Testemunhas de Jeová são acusadas de incentivar mulheres a suportar violência

O último número da revista das Testemunhas de Jeová (TJ) está sendo acusado, em Portugal, de incentivar as mulheres a suportar casos de violência doméstica como forma de preservar o casamento.

Em questão está a última edição da revista Sentinela, mais concretamente o artigo com o título “Respeite O que Deus pôs sob o mesmo jugo”, no qual, segundo o Público, os autores da revista abordam os temas do casamento e do divórcio.

É das páginas 10 a 14 da revista das Testemunhas de Jeová (TJ), em português, que os autores apontam situações em que “talvez ele costume bater nela, colocando a saúde e a vida dela em perigo” para lembrarem os religiosos do grupo que “passaram por situações parecidas e decidiram não se separar”, isto é, “preferiram perseverar e se esforçar para melhorar o casamento“.

O texto reforça a ideia de que os que optaram por continuar casados “dizem que esse sacrifício valeu a pena, principalmente depois que o marido ou a esposa se tornou adorador de Jeová”.

De acordo com o jornal, o artigo em questão indignou muitas ex-Testemunhas de Jeová, como é o caso de Ana Cláudia Sousa, expulsa da congregação há 16 anos depois de ter se divorciado sem “base bíblica”.

“Em um país em que, como em Portugal, todos os meses morrem mulheres vítimas de violência doméstica, eles continuam a insistir que ela deve se manter no casamento?! Não acho isto admissível”, declarou ao diário a “desassociada” (membro que foi expulso).

Questionado pelo Público, Pedro Candeias, porta-voz da organização no país, recusa que se possa ler no artigo qualquer incentivo à aceitação da violência. “As Testemunhas de Jeová […] consideram repulsiva toda e qualquer forma de violência, incluindo a violência doméstica, seja na forma física, verbal ou psicológica”, assegurou.

“As publicações das Testemunhas de Jeová explicam a informação da Bíblia, no entanto, é de responsabilidade de cada pessoa tomar suas próprias decisões”, acrescenta.

“A mensagem é subliminar, mas as pessoas ‘lá de dentro’ a entendem: uma mulher que se mantenha com um marido violento é digna de elogio porque pode salvá-lo“, interpreta outro ex-membro das TJ, que durante sete anos foi ancião (equivalente a um padre), explicando ao jornal que as edições da revista são lidas e discutidas parágrafo a parágrafo nas reuniões semanais entre anciãos e membros das TJ.

O ex-ancião considera ainda que o denominador comum é o desincentivo da denúncia às autoridades civis. “Isto se passa sobretudo quando quem violenta é Testemunha de Jeová. Eles tentam preservar uma imagem de superioridade e qualquer coisa que lance dúvidas sobre o nome de Jeová, é fortemente desaconselhada”, explica.

“A mensagem é claríssima: deixem estar porque Deus odeia o divórcio e há esperança que o marido se torne Testemunha de Jeová, mesmo que para isso tenham que passar anos levando porrada“, interpreta uma advogada que também foi expulsa da organização por ter integrado uma eleições à uma subprefeitura portuguesa.

Por sua vez, a socióloga Helena Vilaça vê outra interpretação nos parágrafos que apontam a “imoralidade sexual” como base bíblica para o divórcio. “Toda aquela interpretação não está distante da concepção que a Igreja Católica tem relativamente ao casamento”, relativiza.

“As Testemunhas de Jeová até vão mais longe quando põem a hipótese de a mulher deixar o marido em situação de imoralidade sexual, deixando-a livre para casar novamente”, acrescenta a pesquisadora da Universidade do Porto (UP), norte de Portugal, lembrando que os padres católicos também não andam propriamente aconselhando mulheres a se divorciarem.

Existem cerca de 600 congregações das TJ em Portugal. Em março deste ano, um ex-membro do culto religioso lançou uma petição, dirigida à Assembleia da República e à Comissão da Liberdade Religiosa, pedindo a extinção da Associação das Testemunhas de Jeová no país e o cancelamento da sua inscrição no registro de pessoas jurídicas religiosas.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Quem não quer seguir e obedecer ao grandioso Deus Jeová, fica colocando opiniões na boca do povo para justificar sua falta de fé e zelo pelo nome divino.

DEIXE UM COMENTÁRIO:

‘Grande ameaça à saúde pública’: cientistas descobrem mutação resistente a remédio contra a malária

Pesquisadores em Ruanda identificaram uma cepa do parasita causador da malária que é resistente a medicamentos. O estudo, publicado na revista Nature, revelou que os parasitas eram capazes de resistir ao tratamento com a artemisinina, um …

Brasil, um ano no foco da crítica ambiental mundial

Em agosto de 2019, país virou pária ambiental devido a incêndios e aumento do desmatamento. Bolsonaro reagiu com agressividade e insultos. Agora, aumenta a pressão de investidores estrangeiros por uma mudança de rumo. Foi uma catástrofe …

Com medo da Covid-19, Venezuela discrimina venezuelanos que voltam ao país

Várias medidas vêm sendo aplicadas na Venezuela para conter a Covid-19. Um estádio foi transformado em hospital de campanha, blocos de concreto foram colocados nas vias, festas estão proibidas e há um canal de …

Centro Gamalei, desenvolvedor de vacina russa, explica como funciona e se há riscos para o paciente

O diretor do Centro Nacional de Pesquisa de Epidemiologia e Microbiologia Gamalei falou sobre os testes da vacina, que será registrada oficialmente na quarta-feira (12). As partículas do coronavírus na vacina da COVID-19 não podem prejudicar …

Mistura inusitada de amônia e água cria raios superficiais e granizos em Júpiter

Júpiter, o maior gigante gasoso do Sistema Solar, é um lugar coberto por tempestades estranhas. O que os cientistas ainda não sabiam é que no meio dessas tormentas, existem raios de natureza bem diferente dos …

Emocionante avanço da teoria para a realidade: bizarro efeito quântico é observado

No núcleo toda estrela anã branca — o denso resto de uma estrela que queimou todo seu combustível — existe um fenômeno quântico enigmático: enquanto ganha massa ela reduz de tamanho chegando a um ponto …

Estudo prevê 300 mil mortes por covid até fim do ano nos EUA

Pesquisadores da Universidade de Washington pintam cenário sombrio caso restrições não sejam respeitadas. Enquanto primeiros epicentros registram queda, outros estados americanos divulgam taxas de infecções recordes. A epidemia de covid-19 deve matar aproximadamente 300 mil americanos …

Coronavírus: Exportações devem cair mais de 20% na América Latina, diz ONU

As exportações da América Latina e do Caribe podem cair mais de 20% em 2020 devido às consequências da pandemia do coronavírus, que também terá um impacto negativo nas importações, disse uma agência da …

O que é nitrato de amônio, que pode provocar explosões como a de Beirute?

A recente tragédia no país árabe trouxe de novo à tona preocupações sobre o armazenamento do perigoso material, tornando necessário saber como esses incidentes ocorrem para os prevenir. A explosão de nitrato de amônio em Beirute, …

Astrônomos descobrem nuvens gigantes "escondidas" em Vênus há 35 anos

Uma equipe de astrônomos encontrou nuvens venenosas, com gotas de ácido sulfúrico em sua formação, em meio à densa atmosfera de Vênus. Curiosamente, essas nuvens já estavam presente na atmosfera venusiana há pelo menos 35 anos, …