanto ia com o primo …

Remédio experimental reverteu o declínio mental da idade avançada em dias

Apenas algumas doses de um medicamento experimental podem reverter o declínio relacionados à idade na memória e flexibilidade mental em ratos, de acordo com um novo estudo realizado por cientistas da UC San Francisco. A droga, …

Bebê nasce de embrião congelado há 27 anos: quase a idade da mãe

A pequena Molly Everette Gibson, de um mês, estabeleceu um novo recorde no mundo. A garotinha, filha de Tina e Ben Gibson, nasceu de um embrião que foi congelado há 27 anos e gerado por …

Covid-19: exame pioneiro mostra danos em pulmões 3 meses depois de infecção por coronavírus

A covid-19, a doença causada pelo novo coronavírus, pode estar causando anormalidades pulmonares ainda detectáveis mais de três meses após os pacientes serem infectados, revela um novo estudo. Cientistas da Universidade de Oxford, no Reino Unido, …