Bolsonaro rebate críticas e ataca pai de Michelle Bachelet, morto pela ditadura chilena

Tânia Rêgo / Agência Brasil

O candidato do PSL à Presidência da República, Jair Bolsonaro

Respondendo a críticas de Michelle Bachelet, Comissária dos Direitos Humanos da ONU, sobre a redução do espaço democrático no Brasil, Jair Bolsonaro a comparou ao presidente francês, Emmanuel Macron, e atacou o pai da ex-presidente chilena, morto pela ditadura de Augusto Pinochet.

Em entrevista coletiva em Genebra nesta quarta-feira (4), Bachelet mostrou preocupação com a “redução do espaço democrático” no Brasil, especialmente por causa de ataques contra defensores da natureza e dos direitos humanos.

A declaração de Bachelet acontece após Jair Bolsonaro ter mais uma vez defendido, na terça-feira (3), a exploração econômica da maior floresta tropical do planeta.

Ela citou ainda um “aumento” do número de pessoas assassinadas por policiais, lembrando que essa violência atinge de maneira desproporcional os negros e moradores de favelas. Bachelet lamentou “o discurso público que legitima as execuções sumárias” e a persistência da impunidade. Ela denunciou ainda a busca do governo brasileiro pela liberalização da posse de armas. A ex-presidente chilena citou que pelo menos oito militantes de direitos humanos foram assassinados no país entre janeiro e junho, a maioria após litígios envolvendo propriedades.

Ela falou ainda sobre a “exploração ilegal de recursos naturais, principalmente agrícolas, florestais e minerais”. Para Bachelet, a violência contra a proteção do meio ambiente é presente em todo o país e atinge “principalmente as comunidades indígenas”.

Ingerência

Em um post no Facebook, Bolsonaro escreveu que a chilena está seguindo a linha do presidente francês, Emmanuel Macron.

“Ao se intrometer nos assuntos internos e na soberania brasileira, investe contra o Brasil na agenda de direitos humanos (de bandidos), atacando nossos valorosos policiais civis e militares”. Para ilustrar a mensagem, ele usou uma foto de Michelle Bachelet ao lado de Dilma Rousseff e Cristina Kirchner.

Bolsonaro acrescentou que Bachelet “se esquece que seu país só não é uma Cuba graças aos que tiveram a coragem de dar um basta à esquerda em 1973, entre esses comunistas o seu pai brigadeiro à época”, referindo-se ao golpe que levou Augusto Pinochet e à ditadura que matou o pai da ex-presidente.

// RFI

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Anistia Internacional denuncia mais de 100 mortes em protestos no Irã

ONG relata uso de munição real contra manifestantes e diz que total de mortos pode ser ainda maior. Presidente e líder supremo dizem que país teve êxito ao lidar com distúrbios provocados por inimigos externos. A …

Áustria decide sobre polêmica do destino da casa onde nasceu Hitler

Por enquanto, parece ter se encerrado a polêmica sobre qual destino dar à residência onde nasceu Adolf Hitler. O edifício, que fica na Áustria, se tornará uma delegacia de polícia, segundo anunciou o governo austríaco …

Satélites Starlink já estão atrapalhando observações astronômicas

Em maio, Elon Musk garantiu que seus satélites Starlink não causariam impactos nas observações astronômicas — declaração dada pelo Twitter logo após o lançamento dos primeiros 60 satélites do projeto que visa pelo menos 12 …

As celebridades no esporte que adoram poker - 7 esportistas que jogam poker por lazer!

O poker está cada dia mais alcançando um status como esporte e poderá até mesmo se tornar um esporte olímpico. Desde 2009, o poker é considerado mundialmente como um esporte da mente pela International Mind Sports …

Tiro de PM causou morte da menina Ágatha no Rio, aponta inquérito

A Polícia Civil do Rio de Janeiro afirmou nesta terça-feira (19/11) que um cabo da Polícia Militar foi indiciado por homicídio doloso (quando há intenção de matar) pela morte de Ágatha Vitória Sales Félix, de …

Caminhão com dobro do peso autorizado causou queda de ponte na França

O desabamento de uma ponte no sul da França, que causou a morte de duas pessoas na manhã de segunda-feira (18), foi provavelmente provocado pela passagem de um caminhão que pesava mais de 40 toneladas, …

Suécia suspende investigações de estupro contra Julian Assange

Autoridades da Suécia anunciaram nesta terça-feira (19) que vão desistir das investigações de estupro contra Julian Assange, fundador do WikiLeaks, que segue preso em Londres. Depois de terem sido suspensas em 2017, as investigações foram …

Novo mapa de Titã revela que a lua de Saturno é coberta por material orgânico

Cientistas montaram o primeiro mapa geológico global de Titã, uma das principais luas de Saturno, graças aos dados fornecidos pela sonda Hyugens — lançada em 1997 com a missão Cassini. Além de ser a única lua …

Desmatamento na Amazônia atinge maior nível desde 2008

Entre agosto de 2018 e julho de 2019, o desmatamento da Floresta Amazônica cresceu 29,5% em comparação com os 12 meses anteriores. Ao todo, a floresta perdeu uma área de 9.762 km² (equivalente a sete …

Conheça a vodka feita de ‘nada’, produzida a partir de energia solar, água e CO2

Bebida originária da Europa Oriental, a vodka é um destilado que pode ser obtido a partir do arroz, cevada, milho, trigo, centeio e até ervas. E se a gente te contasse que um grupo de empreendedores …