Bolsonaro rebate críticas e ataca pai de Michelle Bachelet, morto pela ditadura chilena

Tânia Rêgo / Agência Brasil

O candidato do PSL à Presidência da República, Jair Bolsonaro

Respondendo a críticas de Michelle Bachelet, Comissária dos Direitos Humanos da ONU, sobre a redução do espaço democrático no Brasil, Jair Bolsonaro a comparou ao presidente francês, Emmanuel Macron, e atacou o pai da ex-presidente chilena, morto pela ditadura de Augusto Pinochet.

Em entrevista coletiva em Genebra nesta quarta-feira (4), Bachelet mostrou preocupação com a “redução do espaço democrático” no Brasil, especialmente por causa de ataques contra defensores da natureza e dos direitos humanos.

A declaração de Bachelet acontece após Jair Bolsonaro ter mais uma vez defendido, na terça-feira (3), a exploração econômica da maior floresta tropical do planeta.

Ela citou ainda um “aumento” do número de pessoas assassinadas por policiais, lembrando que essa violência atinge de maneira desproporcional os negros e moradores de favelas. Bachelet lamentou “o discurso público que legitima as execuções sumárias” e a persistência da impunidade. Ela denunciou ainda a busca do governo brasileiro pela liberalização da posse de armas. A ex-presidente chilena citou que pelo menos oito militantes de direitos humanos foram assassinados no país entre janeiro e junho, a maioria após litígios envolvendo propriedades.

Ela falou ainda sobre a “exploração ilegal de recursos naturais, principalmente agrícolas, florestais e minerais”. Para Bachelet, a violência contra a proteção do meio ambiente é presente em todo o país e atinge “principalmente as comunidades indígenas”.

Ingerência

Em um post no Facebook, Bolsonaro escreveu que a chilena está seguindo a linha do presidente francês, Emmanuel Macron.

“Ao se intrometer nos assuntos internos e na soberania brasileira, investe contra o Brasil na agenda de direitos humanos (de bandidos), atacando nossos valorosos policiais civis e militares”. Para ilustrar a mensagem, ele usou uma foto de Michelle Bachelet ao lado de Dilma Rousseff e Cristina Kirchner.

Bolsonaro acrescentou que Bachelet “se esquece que seu país só não é uma Cuba graças aos que tiveram a coragem de dar um basta à esquerda em 1973, entre esses comunistas o seu pai brigadeiro à época”, referindo-se ao golpe que levou Augusto Pinochet e à ditadura que matou o pai da ex-presidente.

// RFI

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Sucesso nas apostas depende do apostador

Se você quer ter lucro nas apostas, precisa fundamentalmente de duas coisas: ter vantagem em relação à casa de apostas e um método de apostas bem rigoroso. Falamos disso porque muitos dos apostadores deixam dinheiro às …

Bezos doará US$ 10 bilhões para combater mudanças climáticas

Dono da Amazon anuncia fundo para financiar pesquisas voltadas a reduzir impactos do aquecimento global. Empresa tem enorme pegada de carbono por uso de combustíveis fósseis no transporte de produtos. O multimilionário americano Jeff Bezos afimou …

Jogador alvo de racismo toma atitude que todo mundo deveria ter e abandona gramado

Na última rodada da Liga Portuguesa, o Porto venceu fora de casa Vitória de Guimarães por 2 a 1. O gol que definiu a partida foi do malinês Marega. O ponta de lança recebeu um …

Ministra da Saúde de Macron vai disputar prefeitura de Paris em batalha de mulheres

O partido presidencial francês e seus aliados centristas encontraram neste domingo (16) na ministra da Saúde, Agnès Buzyn, 58, a sucessora ideal para Benjamin Griveaux. O candidato de Emmanuel Macron ao cargo de prefeito de …

Organização vende suposto DNA de Donald Trump e outros líderes globais

Nesta sexta-feira, uma organização chamada Earnest Project passou a oferecer a chance de possuir amostras de DNA de alguns líderes mundiais e outras celebridades. O grupo alega que coletou clandestinamente itens descartados pelos participantes do Fórum …

Tribunal alemão suspende derrubada de floresta para fábrica da Tesla

Justiça ordena que gigante americana interrompa corte de árvores nos arredores de Berlim enquanto analisa pedido de associação ambiental. Empresa de Elon Musk planeja construir ali sua primeira "gigafábrica" da Europa. Um tribunal na Alemanha determinou …

Satélites podem facilmente ser manipulados por hackers, alerta pesquisador

Talvez você já esteja por dentro da confusão toda em relação aos problemas que os satélites Starlink, da SpaceX, estão causando na comunidade astronômica. Os relativamente poucos satélites lançados (cerca de 240, como parte de um …

Na Índia, campanha faz semáforo voltar ao vermelho se os motoristas buzinarem demais

Se a Índia é um país famoso por sua religiosidade, sua culinária, suas belezas naturais e, sendo o segundo país mais populoso, por ser a maior democracia por eleitorado do mundo, ela também carrega a …

Secularismo e tolerância a minorias predizem a prosperidade de um país

Pesquisadores da Universidade de Bristol e Universidade do Tennesse analisaram dados de quase 500 mil pessoas de 109 países e concluíram que mudanças na cultura geralmente vêm antes da melhora na riqueza, educação e democracia. Os …

Estudo: declínio de abelhas se aproxima da extinção em massa

De acordo com um novo estudo liderado por cientistas da Universidade de Ottawa (Canadá), a probabilidade de uma população de abelhas sobreviver em qualquer lugar diminuiu 30% no curso de uma geração humana. Os pesquisadores sugerem …