Cientista que criou bebês geneticamente modificados é vigiado por guardas misteriosos

Alex Hofford / EPA

O cientista He Jiankui

O cientista chinês He Jiankui foi visto pela primeira vez desde que desapareceu no final de novembro passado, depois de anunciar a criação da primeira modificação genética de bebês.

Aparentemente, Jiankui está na casa de hóspedes para professores visitantes no campus da Universidade do Sul de Ciência e Tecnologia em Shenzhen (Canton, China), uma instituição onde era professor associado, de acordo com o New York Times.

Anteriormente, o centro educacional negou que tivesse detido seu ex-funcionário no campus, como já sugeriram alguns meios de comunicação, assegurando que essa informação não passava de especulação.

Os rumores sobre o paradeiro do médico surgiram depois de, na semana passada, ter sido filmado andando em uma varanda cercada por tela de arame e conversando com uma mulher, aparentemente sua esposa, que carregava um bebê nos braços.

Segundo o jornal, a área é vigiada por uma “dúzia de homens não identificados” vestidos em trajes civis. A mídia não conseguiu descobrir em que departamento estavam.

No último sábado, os funcionários da instituição receberam uma mensagem, notificando-os da proibição de falar com a mídia sobre qualquer informação relacionada à modificação genética de bebês. Tanto a escola como a polícia não forneceram nenhuma informação e não responderam aos pedidos de comentários.

O cientista não é visto desde a conferência sobre genética em Hong Kong, onde apresentou as primeiras explicações públicas sobre sua investigação, depois de ter revelado em um vídeo no YouTube que tinha criado os dois primeiros bebês geneticamente modificados.

Jiankui revelou como deu origem a duas gémeas resistentes ao HIV, desativando um gene que codifica uma proteína que permite que o vírus entre nas células, salientando que se encontram em um estado “normal e saudável”.

Na mesma conferência, também acrescentou que há um terceiro bebê que pode nascer igualmente alvo de embriões geneticamente modificados.

O anúncio de Jiankui originou grande polêmica em todo o mundo, e já há quem lhe chame o “Frankenstein chinês”. Ele tem sido arduamente criticado pela comunidade científica que considera que passou uma barreira ética inaceitável.

Depois de ter recebido milhões de euros de fundos públicos chineses para pesquisa, o jovem cientista parece ter se tornado persona non grata, sendo investigado pela universidade onde trabalha e pelo Ministério da Ciência e da Tecnologia da China.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Receita afirma que "só rico lê" e reforça preconceito de classe brasileiro

A Receita Federal deseja manter o projeto que cobra impostos sobre livros. Através da mesclagem entre PIS e Cofins, a nova CBS (Contribuição sobre bens e serviços), uma espécie de imposto sobre valor agregado, o …

Tribunal europeu dá aval a vacinação obrigatória

Corte de direitos humanos diz que medida pode ser necessária em sociedades democráticas e abre precedente no combate à covid-19. Tribunal julgava ação de famílias tchecas que se recusaram a vacinar os filhos. O Tribunal Europeu …

Covid-19: Governo chinês recompensa quem se vacina distribuindo ovos

Primeiro país afetado pela Covid-19, mas também o primeiro a se recuperar da pandemia, a China ainda encontra dificuldades para convencer sua população a se vacinar contra o coronavírus. O governo em algumas regiões …

Bloomberg revela planos de Biden de cortar orçamento do Pentágono

A administração Biden alegadamente pretende propor ao Pentágono um orçamento menor do que sob a administração Trump, reportou a agência Bloomberg citando três fontes. De acordo com agência, o orçamento será US$ 7 bilhões menor (cerca …

Cientistas revelam ameaça de grande desabamento de plataformas de gelo na Antártida

Novo estudo demonstrou que mais de um terço da área das plataformas de gelo na Antártida pode cair no mar se as temperaturas globais aumentarem em quatro graus, em comparação com o nível pré-industrial. De acordo …

“É como um lindo instrumento”: mais de 2 mil microfones desvendam o mistério o zunido dos beija-flores

O beija-flor faz um agradável zumbido quando paira na frente das flores para se alimentar. Mas só agora ficou claro como suas asas gera o som harmônico enquanto bate suas asas a impressionantes 40 vezes …

Barroso determina que presidente do Senado instale "CPI da covid"

Pedido para criar a comissão foi protocolado no início de fevereiro, mas Rodrigo Pacheco resistia. Colegiado deve apurar irregularidades e pode gerar desgaste ao governo. O ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou …

Cientistas descobrem segredo do computador de mais de 2 mil anos

A Máquina de Anticítera permanecia há mais de um século como um dos grandes mistérios do planeta até março desse ano: espécie de primeiro computador da história, o mecanismo com mais de 2 mil anos …

Família real britânica: morre príncipe Philip, marido da rainha Elizabeth 2ª

O príncipe Philip, marido da rainha Elizabeth 2ª, morreu nesta sexta-feira (09/04) aos 99 anos, anunciou o Palácio de Buckingham. Em um comunicado, o palácio disse: "É com profunda tristeza que Sua Majestade a Rainha anunciou …

Dinamarca suspende vistos e se torna 1° país europeu a ordenar retorno de refugiados à Síria

A Dinamarca acredita que a situação na província de Damasco se encontra atualmente estabilizada e decidiu suspender as autorizações de residência temporária de várias centenas de sírios. Trata-se do primeiro país europeu a ordenar …