Entre críticas da Ucrânia e da União Europeia, Putin inaugura ponte com ligação à Crimeia

Alexander Nemenov / POOL / EPA

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, na inauguração da nova ponte com ligação à Crimeia

O presidente russo inaugurou, na terça-feira (15), a ponte que liga a Rússia à península da Crimeia, região da Ucrânia anexada pelo país em 2014, com as autoridades de Kiev acusando-o de “desrespeito” ao direito internacional.

Segundo imagens da televisão russa, que transmitiu a cerimônia ao vivo, ao volante de um caminhão pesado cor de laranja, Vladimir Putin atravessou, à buzinadas, os 19 quilômetros da nova “Ponte da Crimeia”, que liga a península de Taman, no sul da Rússia, à Kertch.

Atrás do caminhão conduzido pelo chefe de Estado, veículo utilizado nos trabalhos de construção da ponte, e acompanhado por vários trabalhadores, seguiu cerca de uma dezena de outros caminhões e automóveis ligados às obras, às autoridades e à segurança.

“Em vários momentos da história, mesmo nos tempos do czar, as pessoas sonhavam com a construção dessa ponte. Tentaram nos anos 30, 40 e 50 e, finalmente, graças ao trabalho e ao talento de vocês, esse projeto, esse milagre aconteceu“, disse Putin aos trabalhadores, citado pelo Diário de Notícias.

“Dez mil pessoas trabalharam na construção, 15 mil nos momentos de maior trabalho. Quase 220 empresas estiveram envolvidas. De fato, todo o país trabalhou nisso. O resultado é magnífico. Torna a Crimeia e a lendária Sebastopol mais fortes e nos aproxima”, declarou ainda o presidente russo.

Em Kiev, o primeiro-ministro ucraniano, Volodymyr Groisman, reagiu de imediato e acusou a Rússia de “desrespeito ao Direito Internacional” pela construção e inauguração da nova ponte. “O ocupante russo continua desrespeitando o Direito Internacional. A Rússia vai pagar bem caro”, ameaçou.

Vestido informalmente, Putin chegou a Kertch procedente de Sochi, também nas margens do Mar Negro. A construção da ponte começou em fevereiro de 2016 e custou 228 bilhões de rublos, cerca de R$ 13 bilhões.

A ponte inclui quatro faixas para automóveis (duas em cada direção), abertas ao tráfego a partir da meia-noite desta quarta-feira, e duas vias férreas, uma em cada sentido, cujas obras deverão estar concluídas no fim de 2019.

A construção da ponte para ligar a Crimeia à Rússia continental sem passar por território ucraniano foi uma das promessas de Putin após a anexação da península.

A União Europeia classificou a ponte como “uma nova violação da soberania”. A Rússia construiu a infraestrutura “sem o consentimento da Ucrânia”, frisou uma porta-voz do serviço de ação externa da UE. “Isso constitui uma nova violação da soberania e da integridade territorial da Ucrânia pela Rússia”, afirmou.

A anexação da Crimeia pela Rússia, em 2014, ainda hoje não é reconhecida pela comunidade internacional. “A construção de uma ponte visa prosseguir a integração forçada da península anexada ilegalmente na Rússia e seu isolamento da Ucrânia, de que continua a fazer parte”, disse a porta-voz europeia.

A ponte, destacou, limita “a passagem dos navios pelo estreito de Kertch até os portos ucranianos no Mar de Azov”. A UE “continua a condenar a anexação ilegal da Crimeia e de Sebastopol pela Rússia e não irá reconhecer essa violação do direito internacional”.

Segundo o Diário de Notícias, a nova estrutura, de 19 quilômetros, tira o título de maior ponte da Europa da ponte Vasco da Gama, em Lisboa.

Ciberia, Lusa // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA:

Psicólogo cria técnica para despertar a memória das testemunhas e vítimas de crimes

Um pesquisador da Universidade do Minho, no norte de Portugal, criou uma técnica para ajudar as testemunhas a recordarem com maior precisão o que aconteceu no local do crime. A eficácia da técnica já foi …

Familiares das vítimas do voo MH17 levam Rússia a tribunal

Nesta sexta-feira (25), cerca de 270 familiares de vítimas da queda do avião da Malaysia Airlines (MH17), anunciou que vai levar a Rússia perante o Tribunal Europeu dos Direitos Humanos, em Estrasburgo (França). Jerry Skinner, o advogado especialista …

Brasil precisa dobrar investimento por 25 anos para ter infraestrutura de transporte com "mínimo de qualidade"

O brasileiro paga caro por energia elétrica, por uma banda larga de baixa qualidade, tem acesso precário a saneamento e um sistema de transportes insuficiente para conectar um território de dimensões continentais. A deficiência de infraestrutura …

Trump muda de ideia e retoma o “romance” com Kim Jong-un

Donald Trump diz que, afinal, a cúpula com o líder da Coreia do Norte ainda pode acontecer. Depois de ter cancelado abruptamente o encontro com Kim Jong-un, que estava previsto para 12 de junho, o …

Abastecido por balsas, Amapá passa à margem da crise dos combustíveis

Com praticamente todo o abastecimento de combustíveis feito por balsas, o estado do Amapá é das poucas unidades da federação que, até o momento, não sentiu o impacto direto da paralisação nacional dos caminhoneiros. “Temos recebido …

Japão tem bolsas de estudo para brasileiros

Quer estudar no Japão? O país oriental está com seis tipos de bolsas de estudo abertas para brasileiros em universidades japonesas. A oferta é do governo nipônico através do Ministério da Educação, Cultura, Esporte, Ciência …

Votação histórica na Irlanda acaba com a proibição do aborto

A Irlanda está pronta para acabar com a proibição do aborto. Estudos de boca de urna dão vantagem de 68% para 32% aos que votaram pela despenalização.  Esta é uma votação histórica na católica Irlanda. O país …

Ministro da Fazenda: greve dos caminhoneiros pode ter impacto relevante no PIB

O ministro da Fazenda, Eduardo Guardia, afirmou nesta sexta-feira (25) que, a persistir o desabastecimento causado pela greve dos caminhoneiros, pode haver impacto "relevante" no crescimento do Produto Interno Bruto (PIB), que é a soma …

Descoberto o método mais eficaz para abandonar o cigarro

O novo estudo tentou desafiar a teoria de que os cigarros eletrônicos são a melhor solução para quem pretende parar de fumar. Segundo o Washington Post, apesar de os cigarros eletrônicos serem fervorosamente defendidos, a verdade …

Cientistas explicam por que os cérebros humanos cresceram tanto

Os cientistas defendem que o cérebro humano se expandiu em resposta aos estresses ambientais, que forçaram nossa espécie a encontrar soluções inovadoras para sobreviver. O cérebro humano é muito grande. Esta abundância de massa cinzenta confere, …