Está sempre procrastinando? Culpe a amígdala

Uma pesquisa recente identificou duas áreas do cérebro que determinam se somos mais propensos a executar uma tarefa de imediato ou, em vez disso, adiá-la continuamente.

A procrastinação está mais relacionada com a gestão das emoções do que propriamente com o tempo. Esta é a conclusão de um estudo realizado por uma equipe de cientistas que se propôs a estudar o motivo de algumas pessoas terem tendência em deixar tarefas para mais tarde. O artigo científico foi publicado este mês na Psychological Science.

A equipe mediu o grau de proatividade de 264 pessoas e a pesquisa mostrou que a amígdala – uma estrutura em forma de amêndoa situada no lobo temporal lateral, que processa as emoções e controla a nossa motivação – é maior nos procrastinadores.

Além disso, nestes indivíduos que preferem deixar tudo para depois, as conexões entre a amígdala e uma parte do cérebro chamada córtex cingulado anterior dorsal (DACC, na sigla em inglês) eram mais pobres e deficientes.

Essa área do cérebro utiliza informações da amígdala, nossa central de emoções, e decide qual a atitude que o nosso corpo deve tomar. Este procedimento ajuda a manter a pessoa focada, bloqueando as emoções e as distrações que podem competir com o que a pessoa está fazendo naquele momento.

Desta forma, os cientistas sugerem que os procrastinadores têm uma maior dificuldade em filtrar as emoções e as distrações que interferem na realização de uma determinada atividade, dado que as conexões entre a amígdala e o DACC não são tão eficientes quanto as dos indivíduos proativos.

Tim Pychyl, professor da Universidade de Carleton, no Canadá, que tem estudado o fenômeno da procrastinação nas últimas décadas, acredita que o estudo recente “fornece evidências fisiológicas da dificuldade sentida pelos procrastinadores em controlar as emoções”.

“Mostra como os centros emocionais do cérebro podem sobrecarregar a capacidade de autorregulação da pessoa”, afirma o cientista que mantém a esperança e acredita na reversão do problema através da mudança da forma como o cérebro atua.

“Pesquisas anteriores já mostraram que a meditação mindfulness está relacionada à diminuição do tamanho da amígdala, à expansão do DACC e ao enfraquecimento da conexão entre essas duas áreas”, explica. E Caroline Schluter, principal autora do estudo, acrescenta: “o cérebro é muito responsivo e pode mudar ao longo da vida.”

Ciberia // BBC / ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Britânico não pode entrar na Holanda com sanduíche e ouve: ‘Bem-vindo ao Brexit’

Um simples sanduíche de presunto, feito em casa e devidamente embrulhado em papel alumínio, foi motivo suficiente para que um motorista britânico fosse parado, interrogado e por fim perdesse o alimento na alfândega localizada na …

Inclinação de Saturno pode ser explicada pela migração de suas luas; entenda

Em um novo estudo, cientistas do French National Centre for Scientific Research (CNRS) e da Sorbonne University perceberam que a inclinação de Saturno pode ser causada pela influência da migração de suas luas — principalmente …

A verdade sobre as pessoas que "ouvem" os mortos: estudo

Cientistas identificaram os traços que podem tornar uma pessoa mais propensa a afirmar que ouve as vozes dos mortos. De acordo com novas pesquisas, uma predisposição a altos níveis de absorção em tarefas, experiências auditivas incomuns …

OMS diz não ter conhecimento de mortes relacionadas ao uso da vacina da Pfizer

A OMS não tem conhecimento de qualquer morte relacionada ao uso da vacina contra a COVID-19 produzida pelos laboratórios Pfizer e BioNTech, disse hoje (20) a diretora-geral adjunta da organização, a brasileira Mariângela Simão. "Temos uma …

QAnon ganha cada vez mais força na Alemanha

O ataque ao Capitólio nos EUA ilustrou o perigo que teorias da conspiração podem representar. Na Alemanha, o movimento tem cada vez mais adeptos – que se mantêm fiéis ao agora ex-presidente americano Donald Trump. A …

Coronavírus em Manaus: "Meu irmão morreu de covid em hospital particular, e a conta é de R$ 180 mil"

A tragédia familiar vivida pelo advogado Amaury Andreoletti ilustra o impacto emocional e também financeiro do colapso no sistema de saúde de Manaus (AM). Andreoletti, que chegou a ficar quatro dias internado e se recuperou, viu …

Biden reverte medidas de Trump e volta ao Acordo do Clima de Paris; entidades comemoram

Horas depois de assumir a Casa Branca, o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, cumpriu a promessa de reverter uma série de medidas tomadas pelo antecessor, Donald Trump. No total, foram 17 decretos assinados …

Avião com vacinas contra covid-19 entra em rota de colisão com jato após curva errada

  Essa foi por pouco! Na manhã desta terça-feira (19), um avião monomotor com vacinas contra a covid-19 a bordo fez uma curva errada após a decolagem, e acabou entrando em rota de colisão com um …

Emaranhamento quântico é transmitido a drones separados por 1 km de distância

Fótons emaranhados foram transmitidos entre dois drones pairando a um quilômetro de distância um do outro, demonstrando tecnologia que poderia ser a base de uma internet quântica. Quando dois fótons são emaranhados quanticamente, você pode deduzir …

Joe Biden empossado 46.º Presidente dos EUA

Joe Biden tomou posse, esta quarta-feira, como Presidente dos Estados Unidos, e Kamala Harris foi empossada a primeira vice-presidente norte-americana. No seu discurso, Biden disse que "este é o dia da América, da democracia …