Português António Guterres é o novo secretário-geral da ONU

UN Geneva / Flickr

O Alto Comissário das Nações Unidas para os Refugiados, António Guterres, será o próximo secretário-geral da ONU

O Alto Comissário das Nações Unidas para os Refugiados, António Guterres, será o próximo secretário-geral da ONU

O ex-primeiro-ministro português António Guterres é o favorito para se tornar o próximo secretário-geral das Nações Unidas.

Hoje (5), o Conselho de Segurança da ONU elegeu António Guterres na sexta votação secreta do processo de escolha, que será homologada e divulgada oficialmente amanhã.

O ritual também prevê que o nome de Guterres seja submetido à aprovação final dos 193 países da Assembleia Geral das ONU, possivelmente até o fim deste mês.

O Conselho de Segurança da ONU tem cinco membros permanentes: Estados Unidos, Reino Unido, Rússia, França e China, os chamados P-5. Os membros não-permanentes são dez e com mandatos rotativos.

Atualmente as vagas são de Angola, Egito, Espanha, Japão, Malásia, Nova Zelândia, Senegal, Ucrânia, Uruguai e Venezuela.

O atual presidente do Conselho de Segurança, o embaixador russo Vitaly Churkin, informou ao comando da Assembleia Geral que o sexto voto necessário para a aprovação de Antonio Guterres foi revelado hoje de manhã, confirmando o nome do ex-primeiro-ministro português para o cargo de secretário-geral.

Além de António Guterres, que foi chefe do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (Acnur) de 2005 a 2015, mais 12 candidatos estavam na corrida para suceder o atual secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, que deixa o cargo no final do ano.

Transparência

A decisão adotada hoje pelo Conselho de Segurança dá sequência a um processo histórico que tem dado mais transparência à eleição par o cargo de secretário-geral da ONU. Antes de esse processo, a escolha era feita a portas fechadas e comandada por poucos países.

A escolha concluída hoje envolveu, pela primeira vez na história, discussões públicas e permitiu que os países fizessem campanha pelo candidato de sua preferência.

A eleição começou em 12 de abril deste ano, quando os candidatos ao posto de secretário-geral começaram a ser chamados para dar briefings informais, em que respondiam perguntas sobre o desenvolvimento sustentável, esforços pela paz, proteção dos direitos humanos e catástrofes humanitárias.

UN Photo / Flickr

António Guterres foi Alto Comissário das Nações Unidas para os Refugiados. A seu lado, Angelina Jolie, sua Enviada Especial para os Refugiados

António Guterres foi Alto Comissário das Nações Unidas para os Refugiados. A seu lado, Angelina Jolie, sua Enviada Especial para os Refugiados

Em julho, a ONU fez uma transmissão ao vivo, para todo o mundo, pela TV e internet, em que os candidatos responderam a perguntas de diplomatas e do público.

O presidente da 70ª Assembleia Geral, Mogens Lykketoft, disse que o processo mais transparente é “uma virada de jogo” para a ONU.

“A apresentação de duas horas de cada um dos candidatos nos diálogos da Assembleia Geral foi destaque e ajudou a incluir o público global no debate sobre o futuro da ONU.”

Indicação de Guterres para a ONU repercute na Europa

O presidente de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa, afirmou hoje, em nota publicada no site da presidência, que foi “com uma grande alegria e emoção que recebi a notícia do acordo no Conselho de Segurança para propor António Guterres como próximo Secretário-Geral das Nações Unidas.”

Guterres, de 67 anos, foi primeiro-ministro de Portugal entre 1995 e 2002. Nas Nações Unidas, ele atuou como alto-comissário para os refugiados, chefiando a agência da ONU especializada no tema, a Acnur, entre junho de 2005 a dezembro de 2015.

O presidente português disse, ainda, que Guterres é o melhor candidato para o cargo, e que a conquista é uma vitória da competência e da transparência e é também uma vitória de um consenso nacional.

Martin Schulz, presidente do Parlamento Europeu, também se manifestou favorável à candidatura de Guterres, em seu perfil no Twitter. “Ele será um sensacional secretário-geral das Nações Unidas. Um orgulho para a Europa.”

O site britânico de notícias, BBC, deu destaque à notícia, afirmando que o desafio do novo secretário-geral será o de “consertar a organização e dar-lhe um pouco de coração”.

Já o jornal The Guardian afirmou que, em uma rara demonstração de unidade, todos os 15 embaixadores do Conselho de Segurança concordaram com o nome de Guterres, e espera-se que seja cumprida a escolha na votação formal de hoje (6).

Na França, os jornais Le Figaro, Le Monde e a France Presse também deram destaque ao bom desempenho de Guterres, afirmando que ele deve ser o sucessor de Ban Ki-moon, atual secretário-geral da ONU.

O jornal espanhol El País afirmou que Guterres é um português “com determinação e sem inimigos”.

Samantha Power, embaixadora dos Estados Unidos na Organização das Nações Unidas (ONU), afirmou que o candidato português impressionou os 15 países membros do Conselho de Segurança durante todo o processo.

Nesta quinta-feira, em Nova Iorque, o novo secretário-geral da ONU será eleito pelos 193 países representados na Assembleia Geral, por maioria simples. O mandato é de cinco anos.

Segundo anúncio do Conselho de Segurança das Nações Unidas, o português António Guterres “surgiu como a escolha unânime“.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Buracos negros são famintos, mas possuem boas maneiras à 'mesa', aponta estudo

Todos os buracos negros supermassivos nos centros das galáxias possuem períodos nos quais devoram a matéria situada de seus arredores. De acordo com um estudo publicado na revista científica Astronomy & Astrophysics, as galáxias ativas têm …

Pnad e Caged: No auge do desemprego, Brasil enfrenta falhas nas estatísticas do mercado de trabalho que confundem e desorientam

Num momento em que o país tem registrado números diários de mortes por covid-19 que ultrapassam 4 mil e diversos Estados e municípios reforçam medidas de distanciamento social, na tentativa de conter a propagação do …

Jovem negro de Minnesota morreu por “disparo acidental”, afirma polícia

Policial teria confundido arma de descarga elétrica com arma de fogo. Incidente em meio a julgamento da morte de George Floyd acirra tensões e agrava protestos. Mineápolis e outras cidades ampliam toque de recolher. A policial …

Bia, assistente de voz do Bradesco, vai responder mensagens de assédio

O Bradesco precisou tomar providências para proteger uma mulher de assédio. No caso, uma mulher que nem existe fisicamente. A mulher que dá voz ao sistema de inteligência artificial do aplicativo, a Bia (sigla para Bradesco …

Covid-19: Médicos pressionam governo francês para aumentar controles de pessoas vindas do Brasil

Especialistas acreditam que medidas do governo francês para frear entrada de variante P1 no país são insuficientes e pressionam para aumento de controles de passageiros provenientes do Brasil nos aeroportos ou pela suspensão dos …

Rede 5G pode transmitir energia elétrica e aposentar as baterias no futuro

O mundo já conhece os benefícios da tecnologia 5G como a alta velocidade na transmissão de dados e baixa latência. Agora, os cientistas do Instituto de Tecnologia da Geórgia, nos EUA, descobriram que essas redes …

Covid: como evitar a trágica marca de 5 mil mortes por dia no Brasil?

No dia 19 de maio de 2020, o Brasil atingiu pela primeira vez a marca das mil mortes diárias por covid-19. Esse número permaneceu relativamente estável, em um patamar considerado alto, durante todo o segundo semestre …

Físicos afirmam que o universo é um computador de aprendizado de máquina

Físicos teóricos que trabalham com a Microsoft lançaram um artigo na sexta-feira afirmando que o universo é essencialmente um computador de aprendizagem de máquina (machine learning, em inglês). Os pesquisadores, vários afiliados à Microsoft, pré-publicaram um …

Mundo ainda tem países sem uma única dose de vacina

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), mais de 600 milhões de doses de vacina contra a covid-19 já foram aplicadas em todo o mundo. Mas a discrepância entre países é alta: enquanto, …

Covid: site calcula quando você será vacinado. Resultados não animam

Um grupo de voluntários chamado CoronavirusBra desenvolveu uma plataforma para calcular quando você será vacinado contra a covid-19. O ‘Quando vou ser vacinado?’ utiliza dados públicos como a média de imunizados com o número de pessoas …