Sombra, a cadela policial especialista em encontrar droga, tem a cabeça a prêmio na Colômbia

(dr) Polícia da Colômbia

Sombra

A cadela policial tem a cabeça a prêmio na Colômbia, depois de ter encontrado várias toneladas de droga do grupo de narcotráfico mais poderoso do país.

Em toda a sua carreira na brigada antinarcóticos da Colômbia, a cadela Sombra, uma pastora alemã de seis anos, conseguiu localizar uma quantidade sem precedentes de droga.

Agora, a cadela teve que ser transferida para um local seguro para ficar a salvo dos traficantes de droga colombianos que, incomodados com a eficiência do seu trabalho, puseram a sua cabeça a prêmio.

De acordo com informações apuradas pela imprensa, fontes dos serviços de inteligência afirmam que a gangue do Clã do Golfo, também conhecido por “Los Urabeños”, oferece uma recompensa para quem conseguir matar o animal.

Tratam-se de 20 milhões de pesos colombianos de recompensa (quase R$ 26 mil), segundo a Direção Antinarcóticos da Polícia da Colômbia, e não 70 mil dólares como tinha sido divulgado inicialmente pela mídia local.

O motivo: Sombra conseguiu descobrir mais de cinco toneladas de cocaína dessa gangue, atualmente considerada a organização criminosa mais poderosa da Colômbia, e, com isso, impediu o envio da droga para o continente europeu.

Grande parte do tráfico de drogas na Colômbia é controlado por esse grupo e pelo seu respectivo líder, Dairo Antonio Úsuga, também conhecido como Otoniel, e que é também um dos homens mais procurados do país.

De acordo com a BBC, a cadela foi transferida da área onde os ‘narcos’ operam, em Turbo, Antioquia, para o aeroporto El Dorado, na cidade de Bogotá, uma vez que esse local está fora da principal zona de influência do grupo e, por isso, é considerado seguro.

Apesar das ameaças, as autoridades garantem que Sombra está segura e não corre nem irá correr nenhum risco de vida. Além do seu tratador habitual, agora também será acompanhada por mais funcionários para ter segurança reforçada.

O “terror” dos narcotraficantes

Sombra entrou para a brigada antidrogas quando ainda era pequena, tendo sido distinguida durante dois anos consecutivos ao receber a medalha “Wilson Quintero” pela sua “contribuição inestimável” à luta contra o tráfico de drogas no país.

Para a polícia antinarcóticos, a cadela se tornou “o terror” das organizações criminosas e, por isso, tentam matá-la. Sombra ajudou as autoridades em portos da costa atlântica, incluindo na cidade de Turbo, onde toneladas de droga saem em lanchas, e às vezes em pequenos submarinos, com destino aos EUA e à Europa.

Em junho, a cadela descobriu 5,3 toneladas de cocaína em Turbo e encontrou posteriormente outras quatro toneladas escondidas em peças de automóvel que também seriam exportadas.

De acordo com a rede de televisão colombiana RCN, foi o diretor da polícia, o general Jorge Nieto, quem ordenou a transferência de Sombra para o aeroporto de Bogotá, onde também já conseguiu apreensões significativas de droga.

“Sua intuição permitiu a detenção de mais de 245 pessoas em aeroportos como o José María Córdova, em Rionegro, e o El Dorado, em Bogotá”, disse à cadeia televisiva o coronel Carlos Fernando Villareal, chefe de treino canino da brigada antidrogas.

“Ela vai ficar nesse aeroporto até ser dada nova ordem, já que sua presença aqui também tem permitido evitar a saída de várias cargas de droga do país”, acrescenta o responsável.

Ciberia // BBC / ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

EUA: Estudo traz primeiros resultados 'promissores' de vacina de RNA mensageiro contra Aids

Uma vacina usando a tecnologia de RNA mensageiro, a mesma que algumas vacinas contra a Covid-19, pode ser usada desta vez contra a Aids. É o que mostram os primeiros resultados promissores de testes …

Viagem de Lula à Argentina visa fortalecer governo de Fernández e teoria de lawfare contra Kirchner

O ex-presidente Lula será o primeiro estrangeiro a discursar diante de uma multidão na Praça de Maio, em Buenos Aires, em um ato destinado a renovar o vínculo do governo argentino com o seu …

Após EUA, vários países se mobilizam em boicote aos Jogos Olímpicos de Inverno de Pequim

Reino Unido, Austrália, Canadá, Nova Zelândia seguiram os passos dos Estados Unidos e anunciaram que também vão participar do “boicote diplomático” aos Jogos Olímpicos de Inverno de Pequim, previstos para fevereiro. Os países acusam …

Musk anuncia que Neuralink testará microchips neuronais em humanos em 2022

O bilionário e empreendedor norte-americano referiu que já testou com sucesso um implante cerebral em um macaco, e quer agora que essa tecnologia seja aplicada em humanos. Os humanos poderão ter implantes cerebrais da empresa Neuralink …

Cientistas americanos encontram substância contra coronavírus em algas para sushi

Biólogos americanos esperam que sua descoberta ajude na criação de tratamentos antivírus com base em plantas. Os cientistas determinaram que o sulfato de rhamnan – polissacarídeo componente das algas verdes Monostroma nitidum, utilizadas para embrulhar o …

Mulheres comandam metade dos ministérios no governo Scholz

Futuro chanceler confirma nomes finais do seu governo, que deverá começar os trabalhos ainda esta semana. Percentual de mulheres no comando de ministérios federais é o maior da história da Alemanha. O próximo chanceler federal da …

Biden e Putin fazem videoconferência para tentar resolver impasse na Ucrânia

Joe Biden e Vladimir Putin se preparam para uma vídeoconferência nesta terça-feira (7) em um momento em que as tensões entre Washington e Moscou se intensificam com rumores de uma iminente invasão da Ucrânia …

Aung San Suu Kyi é condenada a 4 anos de prisão

Líder deposta por golpe militar em Mianmar enfrenta série de acusações que a Anistia Internacional chama de falsas. Novo veredicto deve sair nos próximos dias. A líder deposta de Mianmar, Aung San Suu Kyi, foi condenada …

Em último vídeo do mandato, Merkel pede que população se vacine

A chanceler alemã Angela Merkel, que deixará o poder na próxima quarta-feira (8), voltou a defender neste sábado (4) a vacinação contra a Covid-19, no último de uma série de mais de 600 vídeos …

Descobrem na China ferramenta de marfim de 99 mil anos, possivelmente a mais antiga do país

Pesquisadores desenterraram uma pá de marfim datada de há cerca de 99.000 anos em um sítio arqueológico do Paleolítico na província chinesa de Shandong. Acredita-se que o objeto seja uma das primeiras ferramentas de osso utilizadas …