Manifestantes fazem passeata pela legalização do aborto no Rio

Fernando Frazão / ABr

A legalização do aborto até a 12ª semana de gestação foi defendida, nesta sexta-feira (22), em uma passeata pelas ruas centrais do Rio.

Centenas de pessoas, a maioria mulheres, se concentraram em frente à Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) com faixas e cartazes pedindo que a interrupção da gravidez seja considerada legal neste período, para garantir procedimentos cirúrgicos públicos e saudáveis.

Queremos garantir o aborto gratuito e seguro no Brasil, mas só até a 12ª semana [de gestação], pois neste período o feto não tem sistema neural, nervoso, nem coração. Ninguém faz aborto porque quer. É um ato de desespero. Pedimos políticas públicas e atendimento médico em postos de saúde”, disse Alessandra Primo de Moraes, do Sindicato dos Trabalhadores da Universidade Federal Fluminense (Sintuff).

A recente aprovação do aborto pela Câmara dos Deputados da Argentina fortaleceu os defensores da medida. A psicóloga Ivana Fortunato, também presente ao ato, disse que o debate em torno do assunto é urgente, pois muitas mulheres, a maioria negras e pobres, morrem todos os anos por causa de abortos mal feitos.

“A questão do aborto ser criminalizado não impede que aconteçam várias complicações decorrentes de cirurgias inseguras, pois as mulheres pobres não têm dinheiro para pagar uma clínica melhor. Um feto até 12 semanas não é uma vida. Não é alguém que sente, que pensa. Ainda é um conjunto de células. Não defendemos matar crianças, mas interromper a gestação em períodos iniciais”, disse Ivana.

Apesar da quase totalidade do público na manifestação ser de mulheres, alguns homens também estiveram presentes para defender a legalização do aborto.

“Esta é uma pauta histórica das mulheres. A proibição do aborto leva a riscos. Os argumentos contra, geralmente não são científicos, mas morais e religiosos. Não é bloqueando o debate que se avança”, disse o professor de história Ivan Dias Martins.

Da Alerj, o grupo seguiu pela Avenida Rio Branco até as escadarias da Câmara Municipal, na Cinelândia. Durante todo o percurso, não houve atos de violência nem de depredação.

Um policial militar repreendeu algumas manifestantes quando elas picharam um cartaz, colado na Câmara, criticando os defensores do aborto, mas a situação foi logo superada.

As igrejas cristãs, incluindo a católica e a evangélica, são contra o aborto. Os católicos, por exemplo, consideram que a vida deve ser respeitada e protegida desde o momento da concepção, quando o espermatozoide fecunda o óvulo.

Ciberia // Agência Brasil

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Já poderíamos ter ido a Marte (nos anos 60)

O popular astronauta Chris Hadfield diz que a tecnologia que nos levou à Lua e nos trouxe de volta na década de 60 poderia ter nos enviado também a Marte. O canadense Chris Hadfield foi astronauta …

Jeff Bezos se torna a pessoa mais rica da história moderna

O fundador e diretor executivo da Amazon, Jeff Bezos, acaba de se tornar o ser humano mais rico da história moderna. Com patrimônio líquido estimado em US$ 150 bilhões, Bezos chegou ao topo da lista de …

A obesidade não causa risco maior de morte

Acreditamos normalmente que a obesidade está ligada a problemas de saúde, mas aparentemente isso pode não ser exatamente verdade. Segundo um novo estudo, publicado semana passada na revista Clinical Obesity, ser obeso por si só não …

Argélia expulsa 390 pessoas (incluindo grávidas e crianças); e as envia para o deserto

Neste domingo (15), a Argélia expulsou 391 pessoas em condições precárias, incluindo crianças e grávidas, para o deserto do Níger. A Organização Internacional para as Migrações (OIM) indicou que as pessoas expulsas, oriundas de países da …

Presidente eleito do México quer cortar o próprio salário pela metade

Andres Manuel Lopez Obrador, o presidente eleito do México, disse que quer receber cerca de metade do salário que seu antecessor recebia, assim que assumir o cargo em dezembro. “O que nós queremos é que o …

Mais de 3,3 milhões de contribuintes recebem restituição do IR

O crédito bancário para mais de 3,3 milhões de contribuintes contemplados no segundo lote de restituições do Imposto de Renda é feito nesta segunda-feira (16). A consulta ao segundo lote foi aberta no último dia …

STF suspende resolução da ANS sobre coparticipação em planos de saúde

A presidente do Supremo Tribunal Federal, ministra Cármen Lúcia, suspendeu temporariamente nesta segunda-feira (16) a Resolução Normativa 433, de 28 de junho de 2018, da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) da Agência Nacional de …

Trump e Putin na Finlândia: "Nosso relacionamento nunca foi pior"

Os presidentes dos EUA e da Rússia realizam, nesta segunda-feira (16), em Helsinque, sua primeira cúpula bilateral, sob o espectro da ingerência russa nas eleições presidenciais norte-americanas de 2016 e ainda da situação na Ucrânia …

Após 25 anos em queda, mortalidade infantil volta a subir no país

O índice de mortalidade infantil voltou a aumentar no Brasil, pela primeira vez, desde 1990. Segundo dados do Ministério da Saúde, a taxa de mortalidade de 2016 ficou em 14 óbitos infantis a cada mil …

Cinco meses de intervenção no Rio: chacinas aumentam e apreensão de arma diminui

O Observatório da Intervenção, do Centro de Estudos de Segurança e Cidadania da Universidade Cândido Mendes, divulgou nesta segunda-feira (16) um balanço dos cinco meses de intervenção federal no Rio de Janeiro. A conclusão? “Muito …