Chocolate, café, chá e vinho prolongam a vida (mas com uma condição)

O consumo de chocolate, café, chá e vinho ajuda a prolongar a expectativa média de vida, mas desde que sejam ingeridos com um suplemento de zinco. É a conclusão de um novo estudo internacional.

Uma equipe internacional de pesquisadores, liderada por Ivana Ivanovi-Burmazovi, da Universidade de Erlangen-Nuremberga (FAU), na Alemanha, apurou que o zinco pode ativar uma molécula orgânica no chocolate, no café, no chá e no vinho, que ajuda a proteger o organismo do estresse oxidativo.

O estresse oxidativo está diretamente associado ao envelhecimento e a algumas doenças graves. Já o zinco é um mineral ligado a um melhor rendimento físico, assim como à saúde de cabelos, unhas e pele.

Com intervenção em nível do metabolismo celular, o zinco ajuda a regular enzimas fundamentais para o bom funcionamento do sistema digestivo, por exemplo, contribuindo para a perda de peso, e também neutraliza os efeitos dos chamados radicais livres, que estão associados a várias doenças.

E quando combinado com chocolate, café, chá e vinho, o zinco “pode proteger contra o superóxido responsável pelo estresse oxidativo”, explica o comunicado da FAU sobre o estudo internacional.

“O zinco ativa os grupos hidroquinona”, que se encontram nos polifenóis presentes nos quatro produtos, ou seja, no composto orgânico que é responsável pelo cheiro e pelo sabor, notam os pesquisadores.

Assim, produz “uma proteção natural contra o superóxido, um subproduto da respiração celular humana que danifica as próprias biomoléculas do corpo. Por exemplo, as proteínas ou lípidos, assim como o genoma humano”, acrescentam.

No artigo científico publicado na Nature Chemistry, salienta-se que a hidroquinona isolada não é capaz de “quebrar o superóxido”. Mas quando combinada com o zinco, é criado “um complexo de metal”, que “imita a enzima superóxido dismutase (SOD)” que, por sua vez, protege o corpo “dos processos de degradação causados pela oxidação” e tem “um efeito antioxidante”, apontam os autores do estudo.

Desse modo, “o superóxido pode ser metabolizado e o dano para o organismo prevenido”, evitando-se o estresse oxidativo, afirmam.

A descoberta pode dar acelerar o desenvolvimento de medicamentos baseados em zinco, mas também abre as portas à opção de acrescentar suplementos com esse mineral à comida enriquecida com hidroquinona.

“É certamente possível que vinho, café, chá ou chocolate possam estar disponíveis no futuro com zinco adicionado“, frisa Ivana. No entanto, o excesso de álcool pode “destruir os efeitos positivos da combinação”, alerta a cientista.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Fóssil quase completo revela segredos sobre leão marsupial que aterrorizou a Austrália

A recente descoberta do fóssil de um esqueleto quase completo de um leão marsupial extinto revelou alguns dos seus segredos. Segundo a equipe de cientistas, cujo estudo foi publicado no dia 12 de dezembro na revista …

Boris, um robô altamente avançado, era na verdade um homem disfarçado

Em um fórum dedicado à robótica, a estação televisiva Rússia 24 apresentou um robô humanoide altamente avançado. Mas Boris era apenas um disfarce. “O Boris já aprendeu a dançar e não é ruim nisso”, foi assim …

Senado dos EUA responsabiliza príncipe saudita pelo homicídio de Khashoggi

Os senadores norte-americanos aprovaram por unanimidade uma resolução que refere que o príncipe herdeiro é “responsável pelo homicídio”, solicitando ao governo da Arábia Saudita que “garanta a aplicação de medidas apropriadas”. O Senado dos Estados Unidos …

Desigualdade cria ambiente propício para extrema direita no Brasil, diz Dilma

Personificada no presidente eleito Jair Bolsonaro, a extrema direita estava latente no Brasil e aproveitou-se da desigualdade para pavimentar seu crescimento. A avaliação foi feita pela ex-presidente Dilma Rousseff, derrotada nas eleições de outubro ao …

Químicos usados em panelas e roupas tornam os pênis menores

Um novo estudo científico concluiu que a exposição a altos níveis de compostos perfluoroalquílicos, mais conhecidos por PFCs, atrofia o crescimento dos órgãos sexuais masculinos, tornando os pênis menores e afetando também a fertilidade dos …

Atriz pornô é condenada a pagar 293 mil dólares a Donald Trump

Stormy Daniels foi condenada a pagar 293 mil dólares a Donald Trump para cobrir os gastos do presidente dos EUA com a Justiça. A atriz pornô Stormy Daniels, cujo nome real é Stephanie Clifford, foi condenada …

McDonald's vai reduzir uso de antibióticos na produção da carne

A resistência aos antibióticos representa uma ameaça à saúde global e à segurança alimentar. Quanto mais antibióticos são dados ao gado, mais rapidamente as bactérias podem se adaptar e se tornar resistentes. Quando se trata de …

Uma tonelada de chocolate invadiu as ruas de uma cidade na Alemanha

Um “rio” de chocolate invadiu as ruas de Werl, na Alemanha, esta semana. Um tanque de uma fábrica local produtora de chocolate transbordou, derramando cerca de uma tonelada de chocolate nas ruas da cidade, se …

Sonda da NASA captou o som do vento em Marte

A sonda InSight da NASA pousou em Marte em 26 de novembro, tendo a missão de estudar o interior do Planeta Vermelho. Por enquanto, nos presenteou com o som do vento no nosso planeta vizinho. No …

Voyager 2 da NASA já entrou no espaço interestelar

Pela segunda vez na história, um objeto feito pelo homem alcançou o espaço entre as estrelas. A sonda Voyager 2 da NASA saiu da heliosfera – a bolha protetora de partículas e campos magnéticos criada …