Procuram-se voluntários para ensinar as mulheres da Arábia Saudita a dirigir

حملة 26 أكتوبر

Mulher árabe dirigindo nos protestos de 26 de outubro de 2014

As mulheres sauditas, que poderão começar a dirigir a partir de junho, recorrem ao Twitter para conseguir contornar a desigualdade dos preços praticados nas escolas de condução na Arábia Saudita.

A partir de junho, as mulheres sauditas vão finalmente poder dirigir. O país árabe era o único no mundo que mantinha a proibição e, até agora, as cidadãs que fossem flagradas dirigindo corriam o risco de serem presas ou terem que pagar multa.

No entanto, segundo a Elle, o reino não tem facilitado o processo e as mulheres terão que pagar quase seis vezes mais que os homens para obterem a carteira de habilitação.

De acordo com a revista norte-americana, as mulheres com alguma experiência na direção precisam de apenas 30 horas de aulas e, por sua vez, as que não têm qualquer experiência necessitam de 90 horas.

O preço médio para uma hora de aula custa entre 60 a 75 riais, o que significa que as mulheres que nunca dirigiram vão ter de pagar cerca de R$ 6.500 para conseguir o número de horas exigido para estarem aptas ao exame de condução.

Além disso, os preços praticados pelas escolas femininas também são mais elevados se comparados aos das autoescolas para homens: um curso de direção para mulheres pode chegar aos 2400 riais (R$ 2.330), enquanto que o site do Ministério do Interior mostra que para um homem custaria apenas 435 riais (R$ 425).

Por isso, as mulheres sauditas mostram sua indignação nas redes sociais, tendo chegado a uma ideia para contornar a situação. Segundo a revista, tudo começou com o tuíte de Hanaa Aldhafery.

“Há por aí voluntários dispostos a ensinar outras pessoas a dirigir de forma gratuita? As aulas teriam que ser depois do Ramadã porque não queremos nenhum problema com a justiça e teriam que acontecer em parques de estacionamento longe de multidões. Se a resposta é sim, por favor escreva o nome da sua cidade em #مستعده_ادرب”, escreveu a saudita de 32 anos.

Traduzida para português, a hashtag significa algo como “estou pronto para ensinar” e, quantas mais pessoas estiverem disponíveis a ajudar, mais fácil será combater a desigualdade dos preços praticados no país.

Segundo a revista americana, desta forma, as mulheres que nunca dirigiram vão precisar apenas completar as 30 horas de aulas e conseguirão poupar cerca de R$ 3.200.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Príncipe Andrew vira centro de escândalo sexual

O príncipe Andrew do Reino Unido comunicou nesta quarta-feira (20/11) que decidiu se afastar da vida pública após o agravamento da controvérsia em torno de seu envolvimento com o milionário americano Jeffrey Epstein, acusado de …

Brasil é o maior hub de fintech da América Latina

O Brasil é o maior país da América Latina — tanto em massa quanto em população — e ocupa uma posição influente no cenário global. Depois dos Estados Unidos, o Brasil lidera a lista do …

Entomólogo dos EUA acredita ter identificado fósseis de insetos em Marte

O entomólogo William Romoser, professor emérito da Universidade de Ohio (EUA), analisou fotos captadas por rovers da NASA em Marte e afirma ter achado nelas fósseis de insetos. Romoser analisou detalhadamente estruturas parecidas a abelhas, bem …

China se irrita com decisão americana sobre Hong Kong e convoca diplomata

Pequim convocou nesta quarta-feira (20) um diplomata do alto escalão dos Estados Unidos após a adoção na terça-feira (19), pelo Senado americano, de um texto que apoia os "direitos humanos e democracia" em Hong Kong. Os …

Porteiro que citou Bolsonaro no caso Marielle recua em novo depoimento

O porteiro que citou o presidente Jair Bolsonaro nas investigações sobre a morte da vereadora Marielle Franco e do motorista, Anderson Gomes, depôs nesta terça-feira (19/11) à Polícia Federal e recuou da versão que havia …

Anistia Internacional denuncia mais de 100 mortes em protestos no Irã

ONG relata uso de munição real contra manifestantes e diz que total de mortos pode ser ainda maior. Presidente e líder supremo dizem que país teve êxito ao lidar com distúrbios provocados por inimigos externos. A …

Áustria decide sobre polêmica do destino da casa onde nasceu Hitler

Por enquanto, parece ter se encerrado a polêmica sobre qual destino dar à residência onde nasceu Adolf Hitler. O edifício, que fica na Áustria, se tornará uma delegacia de polícia, segundo anunciou o governo austríaco …

Satélites Starlink já estão atrapalhando observações astronômicas

Em maio, Elon Musk garantiu que seus satélites Starlink não causariam impactos nas observações astronômicas — declaração dada pelo Twitter logo após o lançamento dos primeiros 60 satélites do projeto que visa pelo menos 12 …

As celebridades no esporte que adoram poker - 7 esportistas que jogam poker por lazer!

O poker está cada dia mais alcançando um status como esporte e poderá até mesmo se tornar um esporte olímpico. Desde 2009, o poker é considerado mundialmente como um esporte da mente pela International Mind Sports …

Tiro de PM causou morte da menina Ágatha no Rio, aponta inquérito

A Polícia Civil do Rio de Janeiro afirmou nesta terça-feira (19/11) que um cabo da Polícia Militar foi indiciado por homicídio doloso (quando há intenção de matar) pela morte de Ágatha Vitória Sales Félix, de …